Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/20700
Título: Efeitos de um programa de treino cognitivo e das técnicas de higiene do sono para as funções executivas e para a qualidade de sono em idosos saudáveis
Autor(es): Moreira, Ana Maria Souza
Palavras-chave: Envelhecimento;Funções executivas;Qualidade de sono;Treino cognitivo;Higiene do sono
Data do documento: 31-Jul-2015
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: MOREIRA, Ana Maria Souza. Efeitos de um programa de treino cognitivo e das técnicas de higiene do sono para as funções executivas e para a qualidade de sono em idosos saudáveis. 2015. 165f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.
Resumo: The aging process causes changes in the elderly’s sleep/awake standard impairing their cognitive abilities, particularly executive functioning, which already suffers loss by aging. The literature suggests that executive function and preserved sleep quality are key to maintaining good quality of life and independence of older people, requiring interventions to minimize the impact of losses incurred by the aging process. This study evaluated the effect of a cognitive training program and sleep hygiene techniques for executive functions and sleep quality in healthy older people. The participants were 41 healthy older adults, of both sexes, who were randomly divided into four groups: control group [GC], cognitive training group [GTC], sleep hygiene group [GHS] and training group + hygiene [GTH]. The research was developed in three stages: 1st - initial assessment of cognition and sleep; 2nd - specific intervention to each group; 3rd - post-intervention revaluation. The results showed that GTC had significant improvements in cognitive tasks flexibility, planning, verbal fluency and some aspects of episodic memory, besides gains in sleep quality and decrease on daytime hypersomnolence. The GHS improved sleep quality and daytime sleepiness as well and had significant improvements in insights capacity, planning, attention and in all evaluated aspects of episodic memory. The GTH had significant gains in cognitive flexibility, problem solving, verbal fluency, attention and episodic memory. The CG showed significant worsening in excessive daytime sleepiness in capacity planning. Thus, we conclude that cognitive training interventions and sleep hygiene strategies are useful in improving cognitive performance and quality of healthy elderly sleep.
metadata.dc.description.resumo: O processo de envelhecimento provoca alterações no padrão de sono/vigília dos idosos, prejudicando assim suas capacidades cognitivas, em especial o funcionamento executivo, que já sofre perdas pelo avançar da idade. A literatura aponta que funções executivas e qualidade do sono preservadas são fundamentais para manutenção de boa qualidade de vida e autonomia dos idosos, sendo necessárias intervenções que visem minimizar os impactos das perdas ocorridas pelo processo de envelhecimento. Nesse sentido, objetivou-se com esse estudo avaliar o efeito de um programa de treino cognitivo e das técnicas de higiene do sono para as funções executivas e para a qualidade de sono em idosos saudáveis. Participaram da pesquisa 41 idosos saudáveis, de ambos os sexos, que foram divididos aleatoriamente em quatro grupos distintos (grupo controle [GC], grupo treino cognitivo [CTC], grupo higiene do sono [GHS] e grupo treino + higiene [GTH]). A pesquisa aconteceu em três etapas: 1ª- avaliação inicial da cognição e do sono; 2ª- intervenção específica destinada a cada grupo; e 3ª- reavaliação pós-intervenção. Os resultados mostraram que o GTC teve melhoras significativas em tarefas de flexibilidade cognitiva, planejamento, fluência verbal e alguns aspectos da memória episódica, além de ganhos na qualidade de sono e diminuição da sonolência excessiva diurna. O GHS também melhorou a qualidade do sono e a sonolência diurna e teve melhoras significativas em capacidade de insights, planejamento, atenção e em todos os aspetos avaliados da memória episódica. O GTH teve ganhos significativos na flexibilidade cognitiva, na resolução de problemas, na fluência verbal, na atenção e na memória episódica. O GC apresentou piora significativa na sonolência excessiva diurna na capacidade de planejamento. Dessa forma, conclui-se que as intervenções de treino cognitivo e higiene do sono são estratégias úteis na melhora do desempenho cognitivo e da qualidade de sono de idosos saudáveis.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/20700
Aparece nas coleções:PPGPSI - Mestrado em Psicologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
AnaMariaSouzaMoreira_DISSERT.pdf1,99 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.