Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/20816
Título: Efeitos do Kinesio Taping® sobre os marcadores clínicos indiretos de dano muscular induzido pelo exercício excêntrico: ensaio clínico randomizado
Autor(es): Leite, Emmanoel Cláudio Fagundes
Palavras-chave: Eletromiografia;Torque;Dor musculoesquelética
Data do documento: 19-Mai-2015
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: LEITE, Emmanoel Cláudio Fagundes. Efeitos do Kinesio Taping® sobre os marcadores clínicos indiretos de dano muscular induzido pelo exercício excêntrico: ensaio clínico randomizado. 2015. 67f. Dissertação (Mestrado em Fisioterapia) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.
Resumo: Objective: analyze the effect of Kinesio Taping (KT) on the indirect clinical markers of muscle damage induced by eccentric exercises in the elbow flexors in healthy individuals. Materials and methods: It is a randomized controlled trial involving sixty volunteers at age group between 18 and 28 years randomly selected. The sample into three groups with twenty participants: control group (CG) – eccentric protocol without KT, KT group – eccentric with tensioned KT, placebo group – eccentric protocol KT with no tension. The evaluations took place at four moments; the first one was the basis line (AV1), after the second protocol (AV2) and the following two groups 24 (AV3) and 48 hours (AV4) after the intervention protocol. The muscle damage was induced by sixteen maximum eccentric contractions of the elbow flexors from the non-dominant limb, divided in two sets of eight repetitions, at 60º/s, with two minutes interval. The variables analyzed were: the joint amplitude in rest, the level of pain, the joint position sense (JPS) followed of isokinetic checking with electromyographic sign capitation. These data were analyzed in software SPSS 20.0. The normality was identified by Kolmogorov-Smimov examination and then, being used the ANOVA mixed model with significance of 5%. Outcomes: a decrease was observed at joint amplitude moreover, an immediate increase of pain wich increased after 24 and remained until 48 hours at all groups searched. There was not difference at the JPS. The variables peak torque, average peak torque, total work and mean power mean reduced until 48 hours after muscle lesion in all groups. Among the groups, there was no difference in EMG values and for any of the variables. Conclusion: The KT did not influence at the indirect clinical markers of muscle lesion induced by eccentric exercises in the elbow flexors in healthy people.
metadata.dc.description.resumo: Objetivo: Avaliar os efeitos do Kinesio Taping (KT) sobre os marcadores clínicos indiretos do dano muscular induzido pelo exercício excêntrico nos flexores do cotovelo, em indivíduos saudáveis. Materiais e métodos: Trata-se de um ensaio clínico e randomizadocom 60 voluntárias entre 18 a 28 anos, recrutadas por conveniência e distribuídas em três grupos com 20 integrantes:Grupo controle (GC) - submetidas ao protocolo excêntrico sem KT, Grupo KT (KT) - protocolo excêntrico com KT tensionado e Grupo Placebo (GP) - protocolo excêntrico com KT sem tensão. As voluntárias foram avaliadas em quatro momentos: o primeiro foi linha de base (AV1), o segundo imediatamente após o protocolo de exercício (AV2) e os dois seguintes 24h (AV3) e 48h (AV4) após a intervenção. O dano muscular foi induzido por meio de contrações excêntricas máximas dos flexores do cotovelo do membro não dominante a 60°/s.Foram analisados: a amplitude articular em repouso, o nível de dor, o senso de posição articular (SPA), o desempenho isocinético e a atividade eletromiográfica. Os dados foram analisados no software SPSS 20.0. A normalidade foi verificada pelo teste de Kolmogorov-Smirnov e utilizada ANOVA de modelo misto, com significância de 5%, para verificar eventuais diferenças entre os grupos. Resultados: Observou-se diminuição da amplitude articular e aumento imediato da dor que elevou com 24 horas e permaneceu até 48 horas em todos os grupos, mas sem diferenças entre os grupos.Não houve diferença no SPA. As variáveis pico de torque normalizado, pico de torque médio, trabalho total e potência média reduziram até 48 horas após dano muscular, em todos os grupos. Não houve diferença nos valores eletromiográficos entre os grupos. Conclusão: O KT não influencia nos marcadores clínicos indiretos de dano muscular induzido pelo exercício excêntrico nos flexores de cotovelo, em indivíduos saudáveis.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/20816
Aparece nas coleções:PPGFS - Mestrado em Fisioterapia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
EmmanoelClaudioFagundesLeite_DISSERT.pdf1,06 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.