Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/20819
Título: Avaliação do desempenho de argamassas à base de cimento Portland para rejuntamento de placas cerâmicas tipo II com adição de pó de borracha de pneus
Autor(es): Queirós, José Eurico de
Palavras-chave: Argamassa;Pó de borracha;Rejuntamento;Resíduo
Data do documento: 15-Dez-2015
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: QUEIRÓS, José Eurico de. Avaliação do desempenho de argamassas à base de cimento Portland para rejuntamento de placas cerâmicas tipo II com adição de pó de borracha de pneus. 2015. 90f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Civil) - Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.
Resumo: In this work it is assessed the performance of Portland cement-based mortar to the grouting of type II ceramic plates with the addition of unusable tire rubber powder. It is presented a bibliographical review about the subject in which is done the theoretical and methodological foundation of the whole investigative process. The analyzed universe comprises a sample of mortar to the grouting of conventional ceramic plates type II (reference sample) and five more samples to the grouting of ceramic plates type II, which were made up of the addition of unusable tire rubber powder in the respective proportion (in mass) of 4%, 8%, 12%, 16% and 20%. These mortar samples were subject to the trials of determination of the consistency index (Brazilian Standard NBR 13276:2005), water retention ( Brazilian Standard NBR 14992 Attachment B:2003), permeability in 240 minutes (Brazilian Standard NBR 14992 Attachment G:2003), absorption of water by immersion (Brazilian Standard NBR 9781:2013), resistance to compression (Brazilian Standard NBR14992 Attachment D: 2003), resistance to traction in the flexion (Brazilian Standard NBR 13279:2005), resistance of traction adherence (Brazilian Standard NBR 14081 part 4:2012) and hardened mass density (Brazilian Standard NBR 13280: 2005). It has been found out from the analyzes of the results in the trial the following situation: the reference mortar used met the established requirements in the norms of specifications corresponding to only six from the eight parameters assessed in the research; the mortar with addition of 4,0% of tire rubber powder met the established requirements corresponding to only the resistance to compression and the resistance of adherence to traction. Thus, the other kinds of mortar with addition of 8,0 %, 12,0 %, 16,0 % and 20,0 % of tire rubber powder met the requirements of specifications corresponding to only the resistance to compression and the resistance of adherence to traction. This result concludes that the adding of tire rubber powder does not grant improvement to the mortar of type II grouting to the laying of ceramic plates.
metadata.dc.description.resumo: Neste trabalho, avalia-se o desempenho de argamassas à base de cimento Portland para rejuntamento de placas cerâmicas tipo II com adição de pó de borracha de pneus inservíveis. Apresenta-se uma revisão bibliográfica sobre o tema (SEGRE, 1999; MENEGUINI, 2003; FERREIRA, 2009; GUIMARÃES, 1997; FIORITO, 1994), em que se faz a ancoragem teórico-metodológica de todo o processo investigativo. O universo analisado compreende uma amostra de argamassa para rejuntamento de placas cerâmicas tipo II convencional (amostra de referência) e de mais cinco amostras de argamassas para rejuntamento de placas cerâmicas tipo II, compostas com adição de pó de borracha de pneu inservíveis, nas respectivas proporções de 4, 8, 12, 16 e 20 %. Essas amostras de argamassas foram submetidas aos ensaios de determinação do índice de consistência (NBR 13276:2005), retenção de água (NBR 14992 Anexo B:2003), permeabilidade aos 240 minutos (NBR 14992 Anexo G:2003), Absorção de água por imersão (NBR 9781:2013), resistência à compressão (NBR 14992 Anexo D:2003), resistência à tração na flexão (NBR 13279:2005), resistência de aderência à tração (NBR 14081 Parte 4:2012) e densidade de massa no estado endurecido (NBR 13280:2005). Constatou-se, a partir das análises dos resultados obtidos nos ensaios, a seguinte situação: a argamassa de referência utilizada atendeu às exigências estabelecidas nas normas de especificações correspondentes para apenas seis do total de oito parâmetros avaliados na pesquisa; a argamassa com adição de 4,0 % de pó de borracha de pneu atendeu às exigências estabelecidas nas normas de especificações correspondentes para, apenas, a resistência à compressão e a resistência de aderência à tração; as demais argamassas com adição de 8,0 %, 12,0 %, 16,0 % e 20,0 % de pó de borracha de pneu atenderam às exigências das normas de especificações correspondentes, apenas quanto à resistência de aderência à tração. Esse resultado evidencia a conclusão de que a adição de pó de borracha de pneu não confere melhoria de desempenho às argamassas.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/20819
Aparece nas coleções:PPEC - Mestrado em Engenharia Civil

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
JoseEuricoDeQueiros_DISSERT.pdf2,85 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.