Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/21238
Título: Biologia reprodutiva de Mimus gilvus (Aves: Mimidae) em área de restinga no nordeste do Brasil
Autor(es): Oliveira, Damião Valdenor de
Palavras-chave: Restinga;Mimus gilvus;Biologia reprodutiva;Sucesso reprodutivo;Precipitação
Data do documento: 14-Abr-2015
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: OLIVEIRA, Damião Valdenor de. Biologia reprodutiva de Mimus gilvus (Aves: Mimidae) em área de restinga no nordeste do Brasil. 2015. 65f. Dissertação (Mestrado em Ecologia) - Centro de Biociências, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.
Resumo: The thrush beach, Mimus gilvus (Aves: Mimidae) is a passerine widely distributed in Central and South America. In Brazil occurs mainly in the areas of the resting and vegetation near the beach. In southeastern Brazil this species has disappeared, mainly due to urbanization. Many attributes of their reproductive biology are unknown, especially in relation to reproductive success. During the years 2010-2011, 2011-2012 and 2014-2015 were made visits to the area of restinga forest in Centro de Lançamento da Barreira do Inferno (CLBI), located between the cities of Natal and Parnamirim-RN (5 ° 54'S 35 ° 10'W ) where they were made systematic searches to trying describe reproductive biology of the characteristics of M. gilvus, estimate their reproductive success using the Mayfield method, and identify the main factors that influence their reproductive success in environment the resting. For this, forty fifth active nests monitored were used. Only during the breeding season of 2011-2012 and 2014-2015 were made systematic visits to the study area. The reproductive period ranged August to March. Clutch size ranged from two, three and six eggs (n = 22). Broods of two eggs were more common, with an average of eggs laid per nest of 2 ± 0,51 (n = 20 nests). The incubation period was approximately 13 ± 1,9 days (n = 11 nests). The period of stay of the nestlings was approximately 11 ± 1,6 days (n = 9 nests). With approximately 11 days old the nestlings were able to leave the nest. The apparent success was 37,8% and the success estimated by Mayfield method was 26,6%. Predation was the main cause of loss of nests in the study area. The daily survival rates (TDS) were obtained from 0,9593 incubation and 0,9313 for nestling period respectively. Survival estimates for each period was 0,5827 for incubation and 0,4571 for nestling period. The cumulative average rainfall for each month influenced negatively the hatching rates of M. gilvus nests. In addition, the number hatch eggs among the most rainy season (rainy season) and the period of lowest rainfall (dry season) were different. The number of lost nests of M. gilvus was lower in scrubs than cactus, which may account for the largest number of nests of this species found in scrubs. Survival rates in nestling period were lower compared with the incubation period. The fact that the survival rates nests of M. gilvus be lower in the nestling period compared to the incubation period may result from increased activity of adults during this phase of the nest, which in turn would increase predation rates. M. gilvus seems to avoid the rainy season during their reproduction, concentrated most of their nests in periods of low rainfall.
metadata.dc.description.resumo: O sabiá da praia, Mimus gilvus (Aves: Mimidae) é um passeriforme com ampla distribuição na América Central e do Sul. No Brasil ocorre principalmente nas áreas de restinga e vegetação próxima a praia. Muitos atributos de sua biologia reprodutiva são desconhecidos, principalmente em relação ao sucesso reprodutivo. Nesse sentido, durante os anos de 2010-2011, 2011-2012 e 2014-2015 foram feitas visitas à área de restinga no Centro de Lançamento da Barreira do Inferno (CLBI), localizado entre os municípios de Natal e Parnamirim-RN (5°54’S e 35°10’W), onde foram feitas buscas sistemáticas buscando descrever características da biologia reprodutiva de M. gilvus, estimar o seu sucesso reprodutivo utilizando o método de Mayfield, e identificar os principais fatores que influenciam o seu sucesso reprodutivo em ambiente de restinga. Para isso, foram utilizados 45 ninhos ativos monitorados. Apenas durante a temporada reprodutiva de 2011-2012 e 2014-2015 foram feitas visitas sistemáticas a área de estudo. O período reprodutivo variou de agosto a março. O tamanho da ninhada variou de dois, três e seis ovos (n = 22). Ninhadas de dois ovos foram mais frequentes, sendo a média de ovos colocados por ninho de 2 ± 0,51 (n = 20 ninhos). O período de incubação foi de aproximadamente 13 ± 1,9 dias (n = 11 ninhos ). O período de permanência dos filhotes no ninho foi de aproximadamente 11 ± 1,6 dias (n = 9 ninhos). O sucesso aparente foi de 37,8% e o sucesso estimado pelo método de Mayfield foi de 26,6 %. A predação foi a principal causa da perda de ninhos na área de estudo. As taxas de sobrevivência diária (TSD) obtidas foram 0,9593 para o período de incubação e 0,9313 para o período de ninhego. As estimativas de sobrevivência para cada período foram 0,5827 para incubação e 0,4571 para ninhego respectivamente. A precipitação média acumulada para cada mês influenciou negativamente as taxas de eclosão dos ninhos de M. gilvus. Além disso, o número de eclosões entre o período mais chuvoso (estação chuvosa) e o período de menor precipitação (estação seca) foram diferentes. O número de ninhos perdidos de M. gilvus foi menor em moitas do que em cactos, o que pode justificar o maior número de ninhos dessa espécie encontrados em moitas. As taxas de sobrevivência no período de ninhego foram menores em comparação com o período de incubação. M. gilvus parece evitar o período mais chuvoso durante sua reprodução, concentrado a maior parte de seus ninhos no período de menor precipitação.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/21238
Aparece nas coleções:PPGE - Mestrado em Ecologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DamiaoValdenorDeOliveira_DISSERT.pdf1,55 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.