Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/21840
Título: Incidência e fatores de risco relacionados a quedas em uma coorte de idosos institucionalizados
Autor(es): Ferreira, Lidiane Maria de Brito Macedo
Palavras-chave: Idoso;Acidentes por quedas;Risco;Incidência;Instituição de longa permanência para idosos
Data do documento: 13-Jun-2016
Citação: FERREIRA, Lidiane Maria de Brito Macedo. Incidência e fatores de risco relacionados a quedas em uma coorte de idosos institucionalizados. 2016. 130f. Tese (Doutorado em Saúde Coletiva) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2016.
Resumo: Falls are a common geriatric syndrome and are related to high morbidity and mortality among this age group. The risk of falls among institutionalized elderly persons is higher due to their poor health, impaired mobility, increased frailty and functional dependence. This study aims to determine the incidence and risk factors related to falls among institutionalized elderly. To this purpose, a one-year longitudinal cohort study was carried out. Residents of ten Homes for the Aged (HA) in the city of Natal, Rio Grande do Norte, who has both the ability to walking (with or without assistance) and preserved cognitive function were assessed. Following the application of the inclusion and exclusion criteria, 130 of a total of 364 elderly residents of the HA were included in this study. The occurrence of falls over the last twelve months was asked to the elderly residents, caregivers and a research strategy was performed through the nursing records. Variables regarding to the institutions, socio-demographic conditions, use of daily medications, chronic diseases, hospitalization and fractures were collected from medical records The elderly residents were asked regarding to depression, fatigue, cognition status, dizziness and somnolence while caregivers were asked about the functional capacity of the elderly residents. Environmental, anthropometric and functional capacity data was obtained from secondary sources. Statistical analysis was performed using the Chi-squared or Fisher's exact tests and stepwise forward Logistic Regression, considering a statistical significance level of 5%. The environmental analysis results found that no institution met all the necessary Health Surveillance guidelines. Physical and functional assessment revealed implications for the risk of falls. A total of 62 elderly persons had fallen at the end of the twelve-month evaluation, with an incidence of 47.7% (CI 95% = 39.59 to 55.81) and a rate of falls per person/year of 1.65 (+ 8.43). The incidence of recurrent falls was 26.92% (CI95% = 22.38 to 31.46), equivalent to 56.45% of the elderly individuals who had fallen. Most falls occurred in the rooms of the elderly individuals. The use of antiepileptic drugs and fatigue, were found to be risk factors, while reduced mobility and use of antithrombotic drugs were identified as protective factors, adjusted by thyroid therapy, functionality and sex. It was concluded that falls are a high incident events in HA and fatigue and antiepileptic drugs were identified as risk factor for falling. Therefore the physical condition of the elderly should be assessed as well drugs with nervous central system action should be discontinued or replaced whenever possible.
metadata.dc.description.resumo: A queda é uma síndrome geriátrica associada à alta morbimortalidade nos idosos. Este trabalho tem como objetivo determinar a incidência e os fatores de risco relacionados a quedas em idosos institucionalizados na cidade do Natal-RN. Para esse fim, foi realizado um estudo longitudinal tipo coorte com período de duração de um ano. Foram avaliados idosos residentes nas 10 Instituições de longa permanência para idosos (ILPI) do município do Natal-RN, que deambulassem e possuíssem capacidade cognitiva preservada, avaliada a partir do questionário de Pfeiffer. Do total de 364 idosos residentes nas ILPI, 130 foram incluídos de acordo com os critérios estabelecidos para inclusão e exclusão. Foi questionado ocorrência de quedas no último ano. Variáveis referentes à instituição, condições sócio-demográficas e saúde do idoso foram coletadas por meio de questionário aplicados aos idosos ou cuidadores, ou ainda pela coleta nos prontuários. Foram utilizados os questionários Escala de depressão geriátrica, Escala de depressão CES-D, Escala de sonolência de Epworth e o Índice de Barthel. Dados ambientais, antropométricos e de exame físico (Timed up and go - TUG, Escala de Equilíbrio de Berg - EEB, Velocidade de marcha - VM, Força de preensão palmar - FPP e Teste do sentar e levantar - TSL) foram obtidos a partir de dados secundários. As análises estatísticas foram realizadas por meio dos testes de Qui-quadrado ou Exato de Fisher e Regressão Logística, considerando o nível de significância de 5%. Como resultados, na análise ambiental nenhuma instituição cumpriu todas as normas da ANVISA. Pela avaliação físico-funcional, há inferência para risco de quedas. Sessenta e dois idosos caíram ao final dos doze meses de avaliação, com incidência de 47,7% (IC95%=39,59-55,81) e uma taxa de quedas por pessoa/ano de 1,65 (+ 8,43). Para quedas recorrentes, a incidência foi de 26,92% (IC= 22,38 - 31,46), representando 56,45% dos idosos que caíram. A maioria das quedas ocorreu no quarto e foram encontrados como fatores de risco o uso de antiepilépticos e fadiga e como fatores de proteção o declínio de mobilidade e uso de medicamentos antitrombóticos, ajustados pela terapêutica tireoidiana, funcionalidade, sexo e hospitalização. Para duas ou mais quedas, foram identificados fadiga como fator de risco e uso de betabloqueadores como fator de proteção, ajustados pelo uso de medicamento antitrombótico, antiepiléptico, funcionalidade, sexo e idade. Conclui-se que queda é um evento bastante incidente nas ILPI e que a fadiga foi identificada como fator de risco para queda única ou recorrente, devendo a condição física do idoso e o cansaço serem levados em consideração no momento de sua avaliação.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/21840
Aparece nas coleções:PPGSCOL - Doutorado em Saúde Coletiva

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
LidianeMariaDeBritoMacedoFerreira_TESE.pdf2,12 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.