Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/21914
Título: Desastres naturais: uma análise dos decretos de estiagem e seca no Estado do Rio Grande do Norte
Autor(es): Ribeiro, Marcos Samuel Matias
Palavras-chave: Fenômenos naturais;Precipitação;Microrregiões;Índice de precipitação padronizado
Data do documento: 30-Mai-2016
Citação: RIBEIRO, Marcos Samuel Matias. Desastres naturais: uma análise dos decretos de estiagem e seca no Estado do Rio Grande do Norte. 2016. 92f. Dissertação (Mestrado em Ciências Climáticas) - Centro de Ciências Exatas e da Terra, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2016.
Resumo: The Natural Disasters (DN) are established by the occurrence of natural phenomena in areas or regions inhabited, and characterized by the fact that its impact damage to the affected population. If undamaged to the company or happen in areas not occupied, the phenomenon is considered just a natural event. The Natural Disaster occurrences originate great problems and damage to the affected societies besides causing great human losses. The objective is to analyze the occurrence of DN in nineteen micro-regions of Rio Grande do Norte state, in the period 1991-2012, drawing a parallel with the records over time of rainfall thresholds. We used statistical techniques, as a spatial analysis to build thematic maps to identify areas with increased risk, and the chi-square test to verify associations between variables. The Standardized Precipitation Index (SPI) was considered, aiming to highlight the weather conditions of the areas analyzed at the time of publication of Decree of the State of Emergency and Public Calamity. The results showed a significant increase of 98,7% in the records of events for the state, once in eleven (11) years were first registered 535 occurrences and the subsequent 11 years were recorded 1.063, a total of 2.447,683 people affected by DN. For the state, the phenomena that most frequently presented were: the drought / dry (81,1%), flash floods and floods (18,9%), from the relations of factors with characteristics between the natural and social. The data show statistically significant relationships between the occurrences for the two periods, and its relationship with the annual cumulative average rainfall. Understanding this behavior over time will lead the competent authorities, to identify the conditions that is society, enabling the direct actions and effective public policies in the management to mitigate the risk of natural disasters.
metadata.dc.description.resumo: Os Desastres Naturais (DN) são estabelecidos pela ocorrência de fenômenos naturais em áreas ou regiões habitadas, e caracterizados pelo fato de seu impacto causar danos à população afetada. Caso não apresente danos à sociedade ou aconteça em áreas não ocupadas, o fenômeno é considerado apenas um evento natural. As ocorrências de Desastres Naturais originam grandes problemas e prejuízos para as sociedades afetadas, além de ocasionar grandes perdas humanas. O objetivo do trabalho é realizar uma análise das ocorrências dos DN nas dezenove microrregiões do estado do Rio Grande do Norte, no período de1991 a2012, traçando um paralelo com os registros ao longo do tempo dos limiares de precipitação. Utilizou-se de técnicas estatísticas, como análise espacial para a construção de mapas temáticos de forma a identificar áreas com maior risco, e o teste de qui-quadrado para verificar associações entre as variáveis. O Índice de Precipitação Padronizado (SPI) foi considerado, objetivando evidenciar as condições meteorológicas das áreas analisadas no momento da publicação dos Decretos de Estado de Emergência ou Calamidade Pública. Os resultados demonstraram um aumento expressivo de 98,7% nos registros das ocorrências para o Estado, uma vez que nos 11 (onze) primeiros anos foram registrados 535 ocorrências e nos 11 anos subsequentes foram registrados 1.063, com um total de 2.447.683 pessoas afetadas por DN. Para o Estado, os fenômenos que apresentaram maior frequência foram: as estiagem/seca (81,1%), as enxurradas e as inundações (18,9%), provenientes das relações de fatores com características entre o natural e social. Os dados apresentaram relações estatisticamente significativas entre as ocorrências para os dois períodos em análise, bem como sua relação com a precipitação média acumulada anual. A compreensão deste comportamento ao longo do tempo levará as autoridades competentes, a identificar as condições que se encontra a sociedade, possibilitando no direcionamento de ações e políticas públicas eficazes na gestão para a mitigação do risco a desastres naturais.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/21914
Aparece nas coleções:PPGCC - Mestrado em Ciências Climáticas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
MarcosSamuelMatiasRibeiro_DISSERT.pdf2,64 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.