Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/22149
Title: Diversidade genética e padrões cromossômicos associados a quebras de barreira pós-zigóticas em peixes do gênero Chaetodon (Perciformes)
Authors: Miguel, Davi Zalder
Keywords: Citogenética de peixes;Distância genética;Peixes recifais;Conservadorismo cromossômico;DNAr
Issue Date: 26-Feb-2016
Citation: MIGUEL, Davi Zalder. Diversidade genética e padrões cromossômicos associados a quebras de barreira pós-zigóticas em peixes do gênero Chaetodon (Perciformes). 2016. 48f. Dissertação (Mestrado em Sistemática e Evolução) - Centro de Biociências, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2016.
Abstract: Interspecific hybridization has been identified in various animal groups, among these, on a recurring basis in marine fish, notably in the Chaetodontidae family. The Chaetodon is the most diverse gender in the family, with about 30 species able to produce viable hybrids. All relevant features of this phenomenon have been analyzed, but we still need more data about the break of reproductive barriers in this genre. In the present study were compared sequences of the 12S gene, 16S, rag2 and NADH of Chaetodon genus with produce known hybrids, in order to ascertain what the genetic distance between them and cytogenetic comparisons by chromosomal mapping of regions of rDNA 18S and 5S of C. striatus, C. sedentarius and C. capistratus, from South Atlantic and Caribbean. The results indicate that parental species, even having a high level of genetic divergence, maintains the potential intercross and are capable to produce viable hybrids. An extreme conservatism karyotype inter- and intraspecific was observed for the species. Despite the long interval of separation between some species, interspecific reproductive potential as well an environmental and biological factors may have been favored by extensive karyotype homogeneity present in the family.
Portuguese Abstract: A hibridização interespecífica tem sido identificada em diversos grupos animais, entre estes, de forma recorrente e destacadamente em peixes marinhos da família Chaetodontidae. O gênero Chaetodon é o mais diverso da família com cerca de 30 espécies capazes de produzir híbridos viáveis. Todas as características pertinentes a este fenômeno vêm sendo analisadas, porém ainda são necessários mais dados sobre a quebra de barreiras reprodutivas neste gênero. No presente trabalho foram comparadas sequências dos genes 12S, 16S, RAG2 e NADH de espécies do gênero Chaetodon com híbridos conhecidos, com o objetivo de aferir qual a distância genética entre elas, bem como comparações citogenéticas por mapeamento cromossômico das regiões de DNAr 18S e 5S das espécies C. striatus, C. capistratus e C. sedentarius, do Atlântico Sul e Caribe. Os resultados indicam que as espécies parentais, mesmo abrigando um alto nível de divergência genética, mantém o potencial de intercruzamento e produz híbridos viáveis. Um extremo conservadorismo cariotípico inter e intra-específico foi observado para as espécies. Apesar do longo tempo decorrido de divergência entre algumas espécies, o potencial reprodutivo interespecífico, além de fatores ambientais e biológicos, pode ter sido favorecido pela extensa homogeneidade cariotípica presente na família.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/22149
Appears in Collections:PPGSE - Mestrado em Sistemática e Evolução

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DaviZalderMiguel_DISSERT.pdf1,45 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.