Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/22238
Título: A percepção da desertificação e da mudança na paisagem no município de Parelhas/RN
Título(s) alternativo(s): The perception of desertification and change in the landscape in the city of Parelhas/RN
Autor(es): Araújo, Jane Azevedo de
Palavras-chave: Semiárido;Seridó potiguar;Comunidades rurais;Cerâmica vermelha;Recursos naturais;Degradação ambiental
Data do documento: 29-Ago-2016
Citação: ARAÚJO, Jane Azevedo de. A percepção da desertificação e da mudança na paisagem no município de Parelhas/RN. 2016. 124f. Tese (Doutorado em Desenvolvimento e Meio Ambiente) - Centro de Biociências, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2016.
Resumo: The interrelation society/nature causes changes to the environment. These changes occur through the work of man, which uses natural resources, to support his development. For that reason, the society has the ability to build and rebuild the places where lives, leaving registered on the landscape the changes occurred. The landscape is modified over the years, and the man is critical to this process because, in addition to being the author of the alterations can describe them through the perception from a same place, either from the past or from the present. The general objective of this research was to understand the perception of the residents of the city of Parelhas/RN in relation to desertification and to the change in the landscape. The survey was conducted in the urban area and in three rural communities-Juazeiro, Cachoeira and Cobra. Twenty-six forms were applied with the entrepreneurs, managers and/or responsible for ceramics and 176 with part of the urban population (102) and in rural communities Juazeiro, Cachoeira and Cobra (74). Statistical methods used for data analysis were Person Chi-square (χ²), the Fisher test and correlation analysis. To describe the social data of the respondents, contingency tables and data frames were prepared. The results showed that the ceramic industry exists in the city since the mid-1980. The products manufactured by the industries are roofing tiles, bricks, tiles, bushings, blocks and shackles, being tile the most produced artifact. The main energy source used for ceramics is the firewood, and 73% still make exclusively use of wood. The withdrawal of vegetation without any technique leaves bare areas and exposed soils to erosion, contributing to increase the susceptibility to the phenomenon of desertification in the municipality. The comparative analysis of the perception of the residents of the rural and urban area on desertification, showed that most respondents have heard on the subject; however, the people living in the city (79,41%) have heard more than those who live in the rural area (52,70%). Among the alternatives on the causes of desertification in the municipality, the ceramic industry was the most indicated activity. It is believed that this choice is related to the high consumption of the local natural resources (wood, clay and water) that this activity demands in manufacturing their products. The results of the perception of change in the landscape of the inhabitants of the rural communities Juazeiro, Cachoeira and Cobra, showed that most of them noticed changes in the local landscape. Likewise, changes in vegetation, soil and grassland have been reported. Those aged 25 to 59 years were the ones who most noticed changes in the landscape. The ones who studied until elementary school were the ones that least realized the modifications in landscape, while those with complete/incomplete secondary education and complete/incomplete higher education were the ones that most noticed changes in the landscape. These results can serve as a subsidy to the definition of public policies to be implemented in semi-arid of Rio Grande do Norte State, from the perspective of conservation of natural resources, in an area susceptible to the phenomenon of desertification. Suggestions of actions are presented.
metadata.dc.description.resumo: A inter-relação sociedade/natureza ocasiona mudanças ao meio ambiente. Essas mudanças ocorrem por meio do trabalho do homem, que utiliza os recursos naturais, em prol do seu desenvolvimento. Por essa razão, a sociedade, tem a capacidade construir e reconstruir os lugares onde vive, deixando registradas na paisagem as transformações ocorridas. A paisagem é modificada ao longo dos anos, e o homem é fundamental para esse processo, pois além de ser o autor das mudanças, consegue descrevê-las através da percepção que tem de um mesmo lugar, seja referente ao passado ou ao presente. O objetivo geral dessa pesquisa foi compreender a percepção dos moradores do município de Parelhas/RN em relação à desertificação e à mudança na paisagem. A pesquisa foi realizada na área urbana e em três comunidades rurais – Juazeiro, Cachoeira e Cobra. Foram aplicados 26 formulários com os empresários, gerentes e/ou responsáveis pelas cerâmicas e 176 com parte da população urbana (102) e nas comunidades rurais, Juazeiro, Cachoeira e Cobra (74). Os métodos estatísticos utilizados para a análise dos dados foram Qui-quadrado de Person (χ²), o teste de Fisher e a Análise de Correspondência. Para a descrição dos dados sociais dos respondentes, elaboraram-se tabelas de contingência e quadros. Os resultados mostraram que a indústria de cerâmica existe no município desde meados da década de 1980. Os produtos fabricados pelas indústrias são telhas, tijolos, lajotas, casquilhos, blocos e manilhas, sendo a telha o artefato mais produzido. A principal fonte energética utilizada pelas cerâmicas é a lenha, e 73% ainda fazem uso exclusivamente da lenha. A retirada sem técnica da vegetação deixa áreas desnudas e solos expostos a erosão, contribuindo para aumentar a susceptibilidade ao fenômeno da desertificação no município. A análise comparativa da percepção dos moradores da zona rural e urbana sobre desertificação mostrou que a maioria dos respondentes já ouviu falar a respeito do tema; no entanto, as pessoas que residem na cidade (79,41%) ouviram falar mais do que as que moram na zona rural (52,70%). Dentre as alternativas sobre os causadores do processo de desertificação no município, a atividade ceramista foi a mais indicada. Acredita-se que essa escolha esteja relacionada com o alto consumo dos recursos naturais locais (lenha, argila e água) que a atividade demanda na fabricação de seus produtos. Os resultados da percepção sobre mudança na paisagem dos moradores das comunidades rurais Juazeiro, Cachoeira e Cobra, mostraram que a maioria percebe mudança da paisagem local. Do mesmo modo, mudanças na vegetação, no solo e nas pastagens foram relatadas. Aqueles na faixa etária de 25 a 59 anos foram os que mais perceberam mudanças na paisagem. Os respondestes que estudaram até o Ensino Fundamental foram os que menos perceberam a mudança na paisagem, enquanto aqueles com ensino médio completo/incompleto e ensino superior completo/incompleto foram os que mais perceberam mudanças na paisagem. Esses resultados podem servir de subsídio à definição de políticas públicas a serem implementadas no semiárido do Estado do Rio Grande do Norte, sob a ótica da conservação dos recursos naturais, em uma área suscetível ao fenômeno da desertificação. Sugestões de ações são apresentadas.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/22238
Aparece nas coleções:PRODEMA - Doutorado em Desenvolvimento e Meio Ambiente

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
JaneAzevedoDeAraujo_TESE.pdf3,62 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.