Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/22239
Title: Avaliação socioeconômica e ambiental da atividade petrolífera na região do Campo Canto do Amaro, RN, Brasil
Authors: Pinto Filho, Jorge Luís de Oliveira
Keywords: Atividade petrolífera terrestre;Vulnerabilidade e riscos socioambientais;Planejamento e gestão ambiental;Sustentabilidade
Issue Date: 29-Aug-2016
Citation: PINTO FILHO, Jorge Luís de Oliveira. Avaliação socioeconômica e ambiental da atividade petrolífera na região do Campo Canto do Amaro, RN, Brasil. 2016. 259f. Tese (Doutorado em Desenvolvimento e Meio Ambiente) - Centro de Biociências, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2016.
Abstract: The Basin Apodi-Mossoró River - BHRAM, located in the Western Region of the State of Rio Grande do Norte - RN, where its low course includes a considerable human intervention, related to oil and gas, sand mining, limestone exploration, sea salt industry, trade and services, urbanization, vehicle traffic, cargo transportation, construction, tourism, irrigated fruit, shrimp farming, fishing, livestock and wind power generation. From this anthropic pressure this thesis aimed to compare the socio-economic and environmental indicators of the municipalities of the lower course of this basin, as well as assessing the socioeconomic and environmental conditions of the Canto do Amaro Oil Field area - CPCA / RN. The following methodological procedures were adopted: radar chart application to measure the socioeconomic and environmental indicators of the municipalities of the lower course of BHRAM / RN; environmental perception of socioeconomic and environmental conditions of rural communities in the area of the CPCA / RN; monitoring of heavy metal content in several environments in the area; evaluation of the water supply for human consumption in the investigated region; identification of environmental impacts in the CPCA / RN through the Pressure-State-Impact-Response system and; proposition of environmental management actions to mitigate the researched problematic. It was found that there is a concentration of the best rates in the economic dimension in the lower course of the basin, while the environmental dimension is in an intermediate situation, with the social dimension still shows lower values. It was demonstrated that the local population in the area of CPCA / RN has socio-economic constraints and lives in rural communities with deficiencies in environmental sanitation components. It was determined that the settings related to the oil industry displayed the higher average levels of heavy metals: Cu, Cr, Fe (in active wells), Ni (active wells), and Pb (solid wastes). Meanwhile, three other types of land uses showed higher values of heavy metals: Cd (natural areas), Mn (Carmo River) and Zn (Shrimp farms); however, these levels are relatively low when compared to those soils with vehicle traffic interference, with petrochemical activity and to the quality benchmarks. It has been found weaknesses in the water supply for human consumption in the aspects of water quantity and water quality with values below the allowed by the legislation for Dissolved Oxygen and with content of oil and greases. It was observed that the CPCA / RN provides an opportunity to generate employment, income, royalties, energy, fuel and projection of the region on the national scene. However, this chain represents great risks and socioenvironmental vulnerabilities through the following aspects and impacts: generation of atmospheric emissions, generation of semi-solid waste (mud and gravel), solid waste generation, the generation of wastewater, noise generation, water pollution, soil pollution, noise pollution, air pollution, visual pollution, vegetation removal, erosion, interference with local flora, interference with local fauna, changing the stability of ecosystems, changes in land use dynamics, risks to workers' health, pressure on local communities, interference in traditional activities and pressure on public services infrastructure. The area of the CPCA / RN has socioeconomic and environmental implications that affect the maintainance of the quality of the lower course of BHRAM / RN, being required environmental management guidelines to mitigate the problem.
Portuguese Abstract: A Bacia Hidrográfica do rio Apodi-Mossoró – BHRAM, localiza-se na Região Oeste do Estado do Rio Grande do Norte – RN, onde seu baixo curso contempla uma considerável intervenção antrópica, relacionada com a exploração de petróleo e gás, mineração de areia, exploração de calcário, atividade salineira, comércio e serviços, urbanização, tráfego de veículos, transporte de cargas, construção civil, turismo, fruticultura irrigada, carcinicultura, pesca, pecuária e geração de energia eólica. A partir dessa pressão antrópica esta tese buscou comparar os indicadores socioeconômicos e ambientais dos municípios do baixo curso dessa bacia, bem como avaliar as condições socioeconômicos e ambientais da área do Campo Petrolífero Canto do Amaro – CPCA/RN. Como procedimentos metodológicos adotaram-se: aplicação do gráfico de radar para mensurar os indicadores socioeconômicos e ambientais dos municípios do baixo curso da BHRAM/RN; percepção ambiental das condições socioeconômicas e ambientais das comunidades rurais da área do CPCA/RN; monitoramento dos teores de metais pesados em diversos ambientes na área; avaliação do sistema de abastecimento de água para consumo humano na região investigada; identificação dos impactos ambientais no CPCA/RN através do sistema Pressão-Estado-Impacto-Resposta e; proposição de ações de gestão ambiental para atenuar a problemática pesquisada. Constatou-se que no baixo curso da bacia existe uma concentração dos melhores índices na dimensão econômica, enquanto a dimensão ambiental encontra-se em uma situação intermediária e, a dimensão social ainda possui valores inferiores. Evidenciou-se que na área do CPCA/RN a população local tem restrições socioeconômicas e vive em comunidades rurais com deficiências nos componentes de saneamento ambiental. Determinou-se que os ambientes relacionados com a indústria do petróleo foram os que comportaram-se com maiores níveis médios dos metais pesados: Cu, Cr, Fe (em poços ativos), Ni (poços ativos) e, Pb (resíduos sólidos). Entretanto, três outros tipos de usos dos solos apresentaram maiores valores dos metais pesados: Cd (áreas naturais), Mn (rio do Carmo) e Zn (Carcinicultura); entrentanto, esses níveis são relativamente baixos quando comparados aos obtidos em solos de interferência de tráfego de veículos, atividade petroquímica e aos valores de referência de qualidade. Verificou-se fragilidades no abastecimento de água para consumo humano nos aspectos de quantidade de água e qualidade de água, com valores abaixo do permitido para Oxigênio Dissolvido e com presença de óleo e graxas. Observou-se que o CPCA/RN oportuniza a geração de emprego, renda, royalties, energia, combustível e projeção da região no cenário nacional. Entretanto, essa cadeia produtiva representa grandes riscos e vulnerabilidades socioambientais através dos seguintes aspectos e impactos: geração de emissões atmosféricas, geração de resíduos semissólidos (lama e cascalho), geração de resíduos sólidos, geração de efluentes líquidos, geração de ruídos, poluição hídrica, poluição do solo, poluição sonora, poluição atmosférica, poluição visual, supressão vegetal, processos erosivos, interferência na flora local, interferência na fauna local, alteração da estabilidade dos ecossistemas, alteração da dinâmica de uso do solo, riscos à saúde dos trabalhadores, pressão nas comunidades locais, interferências nas atividades tradicionais e, pressão na infraestrutura de serviços públicos. A área do CPCA/RN tem implicações socioeconômicas e ambientais que comprometem a manutenção da qualidade do baixo curso da BHRAM/RN, sendo requeridas diretrizes de gestão ambiental para atenuar a problemática.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/22239
Appears in Collections:PRODEMA - Doutorado em Desenvolvimento e Meio Ambiente

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
JorgeLuisDeOliveiraPintoFilho_TESE.pdf7,85 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.