Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/22353
Título: As espacialidades e percalços do processo de urbanização na contemporaneidade: análise geográfica da Avenida Engenheiro Roberto Freire/Natal-RN na perspectiva das práticas espaciais
Autor(es): Almeida, Geovane de Souza
Palavras-chave: Urbanização;Urbanismo;Planejamento urbano;Urbanidade;Avenida Engenheiro Roberto Freire/Natal-RN;Prática espacial;Território-usado
Data do documento: 30-Abr-2015
Citação: ALMEIDA, Geovane de Souza. As espacialidades e percalços do processo de urbanização na contemporaneidade: análise geográfica da Avenida Engenheiro Roberto Freire/Natal-RN na perspectiva das práticas espaciais. 2015. 140f. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.
Resumo: A urbanização do final do século XX no Brasil foi marcada por significativas características, a começar pelo ritmo bastante acelerado de crescimento das cidades e pela sua abrangência, agora mundial. Essas características contribuíram para que este processo se desencadeasse em diversas cidades também da região Nordeste, mesmo naquelas onde a industrialização não foi tão representativa como na cidade de Natal/RN. Até poucas décadas atrás, o Estado do Rio Grande do Norte era exemplo de um estado de economia agrária e população majoritariamente rural, mas que vem mudando aceleradamente esse quadro. Natal/RN com uma população que em 1980 era de 416.898 habitantes e que 2013 duplicou alcançando a surpreendente marca de 853.929 habitantes que produziram um altissonante crescimento populacional ao longo das duas ultimas décadas materializando fortes influências urbanísticas na cidade através do processo de urbanização. Nesse contexto, a Av. Eng. Roberto Freire desempenha um papel fundamental no sistema viário da zona do município de Natal, articulando e distribuindo o tráfego local para bairros como Capim Macio, Neópolis e cidades vizinhas da região metropolitana como Parnamirim, bem como servindo ao tráfego de passagem que se dirige ao bairro de Ponta Negra e ao litoral sul do Estado. Hoje, oito em cada dez brasileiros vivem em cidades e essa concentração de pessoas nestes centros urbanos traz uma série de implicações espaciais e urbanísticas, sejam elas de ordem social, econômica ou ambiental. Diante desse atual ritmo acelerado em que o processo de urbanização vem transformando e produzindo o espaço urbano da cidade de Natal/RN, objetivou-se entender as espacialidades e materialidades do planejamento urbano, do urbanismo e do processo de urbanização na Av. Eng. Roberto Freire/Natal/RN nos últimos 20 anos para entender o contexto contemporâneo da via. Desta forma, a Av. Eng. Roberto Freire tornou-se para a pesquisa a base onde se averiguou as materialidades e as influências desse processo de urbanização, que está fortemente aliado aos ditames do desenvolvimento da atividade turística na cidade de Natal/RN nas últimas duas décadas e que tem influências materiais significativas nas práticas espaciais e nos territórios usados dos usuários da via atualmente.
metadata.dc.description.resumo: A urbanização do final do século XX no Brasil foi marcada por significativas características, a começar pelo ritmo bastante acelerado de crescimento das cidades e pela sua abrangência, agora mundial. Essas características contribuíram para que este processo se desencadeasse em diversas cidades também da região Nordeste, mesmo naquelas onde a industrialização não foi tão representativa como na cidade de Natal/RN. Até poucas décadas atrás, o Estado do Rio Grande do Norte era exemplo de um estado de economia agrária e população majoritariamente rural, mas que vem mudando aceleradamente esse quadro. Natal/RN com uma população que em 1980 era de 416.898 habitantes e que 2013 duplicou alcançando a surpreendente marca de 853.929 habitantes que produziram um altissonante crescimento populacional ao longo das duas ultimas décadas materializando fortes influências urbanísticas na cidade através do processo de urbanização. Nesse contexto, a Av. Eng. Roberto Freire desempenha um papel fundamental no sistema viário da zona do município de Natal, articulando e distribuindo o tráfego local para bairros como Capim Macio, Neópolis e cidades vizinhas da região metropolitana como Parnamirim, bem como servindo ao tráfego de passagem que se dirige ao bairro de Ponta Negra e ao litoral sul do Estado. Hoje, oito em cada dez brasileiros vivem em cidades e essa concentração de pessoas nestes centros urbanos traz uma série de implicações espaciais e urbanísticas, sejam elas de ordem social, econômica ou ambiental. Diante desse atual ritmo acelerado em que o processo de urbanização vem transformando e produzindo o espaço urbano da cidade de Natal/RN, objetivou-se entender as espacialidades e materialidades do planejamento urbano, do urbanismo e do processo de urbanização na Av. Eng. Roberto Freire/Natal/RN nos últimos 20 anos para entender o contexto contemporâneo da via. Desta forma, a Av. Eng. Roberto Freire tornou-se para a pesquisa a base onde se averiguou as materialidades e as influências desse processo de urbanização, que está fortemente aliado aos ditames do desenvolvimento da atividade turística na cidade de Natal/RN nas últimas duas décadas e que tem influências materiais significativas nas práticas espaciais e nos territórios usados dos usuários da via atualmente.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/22353
Aparece nas coleções:PPGe - Mestrado em Geografia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
GeovaneDeSouzaAlmeida_DISSERT.pdf13,15 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.