Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/123456789/23038
Título: Um estudo sobre a influência do ciclo solar nos fatores climatológicos de Natal-RN
Autor(es): Alcântara, Maurício Lima de
Palavras-chave: Ciclo solar;Perfil de temperatura;Troposfera
Data do documento: 27-Nov-2015
Citação: ALCÂNTARA, Maurício Lima de. Um estudo sobre a influência do ciclo solar nos fatores climatológicos de Natal-RN. 2015. 88f. Dissertação (Mestrado em Ciências Climáticas) - Centro de Ciências Exatas e da Terra, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.
Abstract: Understanding climate change is a matter of great importance and has stimulated much research. In sec. XX, much of the observed increase in global surface temperature over the last few years occurred from the 1940s, and climate models suggest its intensification after 1980 assigning generally such heat mainly causes related to solar variability, changes in the atmosphere, greenhouse gas content or sulfur due to natural or human action, or internal variability of the ocean-atmosphere system, and, especially after the bodies of reports such as the IPCC, the emphasis in assigning heating human actions It has increased significantly .In this work discusses the temperature behavior on the surface and tropospheric behavior of atmospheric parameters such as temperature profile, humidity, precipitation, pressure and winds, measured through daily collections Weather Station Launch Center Rockets of the Barreira do Inferno (CLBI) in the period 1976 to 2008, so for thirty tree years, which corresponds to solar cycles, 21 (1977 to 1986) , 22 (1986 to 1996) and 23 ( 1996 to 2008) presented the maximum and solar minimum in the years 1979 and 1985; 1990 and 1995; 2001 and 2005 respectively. . The correlation between solar activity mainly measured by the number of sunspots and atmospheric vestments already mentioned, but mainly with the surface temperature. During the studies comparative analyzes between solar activity and climate parameters cited made it possible to check the effects of long periods on climate. These results will relate possible events of interaction between the thermosphere tropospherestratosphere- systems, these events very rare in the literature. Of the three studied the first two cycles were similar in intensity (number of sunspots), and more intense than the 23 cycle, however higher temperatures were observed during the 23 and smaller in cycle 22. On the other hand, when observed solar activity it turns out that the year 2000 was particularly active, with large magnetic storms, and this time all temperature fields, winds, pressure and humidity present anomalous behavior compared with previous and subsequent years they warrant further investigation Wear mechanism responsible for this relationship is not yet known.
Resumo: Compreender mudanças climáticas é um assunto de extrema importância e tem estimulado inúmeras pesquisas. No sec. XX, grande parte do aumento observado na temperatura da superfície global sobre os últimos anos ocorreu a partir da década de 1940, e modelos climáticos sugerem sua intensificação depois de 1980 atribuindo-se, em geral, tal aquecimento principalmente a causas relacionadas a variabilidade solar, mudanças na atmosfera, conteúdo de gás de efeito estufa ou enxofre devido à ação natural ou antrópica, ou variabilidade interna do sistema oceano-atmosfera, sendo que, principalmente após os relatórios de organismos como o IPCC, a ênfase em atribuir o aquecimento as ações antrópicas tem aumentado significativamente. No presente trabalho se discute o comportamento da temperatura na superfície bem como o comportamento troposférico de parâmetros atmosféricos tais como, perfil de temperatura, umidade, precipitação, pressão e ventos, medidos através de coletas diárias de estação meteorológica do Centro de Lançamentos de Foguetes da Barreira do Inferno (CLBI) no período de 1976 a 2008, portanto durante trinta e três anos, o que corresponde aos ciclos solares, o 21 (1976 à 1986), 22 (1986 à 1996) e 23 (1996 à 2008) que apresentaram os máximos e mínimos solares nos anos 1979 e 1985; 1990 e 1995; 2001 e 2005 respectivamente. Foram feitas correlações entre atividade solar, medida principalmente pelo número de manchas solares, e os paramentos atmosféricos já citados, mas principalmente com a temperatura da superfície. No decorrer dos estudos as análises comparativas entre a atividade solar e os parâmetros climáticos citados, possibilitaram verificar efeitos de longos períodos sobre o clima. Esses resultados permitirão relacionar possíveis eventos de interação entre os sistemas termosfera-estratosfera-troposfera, eventos esses bem raros na literatura. Dos três ciclos estudados os dois primeiros, foram parecidos em intensidade (número de manchas solares), e muito mais intensos que o ciclo 23, no entanto as maiores temperaturas foram observadas durante o 23 e as menores no ciclo 22. Por outro lado, quando se observa a atividade solar verifica-se que o ano 2000 foi particularmente ativo, com grandes tempestades magnéticas, e para esse período todos os campos de temperatura, ventos, pressão e umidade apresentam comportamentos anômalos se comparados com anos anteriores e subsequentes merecendo assim investigações posteriores visto mecanismo responsável por esta correlação ainda não é conhecido.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/23038
Aparece nas coleções:PPGCC - Mestrado em Ciências Climáticas

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
MauricioLimaDeAlcantara_DISSERT.pdf2,3 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.