Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/23457
Título: Análise estatística das concentrações atmosféricas do material particulado PM10 em três regiões distintas do estado do Rio de Janeiro
Autor(es): Cedraz, Mariana Oliveira
Palavras-chave: Material particulado;Poluição atmosférica;Rio de Janeiro;Qualidade do ar;Modelo de trajetórias HYSPLIT
Data do documento: 21-Fev-2017
Referência: CEDRAZ, Mariana Oliveira. Análise estatística das concentrações atmosféricas do material particulado PM10 em três regiões distintas do estado do Rio de Janeiro. 2017. 103f. Dissertação (Mestrado em Ciências Climáticas) - Centro de Ciências Exatas e da Terra, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.
Abstract: The study of atmospheric pollution is becoming more common, the air pollution is the result of gas, suspended solid and liquid particles contamination in the atmosphere. The caused effect might be immediate or in the medium or long term, since the pollution, depending of the meteorological conditions and local topographics, can be of difficult dispersion. The particulate matter is one of the most dangerous pollutants, since it’s made of microscopic particles, that easily penetrates the human organism. The purpose of this study was to analyze and compare the concentration of PM10 in three regions of the state of Rio de Janeiro: Cidade de Deus, Seropédica and Duque de Caxias, verifying if the kind of activity developed (urban, rural or industrial) has influence over the pollution levels. In addition to that, verifying if the air quality standards adopted in Brazil are being respected on the three regions of study and to conduct a case study of the pollutants’ trajectory and deposition using the “HYSPLIT” trajectory model. For the study in case, daily data of PM10 from 1998 to 2003 were supplied by the Instituto Estadual do Ambiente (INEA-RJ) (State Institute of Environment, INEA-RJ). Seropédica region shows rural characteristics, Cidade de Deus is an urban region and Duque de Caxias, is characterized as an industrial region. The analysis involved data input techniques, as well as analysis of temporal series and statistics tests. In the initial results, the difference of the regions’ average concentrations is highlighted, with the characteristic rural region, Seropédica, showing lower average concentration of PM10, 26,6 μg m-3 while the regions of Cidade de Deus and Duque de Caxias showed higher averages of 67 μg m-3. It has been identified the air quality standards weren’t respected on most of the days during the study in the urban and industrial regions, the opposite of the rural region, which suggests the kind of activity developed in the region could be influencing the presence and concentration of PM10. Hopefully this study could serve as a basis for the elaboration of public policies, providing knowledge and consciousness to the population regarding the importance in reducing pollutants’ emission.
Resumo: O estudo da poluição atmosférica está se tornando cada vez mais comum, a poluição do ar é o resultado da contaminação por gases e partículas sólidas e líquidas suspensas na atmosfera. O efeito causado pode ser imediato ou a médio ou longo prazo, uma vez que a poluição, dependendo das condições meteorológicas e topográficas locais, pode ser de difícil dispersão. O material particulado é um dos poluentes que apresenta maior perigo, por se tratar de partículas muito finas, que penetram no organismo humano com facilidade. O objetivo deste estudo foi analisar e comparar a concentração do PM10 em três regiões do estado Rio de Janeiro: Cidade de Deus, Seropédica e Duque de Caxias, verificando se o tipo de atividade desenvolvida (urbana, rural ou industrial) exerce influência nos níveis de poluição. Além disso, verificar se os padrões de qualidade do ar adotados pelo Brasil estão sendo respeitados nas três regiões de estudo e realizar um estudo de caso para analisar a trajetória e deposição dos poluentes utilizando o modelo de trajetórias “HYSPLIT”. Para o estudo em questão, os dados diários do PM10, de 1998 a 2013 foram fornecidos pelo Instituto Estadual do Ambiente (INEA-RJ). A região de Seropédica apresenta características rurais, Cidade de Deus é uma região urbana e Duque de Caxias, caracterizada como industrial. A análise envolveu técnicas de imputação de dados, bem como a análise de séries temporais e testes estatísticos. Como resultados iniciais, destacam-se as diferenças entre as médias das regiões, sendo que a área com característica rural, Seropédica, apresentou menor concentração média de PM10, 26,6 μg m-3, enquanto que as regiões de Cidade de Deus e Duque de Caxias apresentaram médias superiores a 67 μg m-3. Identificou-se que os padrões de qualidade do ar não foram respeitados na maioria dos dias em estudo nas regiões urbana e industrial, ao contrário da região rural, o que sugere que o tipo de atividade desenvolvida na região pode estar influenciando na presença e concentração do PM10. Espera-se que este estudo possa servir de base para a elaboração de políticas públicas, proporcione conhecimento e conscientização da população quanto a importância da redução da emissão de poluentes.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/23457
Aparece nas coleções:PPGCC - Mestrado em Ciências Climáticas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
AnáliseEstatísticaConcentracoes_Cedraz_2017.pdf3,21 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.