Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/23606
Title: A classe média no Brasil: condições do consumo e a influência no número de filhos por domicílio
Authors: Bezerra, Camila Silva
Keywords: Classe social;Classe média;Consumo;Decendentes
Issue Date: 9-Mar-2017
Citation: BEZERRA, Camila Silva. A classe média no Brasil: condições do consumo e a influência no número de filhos por domicílio. 2017. 63f. Dissertação (Mestrado em Demografia) - Centro de Ciências Exatas e da Terra, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.
Abstract: Discussions about the so-called middle class have had wide attention in Brazil in recent years, recognizing their economic and population importance, it is observed how the new patterns of consumption adopted by this class, labor and per capita income, influence the lower number of children by Woman by several factors. The present study analyzes the relation of the number of children in the households according to their social classes and their respective patterns of consumption. For the methodological source of the discussion about the relations of social classes, the research was based on Goldthorpe's (1987) scheme of operation, in order to observe the relational effect of the number of children on their expenditures. Family Budgets (POF) of the Brazilian Institute of Geography and Statistics - IBGE, referring to the 2008-2009 version. Three elements were considered central and fundamental to the database for the observation (Income, Households and Expenses), and information about social classes, number of children per household was extracted, and expenses with vehicles per household as an element of consumption. The decline in the number of children is basically explained by the great changes in the socioeconomic structure of the population. Factors such as urbanization, economic dynamism, greater access to credit and forms of consumption, and income transfer programs for the poorest population are clear for behavioral interference on child rearing by household. The influence of the consumption and the increase of the professional qualifications and of the incomes, made that there was a growth in the composition of the average social classes of the form that the reproductive behavior of the families suffered with such influences.
metadata.dc.description.resumo: Discussões acerca da chamada classe média teve ampla atenção no Brasil nos últimos anos reconhecendo sua importância econômica e populacional, observa-se como os novos padrões de consumo adotados por essa classe, o trabalho e a renda per capita, influenciam a menor número de filhos por mulher por diversos fatores. O presente trabalho analisa a relação do número de filhos nos domicílios segundo suas classes sociais e seus respectivos padrões de consumo. Para a fonte metodológica da discussão acerca das relações das classes sociais, a pesquisa tomou como base o esquema de operacionalização de Goldthorpe (1987), para observar o efeito relacional do número de filhos sobre seus gastos, foram utilizados os bancos de dados da Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, referente à versão de 2008-2009. Três elementos foram considerados centrais e fundamentais do banco de dados para a observação (Rendimentos, Domicílios e Despesas), e foram extraídas as informações acerca das classes sociais, do número de filhos por domicílio, e as despesas com veículos por domicílio como elemento de consumo. O declínio do número de filhos se explica basicamente pelas grandes transformações na estrutura socioeconômica da população. Fatores como urbanização, dinamização da economia, maior acesso ao crédito e formas de consumo, e programas de transferência de renda para população mais pobre são nítidos para interferência comportamental sobre a criação de filhos por domicílio. A influência do consumo e do aumento das qualificações profissionais e dos rendimentos, fez com que houvesse um crescimento na composição das classes sociais médias da forma que o comportamento reprodutivo das famílias sofresse com tais influências.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/23606
Appears in Collections:PPGDEM - Mestrado em Demografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CamilaSilvaBezerra_DISSERT.pdf633.27 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.