Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/23750
Título: Extração e caracterização de amido nativo e modificado da palma forrageira (Opuntia ficus indica)
Autor(es): Leopoldino, Kleison José Medeiros
Palavras-chave: Amido modificado;Palma forrageira;Fosforilação;Oxidação
Data do documento: 8-Mar-2017
Citação: LEOPOLDINO, Kleison José Medeiros. Extração e caracterização de amido nativo e modificado da palma forrageira (Opuntia ficus indica). 2017. 243f. Tese (Doutorado em Química) - Centro de Ciências Exatas e da Terra, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.
Resumo: Obtaining and chemical modification of starch from forage Palma (Opuntia ficus indica) is the object of study of this work. The starch was extracted from cactus pear presented purity 99.30% and modified routes this starch were oxidation and phosphorylation with the assessment of the effects of this change. The starch was modified by sodium periodate to the oxidation process, while for the phosphorylation process was varied the concentration of sodium tripolyphosphate compared to reaction times in order to establish phosphorus limits suitable for use in foods based on Codex Alimentarius . The results showed an increase in phosphorus content to give maximum accordance with the rules in time 40 minutes with 7% sodium tripolyphosphate. The results further indicated that both factors studied (time, concentration) influence the starch phosphate treatment due to the interaction of these independent variables. Of the properties evaluated the native and modified starch were determined chemical composition, phosphorus, starch, amylose and the shape and size of the starch granules. Chemical modification of starch caused higher phosphorus and ash and decreased levels of starch and amylose, achieving experimentally most phosphating according to the legislation in time from 40 minutes to 7% of sodium tripolyphosphate after going through a process dialysis. The functional properties of the samples were analyzed on native starch and modified and determined density, swelling power, solubility index characterizing the gel turbidity, syneresis, paste viscosity, calorimetric analysis. The native starch from cactus pear density showed 1.67 g.mL-1 and the modification decreased the density of native starch. The swelling power and solubility index of the native and modified starch showed significant differences. The modification also decreased the absorbance because it facilitates the passage of light, while syneresis was influenced by modifying, with an increase in the storage cycle number, and a decrease in chemical modification. The phosphate starch showed higher viscosity slurry than native starch because they possess greater power of swelling and solubility rate in water.
metadata.dc.description.resumo: Na modificação do amido pelo processo oxidativo foi utilizada uma solução de periodato de sódio (APOX), enquanto na fosforilação foi utilizada tripolifosfato de sódio variando-se a sua concentração em relação ao tempo com o intuito de estabelecer limites de fósforo adequados para uso em alimentos. A obtenção e modificação química do amido da Palma Forrageira (Opuntia ficus indica) é o objeto de estudo deste trabalho. Os resultados demonstraram um aumento do teor de fósforo obtendo-se o máximo de acordo com a Portaria Nº 42/98 de 2005 no tempo de 40 minutos com 7% de tripolifosfato de sódio. Os resultados indicaram ainda que ambos os fatores estudados (tempo e concentração) influenciam na fosfatação do amido (APF) devido a interação destas variáveis independentes. Das propriedades avaliadas do amido nativo (APNM), amido liofilizado (APL) e os modificados foram determinados a composição centesimal, teor de fósforo, teor de amido, amilose e a forma e tamanho dos grânulos de amido. As propriedades físico-quimicas foram analisadas nas amostras do amido nativo, liofilizado e modificado sendo determinada a densidade, poder de intumescimento, índice de solubilidade, caracterização do gel, turbidez, sinérese, viscosidade de pasta, análise calorimétrica. O amido nativo da palma forrageira apresentou densidade 1,67 g.mL-1 e a modificação diminuI a densidade do amido nativo. O poder de inchamento e o índice de solubilidade do amido nativo, liofilizado e modificados apresentaram diferenças significativas. A modificação, também, diminuiu a absorbância porque facilita a passagem da luz, enquanto a sinérese foi influenciada pela modificação, ocorrendo um aumento com o número do ciclo de armazenamento, e uma diminuição com a modificação química. O amido fosfatado apresentou maior viscosidade de pasta do que o amido nativo devido os mesmos possuírem maior poder de intumescimento e índice de solubilidade em água. O amido nativo extraído da palma forrageira apresentou pureza 99,30%.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/23750
Aparece nas coleções:PPGQ - Doutorado em Química

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
KleisonJoseMedeirosLeopoldino_TESE.pdf3,56 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.