Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/23810
Título: Neoplasias de glândulas salivares menores - estudo retrospectivo de 83 casos
Autor(es): Nóbrega, Marília Queiroga Rocha da
Lopes, Luciana Jácome
Cardoso, Rachel Gomes
Nonaka, Cassiano Francisco Weege
Souza, Lélia Batista de
Palavras-chave: Epidemiologia;Glândulas salivares menores
Data do documento: 2010
Citação: NOBREGA, Marília Queiroga Rocha da et al. Neoplasias de glândulas salivares menores - estudo retrospectivo de 83 casos. RGO - Revista Gaúcha de Odontologia (Impresso), v. 58, n. 3, p. 357-362, 2010.
metadata.dc.description.resumo: Objetivo: Analisar os achados clínicos e histopatológicos de neoplasias de glândulas salivares menores arquivadas no Serviço de Ana- tomia Patológica da Disciplina de Patologia Oral do Departamento de Odontologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Métodos: Dados referentes à idade e gênero dos pacientes e localização anatômica das neoplasias de glândulas salivares menores, diagnosticadas no período de janeiro de 1970 a dezembro de 2007, foram obtidos em fichas de requisição de biópsia. Para o estudo histopatológico, cortes histológicos corados em hematoxilina e eosina foram avaliados sob microscopia de luz. Resultados: Foram identificados 83 casos. Destes, 69,9% acometeram o gênero feminino. Pacientes com neoplasias malignas apresenta- ram maior média de idade (47,6 anos) que pacientes com neoplasias benignas (40,7 anos). Os sítios anatômicos mais acometidos fo- ram: palato (43,4%), mucosa jugal (10,8%), lábio superior (10,8%) e rebordo alveolar (10,8%). Os três tipos histológicos mais frequentes foram: adenoma pleomórfico (38,6%), carcinoma mucoepidermóide (18,1%) e carcinoma adenóide cístico (13,3%). Conclusão: Neoplasias de glândulas salivares menores afetaram com maior frequência o gênero feminino. Pacientes com neoplasias ma- lignas apresentaram maior média de idade ao diagnóstico da condição. O subtipo histológico mais comum foi o adenoma pleomórfico, seguido do carcinoma mucoepidermóide e do carcinoma adenóide cístico. Em conjunto, estas três neoplasias perfizeram 70,0% de todos os tumores diagnosticados.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/23810
ISSN: 1981-8637
Aparece nas coleções:CCS - DOD - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
NEOPLASIAS DE GLÂNDULAS SALIVARES MENORES.pdf1,57 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.