Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/24194
Title: Qualidade de vida de idosos da Estratégia Saúde da Família: demandas de saúde e proposição de intervenções multidimensionais
Authors: Miranda, Jéssica Maria Arouca de
Keywords: Saúde do idoso;Necessidades e demandas de serviços de saúde;Estratégias;Qualidade de vida
Issue Date: 17-Jul-2017
Citation: MIRANDA, Jéssica Maria Arouca de. Qualidade de vida de idosos da Estratégia Saúde da Família: demandas de saúde e proposição de intervenções multidimensionais. 2017. 89f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.
Portuguese Abstract: A expressiva mudança no perfil demográfico do mundo, mostra um acelerado processo de envelhecimento mundial. Para obtenção de um envelhecimento ativo e saudável é necessário que se mantenha um bom funcionamento físico, psicológico e social, juntamente a isso, se deve investir em intervenções que reduzam a incidência de demandas de saúde e propiciem a qualidade de vida. Diante disso, objetivou-se desenvolver intervenções multidimensionais, a partir das demandas de saúde, visando melhorar a qualidade de vida de idosos cadastrados na Estratégia Saúde da Família. Trata-se de um estudo quantitativo, descritivo e metodológico, envolvendo idosos cadastrados na Estratégia Saúde da Família de Natal e Santa Cruz, ambas no Rio Grande do Norte. A amostra foi de 120 idosos que obedeciam os critérios de inclusão. O estudo foi desenvolvido em três fases. A coleta de dados, a análise dos dados e o planejamento das intervenções multidimensionais e multidisciplinar. Para análise dos dados foram utilizados testes não paramétricos (Qui-quadrado, Mann Whitney e correlação de Spearman). A pesquisa foi aprovada pelo Comitê de Ética em Pesquisa do Hospital Universitário Onofre Lopes e solicitado aos participantes a assinatura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido. Observou-se que 88,3% dos idosos apresentavam demanda de saúde funcional, 70,0% nutricional e 40% sintomas depressivos. O escore total de QV deles foi considerada satisfatória (Md: 68,9). No entanto as principais demandas de saúde que se correlacionaram com a QV foram os sintomas depressivos, seguido da funcional. A partir dessas demandas de saúde foi possível planejar as intervenções multidimensionais e multidisciplinar. Planejou-se sete estratégias (simulação de mercado, prática de exercícios, palestra nutricional, bingo dos alimentos, introdução a tecnologia, uso da tecnologia envolvendo nutrição e evolvendo atividades físicas) para aplicação em grupo com duração média de uma hora e meia. Verificou-se a importância de intervenção com os idosos para mantê-los ativos, independentes, com contato social e saudáveis. Para isso é necessário maior envolvimento das Estratégias Saúde da Família, visto que é a porta de entrada para os serviços de saúde que tem como finalidade a promoção da saúde e prevenção de agravos.
Abstract: The significant change in the demographic profile of the world shows an accelerated process of global aging. To achieve an active and healthy aging it is necessary to maintain a good physical, psychological and social functioning, along with that, it is necessary to invest in interventions that reduce the incidence of health demands and improve the quality of life. In view of this, the objective was to develop multidimensional interventions, based on health demands, aiming at improving the quality of life of elderly enrolled in the Family Health Strategy. This is a quantitative, descriptive and methodological study involving elderly enrolled in the Family Health Strategy of Natal and Santa Cruz, both in Rio Grande do Norte. The sample consisted of 120 elderly individuals who met the inclusion criteria. The study was developed in three phases. Data collection, data analysis and planning of multidimensional and multidisciplinary interventions. Non-parametric tests (Chi-square, Mann Whitney and Spearman's correlation) were used to analyze the data. The research was approved by the Research Ethics Center of the Onofre Lopes University Hospital and asked the participants to sign the Informed Consent Term. It was observed that 88.3% of the elderly presented functional health demand, 70.0% nutritional and 40% depressive symptoms. Their total QOL score was considered satisfactory (Md: 68.9). However, the main health demands that correlated with QoL were depressive symptoms, followed by functional health demand. From these health demands it was possible to plan multidimensional and multidisciplinary interventions. Seven strategies were planned (market simulation, exercise practice, nutritional lecture, food bingo, introduction to technology, use of technology involving nutrition and physical activities) for group application with an average duration of one and a half hours. It was verified the importance of intervention with the elderly to keep them active, independent, with social and healthy contact. In order to do this, it is necessary to increase the involvement of Family Health Strategies, since it is the gateway to health services that aims to promote health and prevent injuries.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/24194
Appears in Collections:PPGCSA - Mestrado em Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
QualidadeVidaIdosos_Miranda_2017.pdf1.14 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.