Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/24866
Title: Construção e validação de tecnologia educativa para o cuidado de pessoas com estomia intestinal
Other Titles: Construction and validation of educational technology for the care of people with intestinal ostomy
Authors: Sena, Julliana Fernandes de
Keywords: Estomia;Tecnologia educativa;Enfermagem;Estudos de validação
Issue Date: 19-Dec-2017
Citation: SENA, Julliana Fernandes de. Construção e validação de tecnologia educativa para o cuidado de pessoas com estomia intestinal. 2017. 104f. Dissertação (Mestrado em Enfermagem) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.
Portuguese Abstract: Viver com a condição de ter uma estomia ocasiona diversas alterações na vida das pessoas e de seus familiares. Nesta situação surgem dificuldades em que muitas vezes nem o paciente e a família estão preparados para agir diante do problema. Tudo isso gera a necessidade de aquisição de novas habilidades para o autocuidado. Reconhecendo a importância do material educativo com enfoque na promoção do cuidado desses pacientes, o presente estudo objetivou construir uma cartilha educativa e analisar as evidências de validação para o cuidado de pessoas com estomia intestinal. Trata-se de uma pesquisa metodológica do tipo de desenvolvimento. Para facilitar a compreensão do método, optou-se por dividi-lo em duas etapas: a primeira consistiu de uma revisão de literatura, um estudo qualitativo com 30 pessoas com estomia intestinal do Centro Especializado em Reabilitação e Habilitação do Rio Grande do Norte – CERHRN e construção da cartilha educativa, e a segunda consistiu da validação de conteúdo, aparência e adequabilidade do material por nove juízes especialistas, bem como validação quanto à sua organização, estilo da escrita, aparência e motivação da cartilha com 25 pessoas da população-alvo. O estudo foi realizado no CERHRN com autorização da diretoria e após aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa/UFRN sob nº CAAE 65942517.9.0000.5537. Foi utilizado o Índice de Validade de Conteúdo (IVC) para medir a concordância dos juízes quanto à representatividade dos itens em relação ao conteúdo em estudo. O instrumento de avaliação dos especialistas continha itens de avaliação da escala Likert com quatro itens. O índice foi calculado por meio do somatório de concordância dos itens marcados como “3” (adequado) e “4” (totalmente adequado) pelos especialistas, dividido pelo total de respostas. Quanto aos objetivos da cartilha, todos os juízes validaram os itens, classificando-os como “adequado” ou “totalmente adequado”, o que conferiu um IVC de 1,00 para os objetivos propostos. Com relação à estrutura e apresentação da cartilha, ela foi considerada validada, atingindo IVC total de 0,84. No quesito relevância, o IVC total foi de 0,97 e o IVC geral da cartilha educativa foi de 0,89, confirmando a validação junto aos especialistas da área. Após as sugestões feitas pelos juízes, foi realizada a adequação do material educativo, incorporando as sugestões, a fim de atender às necessidades e expectativas a que se propõe. Não houve nenhuma resposta negativa nos itens avaliados pelo público-alvo. Todos os itens da organização, estilo da escrita, aparência e motivação do material foram considerados validados, pois atingiram índice de concordância total de 99%. Acredita-se que a construção e validação da cartilha educativa para o cuidado de pessoas com estomia intestinal possam contribuir positivamente para a adesão às práticas de autocuidado dessas pessoas e também para os familiares e cuidadores que desempenham ou auxiliam nesse cuidado diário. Posteriormente, o material educativo foi encaminhado à revisão de português e à gráfica para impressão. A tecnologia educativa será disponibilizada nos locais de atendimento ao estomizado, porém, somente será fornecida ao paciente que demonstrar interesse.
Abstract: Living with the condition of having an oedematum causes several changes in the lives of people and their families. In this situation, difficulties arise in which often the patient and the family are not prepared to act in the face of the problem. All this generates the need to acquire new skills for self-care. Recognizing the importance of educational material with a focus on promoting the care of these patients, the present study aimed to construct an educational booklet and analyze the evidence of validation for the care of people with intestinal stomies. It is a methodological research of the type of development. To facilitate the understanding of the method, it was chosen to divide it into two stages: the first consisted of a literature review, a qualitative study with 30 people with intestinal stomies of the Specialized Center for Rehabilitation and Qualification of Rio Grande do Norte - CERHRN and the construction of the educational booklet, and the second consisted of validation of content, appearance and suitability of the material by nine expert judges, as well as validation as to its organization, writing style, appearance and motivation of the booklet with 25 people of the target population. The study was carried out at the CERHRN with the authorization of the board of directors and after approval of the Research Ethics Committee / UFRN under CAAE number 65942517.9.0000.5537. The Content Validity Index (CVI) was used to measure the judges' agreement on the representativeness of the items in relation to the study content. The evaluation instrument of the specialists contained items of evaluation of the Likert scale with four items. The index was calculated by means of the sum of the items marked "3" (appropriate) and "4" (fully appropriate) by the experts, divided by the total answers. As for the objectives of the booklet, all the judges validated the items, classifying them as "adequate" or "totally adequate", which gave an IVC of 1.00 for the proposed objectives. Regarding the structure and presentation of the booklet, it was considered validated, reaching a total CVI of 0.84. Regarding relevance, the total IVC was 0.97 and the general IVC of the educational booklet was 0.89, confirming the validation among the specialists in the area. After the suggestions made by the judges, the adequacy of the educational material was carried out, incorporating the suggestions, in order to meet the needs and expectations proposed. There was no negative response to items evaluated by the target audience. All items of the organization, writing style, appearance and motivation of the material were considered validated, as they reached a total agreement index of 99%. It is believed that the construction and validation of the educational booklet for the care of people with intestinal stomies can contribute positively to the adherence to the self-care practices of these people and also to the relatives and caregivers who perform or assist in this daily care. Subsequently, the educational material was sent to the Portuguese revision and to the printing press. The educational technology will be made available at the stomatal care facilities, but will only be provided to the patient who shows interest.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/24866
Appears in Collections:PPGE - Mestrado em Enfermagem

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
JullianaFernandesDeSena_DISSERT.pdf3,82 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.