Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25168
Title: Resistência e compressibilidade de solos da Formação Barreiras da região de Natal/RN
Other Titles: Strenght and compressibility of soils of Barreiras Formation in the region of Natal/RN
Authors: Sousa, Ray de Araújo
Keywords: Formação Barreiras;Cisalhamento direto;Ensaio de compressão edométrica
Issue Date: 26-Mar-2018
Citation: SOUSA, Ray de Araújo. Resistência e compressibilidade de solos da Formação Barreiras da região de Natal/RN. 2018. 102f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Civil) - Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Portuguese Abstract: A maior parte da infraestrutura e das cidades presentes na região do estado do Rio Grande do Norte – (RN) está assentada na unidade geológica denominada Formação Barreiras. Esta zona costeira apresenta em seu território formações geológicas decorrentes do comportamento de umidade sazonal do seu clima e ação erosiva dos elementos, os chamados solos residuais tropicais, ou lateríticos. O comportamento climático da região implica na dessecação do perfil do solo, aspecto que têm influência direta nos parâmetros de resistência, compressibilidade e permeabilidade do solo. Determinar o comportamento dos solos lateríticos nas diversas condições em que o mesmo pode se encontrar (saturado ou não-saturado) se mostra uma necessidade de modo a avaliar a segurança da infraestrutura da cidades assentada sobre essas formações. O objetivo geral deste trabalho é executar a caracterização geotécnica e avaliar os parâmetros de resistência e de deformabilidade de amostras de solo da Formação Barreiras. Para tal, foram coletados 14 blocos de amostras indeformadas de solo da região da Zona Norte e Leste da cidade de Natal/RN, em terrenos próximos a área do Rio Potengi. As amostras foram submetidas a ensaios de caracterização, ensaios de cisalhamento direto nas condições inundada e não-inundada e ensaios de compressão edométrica com inundação na tensão de 100 kPa. Os ensaios de cisalhamento direto foram executados nas tensões normais nominais de 50; 100; 200 e 400 kPa, enquanto que no ensaio de compressão confinada os corpos de prova foram submetidos as tensões verticais de 12,5; 25; 50; 100; 200; 400 e 800 kPa. De acordo com os ensaios de caracterização, 70% das amostras estudadas se classificam como areias argilosas, e para amostras em ensaios não-inundados, foram obtidos altos valores de intercepto de coesão, da ordem de até 200 kPa, mas a inundação das amostras leva a queda expressiva desse parâmetro, além de uma variação em torno de 20% do ângulo de atrito. Os ensaios de compressão edométrica apontaram para ocorrência de colapsividade isolada em uma das amostras estudadas, com deformação vertical de 9,8%, e as demais apresentando deformação máxima de 1,8%, com valores de índice de vazios variando de 0,375 a 0,560, índice de compressão de 0,033 a 0,392, e índice de recompressão de 0,014 a 0,02.
Abstract: Most of the infrastructure and cities present in the region of the state of Rio Grande do Norte – (RN) is seated on the geological unit called Barreiras Formation. This coastal area show, in its territory, geological formations that are due to the seasonal moisture of its weather and erosive action, called Tropical Residual soils, or Lateritic. The climatic behavior of the region implies in the desiccation of the soil profile, which have direct influence in the parameters of strength, compressibility and permeability of the soil. To determine the behavior of lateritic soils in the different conditions in which it may presents (saturated or unsaturated) presents itself as a necessity, as means to evaluate the safety of the city’s infrastructure seated over these formations. The objective of this study is the geotechnical characterization of Barreiras Formation samples, and evaluation of the strength and compressibility parameters obtained. To that end, 14 non deformed samples of soil were collected from the East and North zones of the city of Natal/RN, in lands next to the Potengi River area. The samples have gone through granulometric analysis, direct shear tests in flooded and natural conditions of the soil, and oedometer tests with flooding in the 100 kPa stress. The direct shear tests were executed using confining stress of 50; 100; 200 and 400 kPa, while in the oedometer tests the samples were submitted to vertical stress of 12,5; 25; 50; 100; 200; 400 and 800 kPa. As results, it was noted that around 70% of the samples analyzed were characterized as clayey sands, and that in the non-flooded tests were obtained values of cohesion as high as 200 kPa, but the flooding of the sample leads to expressive decline of this parameter, and variation of the friction angle by 20%. The Oedometer tests showed to the occurrence of isolated collapsing behavior in one of the tested samples, with a vertical strain of 9.8%, and the rest of the samples showing maximum strain of 1.8%, with void ratios going from 0.375 to 0.560, compression index of 0.033 to 0.392, and a recompression index of 0.014 to 0.02.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25168
Appears in Collections:PPEC - Mestrado em Engenharia Civil

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
RayDeAraujoSousa_DISSERT.pdf2.84 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.