Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25317
Title: Análise comparativa da imunoexpressão de OCT4 e CD44 em carcinoma epidermoide de lábio inferior e queilite actínica
Authors: Sena, Dáurea Adília Cóbe
Keywords: Carcinogênese;Carcinoma epidermoide de lábio inferior;Queilite actínica;Imuno-histoquímica;Imunoexpressão;OCT4;CD44
Issue Date: 22-Feb-2018
Citation: SENA, Dáurea Adília Cóbe. Análise comparativa da imunoexpressão de OCT4 e CD44 em carcinoma epidermoide de lábio inferior e queilite actínica. 2018. 121f. Dissertação (Mestrado em Patologia Oral) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Portuguese Abstract: O processo de carcinogênese é caracterizado pela transformação de uma célula normal em uma célula maligna, devido a alterações genéticas cumulativas, influenciadas pela predisposição genética do paciente, bem como por fatores ambientais. Em lábio inferior, a exposição à radiação UV apresenta-se como principal fator etiológico associado ao desenvolvimento de Carcinomas epidermoides e Queilites actínicas. Pela teoria do modelo hierárquico na carcinogênese, o desenvolvimento, crescimento e metástase do câncer são guiados por uma pequena população de células-tronco tumorais, com capacidade de multipotência e auto-renovação. O objetivo deste estudo foi avaliar comparativamente a expressão do OCT4 e do CD44 em 40 casos de Carcinoma epidermoide de lábio inferior (CELI) e 40 de Queilite actínica (QA) sendo analisadas as características ciínicopatológicas e a imunoexpressão destas proteínas a fim de fornecer informações acerca do diagnóstico, da progressão e do prognóstico destas lesões. A expressão de OCT4 e CD44 foi avaliada de forma semi-quantitativa através do percentual de células epiteliais positivas (PP) e da intensidade da expressão (IE), resultando na pontuação de imunomarcação total (PIT) que variou de 0 a 7. A imunoexpressão do OCT4 revelou-se tanto nuclear quanto citoplasmática para a maioria dos casos de QA e CELI, enquanto para o CD44, esta apresentou-se membranar. Não foram encontradas diferenças estatisticamente significativas entre a imunoexpressão de OCT4 e CD44, assim como entre parâmetros clinicopatológicos, exceto para metástase linfonodal em que foi observada diminuição da expressão de OCT4 no centro tumoral dos casos com metástase linfonodal. Foi evidenciada correlação negativa e estatisticamente significativa entre a imunoexpressão destes marcadores em região de centro tumoral. Também, foi verificada diminuição da expressão do CD44 nos casos de CELI quando comparados aos de QA. Os resultados da presente pesquisa sugerem maior participação destas proteínas em estágios iniciais da carcinogênese. Além disso, o distúrbio da imunoexpressão do OCT4 e CD44 em centro tumoral sugere a presença de diferentes subpopulações de células neoplásicas com fenótipo de pluripotência distinto, associadas aos diferentes graus de diferenciação celular.
Abstract: The carcinogenesis process is characterized by the transformation of a normal cell into a malignant cell, due to cumulative genetic alterations, influenced by the genetic predisposition of the patient, as well as by environmental factors. In the lower lip, exposure to UV radiation is the main etiological factor associated with the development of epidermoid carcinomas and actinic cheilitis. By the hierarchical model theory in carcinogenesis, the development, growth and metastasis of cancer are driven by a small population of tumor stem cells, with multipower ability and self-renewal. The aim of this study was to compare the expression of OCT4 and CD44 in 40 cases of lower lip epidermoid carcinoma (LLEC) and 40 cases of actinic cheilitis (AC), being analyzed the clinicopathological features and immunoexpression of these proteins. This markers can be used to provide information about diagnosis, progression and prognosis in these lesions. OCT4 and CD44 expression was assessed semiquantitatively by percentage of positive epithelial cells (PP) and intensity of expression (IE), resulting in total immunolabeling score (PIT) ranging from 0 to 7. OCT4 immunoexpression was shown to be both nuclear and cytoplasmic for most cases of AC and LLEC, while for CD44 it was membranous. No statistically significant differences were found between OCT4 and CD44 immunoexpression and clinicopathological parameters, except for lymph node metastasis in which there was a decrease in OCT4 expression in the core tumor of cases with lymph node metastasis. There was a negative and statistically significant correlation between the immunoexpression of these markers in the core tumor. Also, decreased CD44 expression was observed in LLEC cases when compared to AC cases. The results of this study suggest a higher participation of these proteins in early stages of carcinogenesis. In addition, the imbalance of OCT4 and CD44 immunoexpression in the tumor core suggests the presence of different subpopulations of neoplastic cells with distinct pluripotency phenotype, associated with different degrees of cell differentiation.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25317
Appears in Collections:PPGPO- Mestrado em Patologia Oral

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DaureaAdiliaCobeSena_DISSERT.pdf5.44 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.