Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25370
Title: Caracterização do esforço físico gerado por indivíduos que utilizam a bicicleta como meio de transporte em área urbana
Other Titles: Characteristics of the physical effort of individuals using bicycles as a means of transport in urban areas
Authors: Bezerra, Marcus Felipe Soares
Keywords: Ciclismo;Meio de transporte ativo;Atividade física
Issue Date: 1-Sep-2017
Citation: BEZERRA, Marcus Felipe Soares. Caracterização do esforço físico gerado por indivíduos que utilizam a bicicleta como meio de transporte em área urbana. 2017. 43f. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.
Portuguese Abstract: O uso da bicicleta como meio de transporte é considerado um comportamento sustentável e saudável. Entretanto, pouco é conhecido sobre a característica de esforço físico empregado pelos indivíduos durante seus trajetos habituais. Portanto, esse estudo buscou caracterizar o esforço físico realizado por indivíduos que utilizam a bicicleta como meio de transporte em meio urbano durante seus trajetos habituais. Além disso, analisar se o esforço físico empregado durante esses trajetos seria suficiente para atingir as recomendações de atividade física para promoção da saúde. Vinte adultos (22-42 anos) que utilizam a bicicleta como meio de transporte (≥ 3 dias/semana), realizaram um teste de esforço incremental máximo e foram monitorados durante sete dias nos seus trajetos habituais utilizando um sistema de posicionamento global (GPS, Global Position System) com monitor de frequência cardíaca (FC) acoplado. Foram analisados: i) distância percorrida, ii) duração e inclinação do trajeto, iii) velocidade de deslocamento e iv), tempo dispendido na intensidade de esforço leve (< 64% da FCmáx), moderada (64-76% da FCmáx) e vigorosa (> 76% da FCmáx). Os dados estão descritos em mediana e percentis 25 e 75. Os indivíduos percorreram uma distância de 3,8 km (2,6-5,9 km) por percurso em 13,1 min (10,6 – 20,9 min) com elevação média de 30,1 m (16,2 – 70,9 m) em uma velocidade média de 16,9 km/h (14 – 17,8 km/h). O tempo dispendido em esforço leve foi 19,9% (12,6 – 29,3%), moderado 46,1% (40,9 – 54,4%) e vigoroso 29,9% (12,5 - 44,9%). Considerando o volume total de trajetos realizados na semana, 50% da amostra (n = 10) atingiram as recomendações de atividade física para promoção da saúde (pelo menos 150 min de atividade física moderada-vigorosa) apenas utilizando a bicicleta como meio de transporte. Concluímos que o esforço físico realizado por indivíduos que usam a bicicleta como meio de transporte em área urbana é predominantemente moderado-vigoroso. Portanto, além de ser uma opção sustentável, o uso da bicicleta como meio de transporte parece ser uma alternativa interessante para se atingir as recomendações de atividade física para promoção da saúde.
Abstract: The use of the bicycle as a means of transport is considered a sustainable and healthy behavior. However, little is known about the characteristic of physical effort employed by individuals during their usual paths. Therefore, this study sought to characterize the physical effort performed by individuals who use the bicycle as a means of transportation in urban environments during their usual routes. In addition, it was analyzed whether the physical effort employed during these routes would be enough to reach the recommendations of physical activity for health promotion. Twenty adults (22-42 years old) who use the bicycle as a means of transport (≥ 3 days/week) were monitored for seven days in their usual routes using a Global Positioning System (GPS) with heart rate monitor (FC). We analyzed: (i) distance traveled; (ii) duration and slope of the course; (iii) speed of travel; and (iv) time spent on light exertion intensity (<64% HRmax), moderate (64-76% HRmax) and vigorous (> 76% of HRmax). The data are described in average and 25th and 75th percentiles. The individuals covered a distance of 3.8 km (2.6-5.9 km) per course in 13.1 min (10.6 - 20.9 min) with Average elevation of 30.1 m (16.2 - 70.9 m) at an average speed of 16.9 km / h (14 - 17.8 km/h). The time spent on mild exertion was 19.9% (12.6 - 29.3%), moderated 46.1% (40.9 - 54.4%) and vigorous 29.9% (12.5 - 44, 9%). Considering the total volume of routes performed during the week, 50% of the sample (n = 10) reached the recommendations of physical activity for health promotion (at least 150 min of moderate-vigorous physical activity) only using the bicycle as a means of transportation. We conclude that the physical effort performed by individuals who use the bicycle as a means of transportation in urban areas is predominantly moderate-vigorous. Therefore, besides being a sustainable option, the use of the bicycle as a means of transportation seems to be an interesting alternative to reach the recommendations of physical activity for health promotion.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25370
Appears in Collections:PPGEF - Mestrado em Educação Física

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MarcusFelipeSoaresBezerra_DISSERT.pdf424,95 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.