Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25445
Title: Avaliação do mapa sonoro de tráfego veicular no município de Natal/RN
Authors: Florêncio, Débora Nogueira Pinto
Keywords: Mapa sonoro;Mapa de ruído;Mapeamento acústico;Acústica ambiental;Ruído de tráfego
Issue Date: 19-Feb-2018
Citation: FLORÊNCIO, Débora Nogueira Pinto. Avaliação do mapa sonoro de tráfego veicular no município de Natal/RN. 2018. 208f. Tese (Doutorado em Arquitetura e Urbanismo) - Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Portuguese Abstract: A poluição sonora já é considerada, pela Organização Mundial de Saúde (OMS) a segunda maior causa de poluição no mundo. Num contexto geral, o desenvolvimento urbano foi acompanhado pelo crescimento acelerado das cidades e pelo aumento da circulação de veículos automotores, causando maiores níveis de poluição sonora. Os ambientes urbanos apresentam cenários acústicos complexos e seus estudos precisam considerar a participação de várias fontes sonoras. Ao avaliar possíveis soluções, os modelos computacionais se tornam facilitadores, uma vez que possibilitam a realização de rápidos cálculos, análises e relatórios. Com tal recurso, é possível conhecer os níveis de pressão sonora em qualquer ponto de uma área modelada, por meio de leitura direta no mapa sonoro. O problema da pesquisa consistiu em: de que forma se espacializa o ruído de tráfego no sistema viário no município de Natal? Para isso, levanta-se como hipótese que no município de Natal/RN, as vias definidas como arteriais e coletoras encontram-se em níveis de pressão sonora acima dos recomendados pela legislação. Portanto, esta pesquisa tem como objetivo geral avaliar a qualidade do ambiente sonoro e sua relação com a malha viária no município de Natal/RN, a partir do mapeamento do ruído de tráfego com auxílio de modelo computacional. Os procedimentos metodológicos consistiram na coleta e análise dos dados de tráfego, acústicos e mapas dos condicionantes físico-ambientais. Em seguida, foram elaborados os mapas sonoros processados através do software de simulação computacional. Tais mapas foram calibrados com base em dados quantitativos de medição acústica in loco. Como resultados, constatou-se que o fluxo veicular segue um padrão de crescimento com base em variáveis como largura e comprimento da via. E que existe forte correlação entre o fluxo veicular e os níveis de pressão sonora. O nível equivalente médio de ruído (LAeq, 7-22h) no município do Natal/RN apresenta 75.4% acima dos 55dB recomendado pela NBR 10151 (ABNT, 2000) para uso misto residencial e 15.3% excedente a 65dB, recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS, 1999). Na faixa lindeira (meio fio a 100m) 95.8% extrapolam os 65dB em vias arteriais. Por fim, a partir do diagnóstico dos atributos envolvidos, elaboraram-se as diretrizes para planejamento na acústica ambiental, com a finalidade de minimizar o impacto em relação ao ruído.
Abstract: Sound pollution is already considered by the World Health Organization (WHO) the second largest cause of global pollution. In a general context, urban development was accompanied by the accelerated growth of cities and the increased circulation of motor vehicles, causing higher levels of noise pollution. Urban environments present complex acoustic scenarios and studies about them need to consider the impact of several sound sources. Computational models become facilitators, evaluating possible solutions, since they enable fast calculations, analyzes and reports. With this feature, it is possible to know the sound pressure levels at any point in a modeled area, through direct reading on the sound map. The research problem appointed in this dissertation is: How traffic noise can be spatialized in Natal street system? The hypothesis points to sound pressure levels above those recommended by legislation in arterial and "secondary" streets of Natal/RN. Therefore, this research aims to evaluate the quality of the sound environment and its relation with the road network in Natal / RN, by mapping traffic noise with a computational model assistance. We gather and analyze traffic data, acoustic and physical-environmental conditioning maps as methodological procedures. Then, sound maps were processed through computer simulation software. These maps were calibrated based on quantitative acoustic measurement data on site. As results, it was verified that the vehicular flow follows a pattern of growth based on variables such as width and length of the track. There is a strong correlation between vehicle flow and sound pressure levels. The average equivalent level of noise (LAeq, 7-22h) in t Natal is 75.4% higher than the 55dB recommended by NBR 10151 (ABNT, 2000) for residential use and excess 15.3% on the 65dB World Health Organization recommendation (WHO, 1999). In the marginal street range (from curb to 100m) 95.8% extrapolate the 65dB in arterial pathways. Finally, from the diagnosis of the attributes involved, the guidelines for planning in the environmental acoustics were elaborated, in order to minimize the noise impact.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25445
Appears in Collections:PPGAU - Doutorado em Arquitetura e Urbanismo

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AvaliacaoMapaSonoro_Florencio_2018.pdf16,65 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.