Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25617
Title: Eventos extremos de precipitação nas mesorregiões da Paraíba e suas relações com a TSM dos oceanos tropicais
Authors: Nóbrega, José Nildo Da
Santos, Carlos A. C. Dos
Gomes, Oseas M
Bezerra, Bergson Guedes
Brito, José Ivaldo B. De
Keywords: Semiárido;ZCIT;Mann-Kendal;RClimdex;Oceano Atlântico;Oceano Pacífico
Issue Date: 2014
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: BEZERRA, B. G.; NOBREGA, J. N. ; SANTOS, C. A. C. ; GOMES, O. M. ; BRITO, J. I. B. . Eventos extremos de precipitação nas mesorregiões da Paraíba e suas relações com a TSM dos oceanos tropicais. Revista Brasileira de Meteorologia, v. 29, n.2, p. 197-208, 2014. Disponível em: <hhttp://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-77862014000200005&lng=en&nrm=iso> Acesso em; 19 abr. 2018.
Abstract: The aim of this study was to identify trends in extreme precipitation indices on the Paraíba State, and to correlate them with the Sea Surface Temperature (SST) anomalies in the Atlantic and Pacific Oceans. The daily precipitation data for the period 1935-2004, were from 23 rain gauges belonging to Instituto Nacional de Meteorologia (INMET). To calculate the extreme rainfall indexes the RClimdex software was used. Then, the statistical least squares method and the non-parametric Mann-Kendall test were applied to identify trends and their statistical significance. The correlation between the extreme precipitation indices and the SST were then calculated. It was found a higher number of sites with positive trends in the period 1935 to 1969, and the highest correlations were with the Atlantic. The Sertão and Agreste Mesoregions of Paraiba state were well related to SST anomalies in the Atlantic, Pacific and Atlantic Multidecadal Oscillation (AMO), Borborema with the AMO and the Atlantic and the Litoral with Atlantic
Portuguese Abstract: O objetivo desse estudo foi identificar tendências de índices extremos de precipitação sobre a Paraíba, e correlacioná-los com as anomalias de Temperatura da Superfície do Mar (TSM) dos Oceanos Atlântico e Pacífico. Os dados de precipitação diária, no período de 1935 a 2004, foram oriundos de 23 postos pluviométricos pertencentes ao Instituto Nacional de Meteorologia (INMET). Utilizou-se o programa RClimdex para calcular os índices extremos de precipitação, e aplicou-se o método dos mínimos quadrados e o teste não paramétrico de Mann-Kendall para identificar as tendências e suas respectivas significâncias estatísticas. Em seguida, foram calculadas as correlações entre os índices extremos de precipitação e a TSM. Foi encontrado maior número de localidades com tendências positivas no período de 1935 e 1969, e as maiores correlações foram com o Atlântico. As Mesorregiões do Sertão e Agreste do estado da Paraíba tiveram relação com as anomalias de TSM do Atlântico, Pacifico e Oscilação Multidecadal do Atlântico (OMA), a Borborema com as do Atlântico e OMA e, o Litoral com o Atlântico.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25617
Appears in Collections:CCET - DCAC - Artigo publicado em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Eventos extremos_2014.pdf435,4 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.