Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25891
Title: Em busca de uma ambiência histórica: transformações na forma urbana e percepção da historicidade do sítio histórico de Natal-RN
Authors: Viegas, Cíntia Camila Liberalino
Keywords: Percepção ambiental;Historicidade;Forma urbana;Sítio histórico de Natal;Ambiência
Issue Date: 22-May-2018
Citation: VIEGAS, Cíntia Camila Liberalino. Em busca de uma ambiência histórica: transformações na forma urbana e percepção da historicidade do sítio histórico de Natal-RN. 2018. 305f. Tese (Doutorado em Arquitetura e Urbanismo) - Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Portuguese Abstract: O núcleo inicial da Cidade do Natal, classificado atualmente como Sítio Histórico Urbano pelo IPHAN, pouco modificou sua configuração espacial durante boa parte de sua história, começando a passar por modificações mais evidentes somente a partir do final do século XIX e se estendendo até a primeira metade do século seguinte, no contexto do processo de modernização urbana que se verificou em muitas cidades brasileiras. Essas modificações, no entanto, não foram capazes de alterar a forte carga historicista presente e inerente ao referido núcleo, diferentemente das alterações posteriores, ainda em curso, que parecem progressivamente interferir na percepção da historicidade do lugar. Diante desta problemática, na presente tese se questiona de que maneira as mudanças espaciais no Sítio Histórico de Natal (SHN) a partir da segunda metade do século XX afetam a historicidade que se faz presente na ambiência local, de acordo com a percepção de quem conhece o lugar? Considera-se a hipótese de que a ambiência do Sítio Histórico de Natal está se distanciando de sua qualidade histórica, na medida em que suas características físicas, sociais, econômicas e culturais foram alteradas de maneira mais intensa nas últimas décadas. Toma-se, portanto, as transformações na forma urbana e a percepção da historicidade do SHN como objeto de estudo, com o objetivo geral de compreender a historicidade do SHN na ótica de quem conhece o lugar. A pesquisa se desenvolve em torno de duas linhas teórico-metodológicas – a morfologia urbana e a percepção do ambiente – ambas em uma perspectiva histórica, e contempla os seguintes procedimentos: análise bibliográfica, documental e fotográfica; análise morfológica e estilística (auxiliada por inventário); questionários online acompanhados de fotografias e percursos sensíveis pelo SHN registrados em diário de campo da pesquisadora. Os resultados confirmam as muitas transformações na forma urbana do SHN e o reconhecimento delas pelos participantes da pesquisa, acompanhado de lamentações e insatisfações com o poder público, apontado como responsável pelo problema. Como consequência destas transformações, as opiniões dos participantes da pesquisa indicam que a historicidade local vem sendo prejudicada, apesar de ainda se sentirem envolvidos em uma ambiência histórica gerada por mínimos detalhes das fachadas das edificações e dos monumentos encontrados nos espaços públicos, que em alguns casos, confundem e transmitem de maneira equivocada o legado cultural local. As sensibilidades negativas se apresentaram sempre em contraste com as positivas e as materialidades da forma urbana se sobressaem em relação aos aspectos imateriais, circunstâncias que demonstram a necessidade de investimentos em uma efetiva Conservação Integrada do patrimônio cultural natalense.
Abstract: The initial urban nucleus of the City of Natal, classified as Urban Historic Site by IPHAN (National Institute of Historical and Artistic Heritage), changed little its spatial configuration during most of its history, but started to undergo more significant changes since the end of the 19th century, extending into the first half of the following century, in the context of the urban modernization process that occurred in many Brazilian cities. These modifications, however, were not able to alter the strong historicist atmosphere which is both present and inherent in this nucleus, unlike subsequent modifications, still ongoing, that seem to be increasingly interfering in the perception of the historicity of the place. Having this issue as a starting point, this thesis raises the question of how the spatial changes in the Historical Site of Natal (SHN) that took place from the second half of the 20th century onwards have affected the historicity that is still part of the local ambience, as perceived by those who know the place? The hypothesis put forward is that the ambience of the Historical Site of Natal is distancing itself from its historical quality, as its physical, social, economic and cultural features have been altered more intensively over the last decades. The thesis object matter is, therefore, the urban form transformations and the SHN historicity perception; its general objective is to understand the SHN historicity from the standpoint of those who know the place. The research follows two theoretical and methodological paths – urban morphology and environmental perception – both of them within a historical approach. It also considers the following procedures: bibliographical and photographic analysis and the analysis of documents; morphological and architectural styles analysis (with the support of an inventory); online questionnaires containing photographs and sensitive walking itineraries taken in the SHN and noted down by the researcher in a field diary. The results confirm the many transformations of the SHN urban form and their perception by those who took part in the survey, who regret and display dissatisfaction with the local government, seen as responsible for the problem. As a consequence of such transformations, the research participants opinions indicate that the local historicity has been threatened, even if they still feel involved in a historical ambience produced by minimal details visible on the buildings facades and on the monuments found in the public space which in some cases confuse and transmit the local cultural heritage improperly. The negative feelings are always presented in contrast with the positive ones and the materiality of the urban form is perceived better than the immaterial aspects. Such elements show the need for investment towards an effective Integrated Conservation policy for the cultural heritage of Natal.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25891
Appears in Collections:PPGAU - Doutorado em Arquitetura e Urbanismo

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
BuscaAmbienciaHistórica_Viegas_2018.pdf22,92 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.