Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25892
Title: Osseus: método baseado em inteligência artificial e ondas eletromagnéticas para o diagnóstico auxiliar de doenças osteometabólicas
Authors: Cruz, Agnaldo Souza
Keywords: Osseus;Osteoporose;Fraturas;Diagnóstico;Densidade mineral óssea;Biomédica;Computação;Elétrica;Software
Issue Date: 9-Apr-2018
Citation: CRUZ, Agnaldo Souza. Osseus: método baseado em inteligência artificial e ondas eletromagnéticas para o diagnóstico auxiliar de doenças osteometabólicas. 2018. 121f. Tese (Doutorado em Engenharia Elétrica e de Computação) - Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Portuguese Abstract: Chamada comumente de doença silenciosa, a osteoporose é uma doença osteometabólica sistêmica, caracterizada por baixa densidade mineral óssea (DMO), comprometendo a microarquitetura e a resistência óssea, expondo a pessoa ao risco de fraturas e consequente comprometimento da qualidade de vida, afetando sua mobilidade, independência; podendo ainda ocorrer, após a fratura, dores crônicas, deformidade, depressão ou morte por complicações médicas. No Brasil, estima-se que em um período de 20 anos houve aumento de 50% no número da população brasileira propensa a desenvolver osteoporose, as projeções para 2050 são de que o número de fraturas de quadril para homens e mulheres com idade entre 50 e 64 anos na América Latina vai aumentar em 400%, já para os grupos etários acima de 65 anos, será de 700% de aumento. Em um período de três anos foram realizados 3.252.756 procedimentos relacionados ao tratamento da osteoporose em idosos no Brasil que geraram um gasto de R$ 288.986.336,15. O diagnóstico e o tratamento precoce desta doença são fundamentais para implantação de medidas preventivas, evitando a ocorrência de fraturas. Este é um grande desafio para um país de proporções como o Brasil (5.564 municípios), com grande diversidade socioeconômica e de tamanho tanto em população quanto em área. Os equipamentos de diagnóstico para osteoporose possuem custo elevado, tornando-se inviável a presença destes em todos os municípios da federação. Nesta tese é apresentada uma ferramenta para diagnóstico inicial de doenças osteometabólicas - o Osseus. Este instrumento é uma combinação de aplicação de técnicas e conceitos de diversas áreas como: engenharia de software, elétrica, eletrônica, computação e biomédica, desenvolvida com baixo custo, fácil acessibilidade à população e não invasivo. Devido a estas características, os exames iniciais para doenças osteometabólicas poderão ser realizados em qualquer um dos 5.564 municípios do Brasil com periodicidade anual conforme parâmetros estabelecidos pela Portaria número 1.10/GM, do Ministério da Saúde.
Abstract: Known as a silent disease, osteoporosis is a systemic metabolic bone disorder characterized by low bone mineral density (BMD), compromising the microarchitecture and bone resistance, exposing the individual to fractures risk and consequent impairment of life quality, affecting their mobility, independence; after the fracture it can cause chronic pain, deformity, depression or death due to medical complications. In Brazil, it is estimated that in a 20-year period there was a 50% increase in the number of people with a higher probability of developing osteoporosis,the projections for 2050 estimate that the number of hip fractures for men and women aged around 50 to 64 years old will increase by 400%, moreover, the increase for the age groups over 65 years will have 700% increase. In a three-year period, 3,252,756 procedures were performed related to the osteoporosis treatment in the Brazilian elderly population, which generated an expense of R$ 288,986,336.15. The diagnosis and the early treatment of this disease are fundamental for the execution of preventive measures, avoiding the occurrence of fractures. This is a great challenge for a country of continental proportions such as Brazil (5,564 municipalities), with a considerable socioeconomic diversity and amplitude in both population and area. Diagnostic equipment for osteoporosis has a high cost, making them unfeasible in all municipalities of the federation. This thesis presents a tool for the initial diagnosis of osteometabolic diseases - Osseus. This instrument is a combination of the techniques and concepts from several areas such as: biomedical engineering, software engineering, electrical engineering, electronics engineering, computer engineering. Due to these characteristics, the initial osteoporosis examinations are able to be performed in any of the 5,564 municipalities of Brazil with annual periodicity according to the parameters established by the Decree number 1.10/GM, from the Ministry of Health.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25892
Appears in Collections:PPGEE - Doutorado em Engenharia Elétrica e de Computação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Osseusmétodobaseado_Cruz_2018.pdf8,78 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.