Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/26074
Title: Alternância entre futuro do pretérito e pretérito imperfeito do indicativo no domínio funcional da condição contrafactual em comentários no facebook
Authors: Brito, Nara Jaqueline Avelar
Keywords: Futuro do pretérito;Pretérito imperfeito;Condição contrafactual;Domínio funcional
Issue Date: 5-Jul-2018
Citation: BRITO, Nara Jaqueline Avelar. Alternância entre futuro do pretérito e pretérito imperfeito do indicativo no domínio funcional da condição contrafactual em comentários no facebook. 2018. 132f. Tese (Doutorado em Estudos da Linguagem) - Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Abstract: In this thesis we have addressed the functional area of the counterfactual condition linguistically codified trough the construction “if p, then q”, where the first part state the conditioning and the latter the conditioned. We aim to analyze the variation among the conditional and the pastimperfect tenses in the codification of the conditioned part, evaluating the influences of social (gender, age and education), structural (sentences order and prosthesis structure) and semantic pragmatic (subjective behavior, theme, and type of counterfactuality) factors on the use of those tenses. Our methodological and theoretical content is based on assumptions from variationist sociolinguistic and American functionalism. This methodological and theoretical interface is known in Brazil as ‘Sociofunctionalism’. This research sample is made of 346 conditionals structures of “if p, then q” obtained from digital source, what grants our assignment pioneering in the investigation of the counterfactual condition phenomena in the textual genre Facebook comments, in the scenario of communication through computer. The results, obtained by quantitative analyses, expose an influence of the linguistic marking on the selection of conditional and past-imperfect on the counterfactual conditioned in relation to semantic pragmatic factors. Most marked factors tend to conditional, the most marked form in relation to Facebook comments, while factors set as less marked favor past-imperfect, the less marked form in the approached context. Regarding social factors, the results related to age and gender indicate the possibility of an on-going change headed by women leading to an increase in the use of past-imperfect on Facebook comments. Over education, the results evidence that conditional is favored among writers with college degree and past-imperfect among writers with high and middle school degree. The structural groups factors were not relevant to the phenomena studied.
Portuguese Abstract: Nesta tese, abordamos o domínio funcional da condição contrafactual codificada linguisticamente através da construção “se p, então q”, em que a primeira oração indica a situação condicionante e a segunda oração a situação condicionada. Visamos analisar a alternância das formas verbais futuro do pretérito do indicativo (simples e composta) e pretérito imperfeito do indicativo (simples e composta) na codificação da situação referida na oração condicionada, avaliando influências exercidas por fatores sociais (sexo, idade e escolaridade), estruturais (ordem das orações e estruturação da prótase) e semântico-pragmáticos (postura subjetiva, tópico/assunto e tipo de contrafactualidade) sobre o uso dessas formas verbais. Nosso aparato teórico-metodológico se fundamenta em pressupostos da Sociolinguística variacionista e do Funcionalismo linguístico norte-americano. Essa interface teórico-metodológica pode ser denominada Sociofuncionalismo. A amostra de dados desta pesquisa é composta por 346 construções condicionais contrafactuais “se p, então q” extraídas do meio digital, o que confere ao nosso trabalho um pioneirismo na exploração do fenômeno da condição contrafactual em um gênero textual, o comentário no Facebook, no contexto da Comunicação Mediada por Computador. Os resultados, obtidos por meio de análise quantitativa, revelaram haver influência do princípio da marcação linguística sobre a seleção de FP e PI no condicionado contrafactual no que se refere aos fatores semântico-pragmáticos. Fatores definidos como mais marcados favorecem FP, a forma mais marcada no contexto dos comentários no Facebook, enquanto fatores definidos como menos marcados favorecem PI, a forma menos marcada no contexto em questão. Quanto aos fatores sociais, os resultados referentes aos fatores idade e sexo apontam para a possibilidade de mudança em progresso liderada por mulheres na direção do aumento de uso de PI em comentários no Facebook. No que diz respeito à escolaridade, os resultados mostram que FP é favorecido entre escreventes com ensino superior e PI entre escreventes com ensino fundamental e médio. Os grupos de fatores estruturais não foram significativos para o fenômeno variável investigado.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/26074
Appears in Collections:PPGEL - Doutorado em Estudos da Linguagem

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Alternânciaentrefuturo_Brito_2018.pdf1,12 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.