Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/26156
Title: Crioterapia combinada a Estimulação Elétrica Nervosa Transcutânea de baixa frequência (burst) em pacientes com dor lombar crônica não específica: ensaio clínico randomizado e cego
Authors: Caldas, Vinícius Vieira de Alencar
Keywords: Dor;Agentes de resfriamento e analgesia
Issue Date: 18-Jun-2018
Citation: CALDAS, Vinícius Vieira de Alencar. Crioterapia combinada a Estimulação Elétrica Nervosa Transcutânea de baixa frequência (burst) em pacientes com dor lombar crônica não específica: ensaio clínico randomizado e cego. 2018. 54f. Dissertação (Mestrado em Fisioterapia) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Abstract: Background: Chronic non-specific low back pain (CLBP) is defined by persistent pain that remains for more than 3 months and does not present anatomopathological or radiological changes. Among the non-pharmacological resources for the treatment of this condition we have the Cryotherapy and Transcutaneous Electric Nerve Stimulation (TENS) in Burst mode that have been used in clinical practice in isolated or combined form. Objective: To analyze the effects of the combined use of Cryotherapy and TENS Burst on the pain sensation, functional capacity and quality of life of patients with nonspecific CLBP. Methods: This is a clinical trial of 44 individuals of both gender, randomly distributed into four groups: control-placebo group (gCP), cryotherapy group (gCrio), TENS-Burst group (gTENSb) and cryotherapy + TENS Burst (gCrioTENSb). All subjects were submitted to the evaluation measures of: Functional capacity by the Roland-Morris (RM) questionnaire and the sit-to-tand test; Quality of life through SF-36 questionnaire; Pain through the Visual Analogue Scale (VAS) and pain threshold by pressure by the Algometer. Functional capacity and quality of life were assessed before and 48h after protocol. The pain was also assessed after the first, second and third week of the protocol. The intervention protocol was 40 minutes, with 30 minutes of intervention: TENS shaw, cryotherapy, TENS Burst, or combination of resources and 10 minutes of education on the disease for all groups. The data were analyzed through the statistical software SPSS 20.0, assigning the level of significance of 5%. Results: There was an improvement on VAS scores, pressure pain threshold, Roland-Morris and SF-36 questionnaires and sit-tostand test after the intervention protocol in all groups (p<0.05). However, there were no statistical differences between groups (p>0.05). Conclusion: This study showed that there wasn’t difference between cryotherapy and TENSBurst alone, combined or shaw in improving pain, functional capacity and some domains of quality of life in patients with non-specific DLC.
Portuguese Abstract: Introdução: A dor lombar crônica (DLC) não específica é definida por dor persistente que permanece por mais de 3 meses e muitas vezes não apresenta alterações estruturais. Dentre os recursos não farmacológicos para o tratamento dessa condição há a Crioterapia e a Estimulação Elétrica Nervosa Transcutânea (TENS) no modo Burst que têm sido utilizados na prática clínica na forma isolada ou combinada. Objetivo: Analisar os efeitos do uso combinado da Crioterapia e a TENS Burst na sensação dolorosa, capacidade funcional e qualidade de vida de pacientes com DLC não específica. Materiais e métodos: Trata-se de um ensaio clínico com 44 indivíduos de ambos os sexos, distribuídos aleatoriamente em quatro grupos: grupo controle-placebo (gCP), grupo Crioterapia (gCrio), grupo TENS-Burst (gTENSb) e Crioterapia + TENS Burst (gCrioTENSb). Todos os sujeitos foram submetidos às medidas de avaliação da: Capacidade funcional pelo questionário de Roland-Morris (RM) e o Teste de sentar e levantar; Qualidade de vida pelo questionário SF 36; Dor por meio da Escala Visual Analógica (EVA) e limiar de dor por pressão pelo Algômetro. A capacidade funcional e qualidade de vida foram avaliadas antes e 48h após o protocolo de intervenção. Já a dor foi avaliada também após a primeira, segunda e terceira semana do protocolo. O protocolo de intervenção foi de 40 minutos, sendo 30 minutos iniciais de intervenção: TENS placebo, Crioterapia, TENS Burst, ou a combinação dos recursos e 10 minutos de educação sobre a doença para todos os grupos. Os dados foram analisados através do software estatístico SPSS 20.0 atribuindo-se o nível de significância de 5%. Resultados: Houve melhora dos escores da EVA e limiar de dor a pressão, questionários de RM e SF-36 e teste de sentar e levantar após o protocolo de intervenção em todos os grupos (p<0,05). No entanto, sem diferença estatística entre os grupos (p>0,05). Conclusão: Este estudo mostrou que não houve diferença entre a crioterapia e TENS-Burst de forma isolada, combinada ou placebo na melhora da dor, capacidade funcional e de alguns domínios da qualidade de vida em pacientes com DLC não específica.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/26156
Appears in Collections:PPGFS - Mestrado em Fisioterapia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Crioterapiacombinadaestimulação_Caldas_2018.pdf868,95 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.