Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/26169
Title: O corpo na festa junina: reflexões simbólicas e estéticas para a Educação Física
Authors: Sousa, Nadiel Cavalcante de
Keywords: Festa Junina;Símbolos;Educação Física
Issue Date: 6-Jul-2018
Citation: SOUSA, Nadiel Cavalcante de. O corpo na festa junina: reflexões simbólicas e estéticas para a Educação Física. 2018. 165f. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Portuguese Abstract: O mês de junho é um dos períodos mais esperados do ano, pelas pessoas que vivem no Nordeste brasileiro. O motivo para explicar toda essa euforia é a decorrência das festas juninas que, por sua vez, é considerado o evento mais importante do ano, mesmo quando comparado ao ciclo natalino. Apesar disso, muitas pessoas que vivem esse tipo de festividade não sabem ao certo quem seja o santo São João, muitos dos outros fenômenos que circundam esse evento, como os símbolos e a estética podem revelar significados e sentidos surpreendentes. Desse modo, esta pesquisa procurou discutir alguns significados dos elementos simbólicos e estéticos presentes na festa junina, investindo na imersão em uma experiência corpórea, recorrendo ao método da fenomenologia de Merleau-Ponty. Para tecer esses significados, foi construída uma rede de significações por meio de entrevistas, fotos, vídeos, e os próprios sentidos simbólicos e estéticos atribuídos a esses elementos. Assim, em primeiro momento, investiu-se em construir alguns conceitos sobre as festas desvelando suas relações com o tempo, com o sagrado e profano. Ainda, realizou-se um percurso histórico das festas juninas no intuito de evidenciar o surgimento de alguns elementos simbólicos durante o tempo investigado. Na segunda parte, por meio de uma experiência corpórea nos festejos de Santa Cruz – PB, em 2016, foram elencados alguns símbolos presentes na festa de São João, assim como os seus significados. Visto a grandeza dos festejos juninos e o grande número de elementos simbólicos e estéticos presentes na festa, no ano posterior, em 2017, buscou-se vivenciar outras situações que revelassem outros símbolos. Essa ocasião oportunizou vivenciar a dança que mais simboliza esse tipo de festa, a quadrilha junina. A experiência corporal com a quadrilha CIA Junina Luar revelou outros significados simbólicos e estéticos que estão imbricados nesse tipo de dança. Na última parte da pesquisa, foi abordado o corpo enquanto esfera sensível, quesito que foi adquirido nas experiências dos festejos e na quadrilha junina. Essa sessão propiciou retomar sobre algumas questões que já tínhamos explanado em sessões anteriores, fazendo aproximações com a Educação Física. De modo geral, discorreu-se sobre o corpo festivo como meio de socialização e transmissão de cultura. Até então, foi identificado alguns dos elementos simbólicos e estéticos das festas de São João, aqui atribuindo seus significados, os quais possuem estreitas relações com a existência do homem, com o sagrado e o profano, com a vida no campo e na cidade, e com o corpo, visando proporcionar algumas discussões e contribuições para o campo da Educação Física. Conclui-se que as experiências corpóreas vividas com os elementos simbólicos e estéticos nos festejos juninos podem imprimir em nosso corpo traços históricos, sociais e culturais, edificando um emaranhado de saberes por meio de uma educação sensível.
Abstract: The month of June is one of the most anticipated periods of the year, by people living in the Brazilian Northeast. The reason for explaining all this euphoria is the result of the June festivals, which in turn is considered the most important event of the year, even when compared to the Christmas cycle. Nevertheless, many people who live this kind of festivity does not know for sure who Saint John is, many of the other phenomena that surround this event, how symbols and aesthetics can reveal amazing meanings and senses. Thus, this research sought to discuss some meanings of the symbolic and aesthetic elements present in the June Festival, investing in immersion in a corporeal experience, using Merleau-Ponty's method of phenomenology. To weave these meanings, a network of meanings was built through interviews, photos, videos, and the own symbolic and aesthetic senses attributed to these elements. Thus, in the first moment, it was invested in constructing some concepts on the parties revealing their relations with the time, with the sacred and profane. Still, a historical course was realized of June parties in intention to evidence the appearance of some symbolic elements during the time investigated. In the second part, by means of a corporeal experience in the festivities of Santa Cruz – PB, in 2016, some symbols present in the feast of Saint John were listed, as well as their meanings. Given the greatness of the June celebrations and the great number of symbolic and aesthetic elements present at the party in the following year in 2017, it was sought to experience other situations that revealed other symbols. This occasion gave opportunity to experience the dance that most symbolizes this type of party, the square dance. The corporal experience with the CIA Junina Luar square dance revealed other symbolic and aesthetic meanings that are imbricated in this type of dance. In the last part of the research, the body was approached as a sensitive sphere, something that was acquired in the experiences of the festivities and in the square dance. This session allowed us to return to some issues that we had already explained in previous sessions, making approximations with Physical Education. In general, the festive body was described as a mean of socialization and transmission of culture. Until then, some of the symbolic and aesthetic elements of the feasts of St. John have been identified, here attributing their meanings, which have close relations with the existence of man, with the sacred and the profane, with life in the countryside and in the city, and with the body, aiming to provide some discussions and contributions to the field of Physical Education. It is concluded that the corporeal experiences lived with the symbolic and aesthetic elements in the June celebrations can imprint in our body historical, social and cultural traces, building a tangle of knowledge through a sensible education.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/26169
Appears in Collections:PPGEF - Mestrado em Educação Física

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Corpofestajunina_Sousa_2018.pdf3,99 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.