Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/26182
Title: Vinculando conteúdo dos questionários de qualidade de vida para crianças com doença pulmonar obstrutiva crônica com a Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde
Authors: Gomes, Danielle Cristina
Keywords: Doença pulmonar obstrutiva crônica em crianças;Criança;Qualidade de vida;Classificação Internacional de Funcionalidade;Incapacidade à saúde
Issue Date: 3-Aug-2018
Citation: GOMES, Danielle Cristina. Vinculando conteúdo dos questionários de qualidade de vida para crianças com doença pulmonar obstrutiva crônica com a Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde. 2018. 88f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Abstract: Purpose: To identify the principal health-related quality of life (HRQoL) questionnaires specific for Chronic Obstructive Pulmonary Disease in children, translated and validated for Brazilian children; and to examine how the reflected content in these tools are represented in the categories that compose the International Classification of Functioning, Disability and Health (ICF). Methods: This is a methodological study developed in two stages. The first stage comprehended a literature review for identification and selection of the questionnaires and the second consisted of linking the contents to ICF. For such purpose was followed the widely used Cieza and colleagues methodology, with the identification of meaningful concepts of questionnaires items and linking to correspondent categories on ICF, by two independent reviewers. Results: In the cystic fibrosis questionnaire (Cystic Fibrosis Questionnaire - CFQparents6-13 and CFQ6-11; and versions of DISABKIDS ® - Cystic Fibrosis), 130 significant concepts were identified from 112 questions. Forty-seven different categories of ICF were linked to the concepts, most of which were 21 (44.7%) related to the "body function" component, 20 (42.6%) "activity and participation" and 6 (12.8% ) to "environmental factors". Thirteen concepts (10%) could not be linked because they represent personal factors (fp) or are not covered (nc) by the ICF. In the asthma questionnaires (Pediatric Asthma Quality of Life - Pediatric Quality of Life Asthma Module - PedsQLAsthma), from 77, we identified 114 significant concepts. Thirty-five different categories of ICF were linked to the concepts, most of them 16 (45.7%) related to the "body function" domain, 13 (37.1%) "activity and participation" and 6 (17.1% ) to "environmental factors". Two concepts (1.7%) could not be linked because they represent personal factors (fp) or are not covered (nc) by the ICF. Conclusion: Four instruments were identified and analyzed (Pediatric Asthma Quality of Life (PAQLQ; Pediatric Quality of Life Asthma Module - PedsQL-Asthma; CysticFibrosisQuestionnaire-Revised - CFQ-R and DISABKIDS ® - Cystic Fibrosis Module - DISABKIDS ® - CFM). In the CFQ and DISABKIDS versions, the linked categories represented predominantly body functions, except for CFQ6-11, where the activity and participation component was the most depicted. Environment factors were poorly described, and there were no categories related to body structures in any of the instruments. PedsQL-Asthma allowed a greater comprehensiveness of the components of the ICF, addressing three of the six components that compose it, however, its content presented a greater focus on the body's function component and did not address important categories of "activity and participation" and "environmental factors" linked to quality of life. PAQLQ, in addition to presenting most of its content linked to the body's function component, did not cover categories of environmental factors, making it impossible to identify the impact of this component on the HRQOL of children with asthma.
Portuguese Abstract: Objetivos: Identificar os principais questionários de qualidade de vida relacionada à saúde QVRS específicos para Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica em Crianças traduzidos e validados para crianças brasileiras; e examinar como os conteúdos refletidos por esses instrumentos são representados nas categorias que compõem a Classificação Internacional de Funcionalidade Incapacidade e Saúde (CIF). Métodos: Trata-se de um estudo desenvolvido em duas etapas. A primeira compreendeu uma revisão da literatura para identificação e seleção dos questionários e a segunda consistiu na vinculação dos conteúdos abordados pelos questionários à CIF. Para tal seguiu-se a metodologia amplamente utilizada de Cieza e Colaboradores, com identificação dos conteúdos significantes dos itens dos questionários e categorias correspondentes na CIF, por dois revisores independentes. Os dados foram posteriormente apresentados em frequências absolutas e relativas. A concordância interexaminadores foi verificada por meio do coeficiente de Kappa. Resultados: Nos questionários de Fibrose cística (Cystic Fibrosis Questionnaire - QFCpais6-13; QFC6-11; e versões do DISABKIDS ® - Cystic Fibrosis) foram identificados 130 conceitos significativos a partir de 112 perguntas. Quarenta e sete categorias distintas da CIF estavam ligadas aos conceitos, a maior parte 21 (44,7%) relacionadas ao componente “função do corpo”, 20 (42,6%) “atividade e participação” e 6 (12,8%) aos “fatores ambientais”. Treze conceitos (10%) não puderam ser vinculados por representarem fatores pessoais (fp) ou não serem cobertos (nc) pela CIF. Nos questionários de asma (Pediatric Asthma Quality of Life – PAQLQ; e Pediatric Quality of Life Asthma Module - PedsQL-Asthma), a partir das 77, foram identificados 114 conceitos significativos. Trinta e cinco categorias distintas da CIF estavam ligadas aos conceitos, a maior parte 16 (45,7%) relacionadas ao domínio “função do corpo”, 13 (37,1%) “atividade e participação” e 6 (17,1%) aos “fatores ambientais”. Dois conceitos (1,7%) não puderam ser vinculados por representarem fatores pessoais (fp) ou não serem cobertos (nc) pela CIF. Conclusão: Quatro instrumentos foram identificados e analisados (Pediatric Asthma Quality of Life – PAQLQ; Pediatric Qualityof Life Asthma Module - PedsQL-Asthma; CysticFibrosisQuestionnaire-Revised - QFC-R e o DISABKIDS ® - CysticFibrosis Module - DISABKIDS® - CFM). Nas versões do QFC e DISABKIDS, as categorias vinculadas representaram predominantemente as funções do corpo, com exceção da versão QFC6-11, onde o componente atividade e participação foi o mais retratado. Os fatores do ambiente foram pouco descritos, e não houve categorias relacionadas às estruturas do corpo em nenhum dos instrumentos. O PedsQL-Asma permitiu uma maior abrangência dos componentes da CIF, abordando três dos seis componentes que a compõe, no entanto, o seu conteúdo apresentou um enfoque maior no componente de função do corpo e não abordou categorias importantes de “atividade e participação” e “fatores do ambiente” ligadas à qualidade de vida. O PAQLQ, além de apresentar a maior parte de seu conteúdo ligado ao componente de função do corpo, não cobriu categorias dos fatores ambientais, inviabilizando na sua avaliação identificar o impacto desse componente na QVRS de crianças com asma.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/26182
Appears in Collections:FACISA - Mestrado em Ciências da Reabilitação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
VinculandoConteúdeQuestionários_Gomes_2018.pdf2,95 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.