Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/26370
Title: Do monolito aos microsserviços: um relato de migração de sistemas legados da Secretaria de Estado da Tributação do Rio Grande do Norte
Authors: Justino, Yan de Lima
Keywords: SOA;Reengenharia de software;DevOps;Reuso de Software;Evolução e manutenção de software;Arquitetura de software
Issue Date: 7-Aug-2018
Citation: JUSTINO, Yan de Lima. Do monolito aos microsserviços: um relato de migração de sistemas legados da Secretaria de Estado da Tributação do Rio Grande do Norte. 2018. 87f. Dissertação (Mestrado Profissional em Engenharia de Software) - Instituto Metrópole Digital, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Abstract: Service-orientation provides a design paradigm based on a set of strategic goals towards the alignment between information technology and business, promoting efficiency, agility and productivity. In this context, the reengineering of legacy systems to a service-oriented architecture (SOA) can be justified to solve problems such as the demand for interoperability and the need to provide a robust high-availability service interface. However, the deployment of SOA into an enterprise environment is challenging task, as it may involve the use of different techniques, such as the modernization of systems with high technical debt and high maintenance costs. To this end, a process is required that provides an appropriate set of techniques that minimize risks and at the same time ensure the quality of the systems during the migration process. In this sense, this work presents the application of a process for the reengineering legacy systems to support the implementation of an SOA project. This process has been identified during a real software reengineering project for evolution of legacy systems of a Secretariat of State for Taxation. The SPReaD (SOA Process for Reengineering and DevOps) is an instantiation of the mainstream SOA methodology focusing on the reengineering of legacy systems integrating DevOps aspects for targeting SOA. The use of SPReaD have presented significant results regarding the achievement of important quality goals. The use of SPReaD has presented significant results in relation to achieving important quality goals such as the standardization of service contracts for interoperability purposes; technical debt management, for better maintainability and portability of components; scalability and performance improvement to support a large load of requests.
Portuguese Abstract: A Orientação a Serviço fornece um paradigma de projeto baseado em um conjunto de metas estratégicas para o alinhamento entre tecnologia da informação (TI) e negócios, promovendo eficiência, agilidade e produtividade. Nesse contexto, a reengenharia de sistemas legados para uma arquitetura orientada a serviços (SOA) pode ser justificada para resolver problemas como a demanda por interoperabilidade e a necessidade de fornecer uma interface robusta de serviço de alta disponibilidade. No entanto, a implantação de SOA em um ambiente corporativo é uma tarefa desafiadora, pois pode envolver o uso de diferentes técnicas, como a modernização de sistemas com alto endividamento técnico e altos custos de manutenção. Para isso, é necessário um processo que forneça um conjunto apropriado de técnicas que minimizem os riscos e, ao mesmo tempo, garantam a qualidade dos sistemas durante o processo de migração. Neste sentido, este trabalho apresenta a aplicação de um processo de reengenharia de sistemas legados para suportar a implementação de um projeto SOA. O SPReaD (Service-oriented process for Reengineering and Devops) é uma instanciação da Mainstream SOA Methodology, com foco na reengenharia de sistemas legados, integrando os aspectos de DevOps para o direcionamento de SOA. Esse processo foi criado durante um projeto real de reengenharia de software para evolução de sistemas legados de uma Secretaria de Estado de Tributação. O uso do SPReaD tem apresentado resultados significativos em relação à conquista de importantes metas de qualidade como a padronização de contratos de serviços para efeitos de interoperabilidade; a gestão da dívida técnica, tendo em vista uma melhor manutenibilidade e portabilidade de componentes; uma maior escalabilidade e melhora no desempenho como um todo para suportar uma grande carga de requisições.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/26370
Appears in Collections:MPES - Mestrado Profissional em Engenharia de Software

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
YanDeLimaJustino_DISSERT.pdf8,32 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.