Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/26822
Title: Avaliação da prevalência, fatores de virulência e susceptibilidade antifúngica de Candida spp. oriundas de fezes de pombos (Columbia livia)
Authors: Pinto, Luciana Magalhães
Keywords: Candida spp.;Fatores de virulência;Resistência antifúngica;Fezes de pombos;Columbia livia
Issue Date: 20-Dec-2018
Citation: PINTO, Luciana Magalhães. Avaliação da prevalência, fatores de virulência e susceptibilidade antifúngica de Candida spp. oriundas de fezes de pombos (Columbia livia). 2018. 60f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Portuguese Abstract: Embora seja amplamente conhecido que Cryptococcus spp. podem transmitir criptococose através de aerossol formado quando fezes secas (principalmente de pombos) são dispersadas e aerotransportadas, pouco se sabe sobre o papel dessas aves em abrigar outras leveduras patogênicas em seu trato gastrointestinal, penas e bicos, especificamente porque esses animais frequentemente permanecem e reproduzem-se próximas ou mesmo acima de unidades de condicionadores de ar. Avaliou-se a prevalência de leveduras patogênicas isoladas de fezes de pombos coletadas na área externa de um hospital universitário no Brasil. Nosso objetivo foi também investigar o potencial patogênico e a susceptibilidade antifúngica de espécies de Candida de interesse médico isoladas dessas amostras. Portanto, foi realizada a avaliação da expressão de atributos de fatores de virulência in vitro, incluindo a capacidade de aderir às células epiteliais bucais humanas e a formação de biofilme e produzir enzimas líticas, como fosfolipases, proteinases e hemolisinas. Testes de sensibilidade antifúngica frente a fluconazol, itraconazol, anfotericina e micafungina também foram realizados. O gênero Candida foi o mais prevalente em nosso estudo, com várias espécies clinicamente importantes sendo isoladas. Vale ressaltar que essas cepas foram capazes de expressar vários fatores de virulência, mostrando claramente seu potencial patogênico. Esse estudo foi capaz de demonstrar que Candida spp. isoladas de excrementos de pombos podem expressar fatores de virulência da mesma forma de isolados clínicos, sugerindo um potencial patogênico para estas leveduras. O fato de essas cepas terem sido coletadas da área externa de um hospital terciário apresenta potencial interesse, porque elas podem ser uma fonte de infecção, especificamente para hospedeiros imunocomprometidos.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/26822
Appears in Collections:PPGCSA - Mestrado em Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Avaliaçãoprevalênciafatores_Pinto_2018.pdf592.68 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.