Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/27074
Title: Teresa Vergani: nomadismo, insubordinação, complexidade
Authors: Souza, Louize Gabriela Silva de
Keywords: Teresa Vergani;Itinerário formativo;Nomadismo;Complexidade;Educação
Issue Date: 13-Feb-2019
Citation: SOUZA, Louize Gabriela Silva de. Teresa Vergani: nomadismo, insubordinação, complexidade. 2019. 197f. Tese (Doutorado em Educação) - Centro de Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2019.
Portuguese Abstract: A tese oferece reflexões sobre a dialogia vida e conhecimento a partir da obra elaborada pela matemática, artista plástica e escritora portuguesa Teresa Vergani. O percurso intelectual, a produção acadêmica e artística da pensadora reiteram a afirmação de Edgar Morin acerca da indissociabilidade entre vida e ideias. De natureza transdisciplinar, a obra de Teresa Vergani religa emoção e razão, particular e universal, natureza e cultura, ciência e tradição, história e mitologias. Trata-se de uma obra aberta aos diferentes domínios do saber. O objetivo da tese é compartilhar um itinerário formativo nômade e reafirmador da religação entre Ciência, Arte, Espiritualidade e Educação. Em Vergani coabitam o inacabamento, a incerteza, a ambivalência, o paradoxo. Sua aproximação com a matriz das ciências da complexidade se deve ao fato de que, já na década de 1980, era leitora de autores como Henri Atlan, Edgar Morin, Claude Lévi-Strauss, Ilya Prigogine, entre outros. As categorias de insubordinação e nomadismo se apresentam neste trabalho como operadores do pensamento capazes de iluminar as reflexões tecidas pela autora no que diz respeito ao seu modo de compreender o sujeito, a educação, a diversidade cultural, o mundo. Essas características subjazem às ideias e ações da autora e lhes permitem transgredir o estabelecido pelo paradigma da fragmentação, da certeza, da razão patológica. A tessitura das ideias apresentadas foi realizada com base no pensamento de autores como Edgar Morin, Maria da Conceição de Almeida, Norval Baitello Jr., Mia Couto, entre outros. A tese tem como referência maior os livros de Teresa Vergani; estabelece canais de comunicação com pensadores inscritos nas ciências da complexidade; expõe um caleidoscópio das experiências culturais as quais Vergani teve acesso ao longo de suas pesquisas; registra testemunhos de pesquisadores e amigos, construídos sob o signo da amizade e da admiração. Por fim, discute de forma ampliada os preceitos de uma educação de base complexa e transdisciplinar, movida pela ética e pela pulsão estética, pela atenção às estruturas diversas e universais das culturas e pelo respeito à resistência dos saberes plurais.
Abstract: The thesis presents some ideas on dialogism, life, and knowledge from the work of the mathematician, plastic artist and Portuguese writer Teresa Vergani. The intellectual course, academic and artistic production of Vergani reinforce Edgar Morin’s statement about the inseparability between life and ideas. Of transdisciplinary nature, Teresa Vergani reconnects emotion and reason, private and universal, nature and culture, science and tradition, history and mythologies. It is a masterpiece open to different fields of knowledge. The goal of this thesis is to share a nomadic formative itinerary that reinforces the reconnection of Science, Arts, Spirituality, and Education. In Vergani cohabit incompleteness, uncertainty, ambivalence, paradox. Her approach to the matrix of the complexity sciences is due to the fact that, as early as the 1980s, she was a reader of authors like Henri Atlan, Edgar Morin, Claude Lévi-Strauss, Ilya Prigogine, among others. The categories of insubordination and nomadism present themselves in this work as operators of thought capable of illuminating reflections conducted by the author regarding her way of comprehending the individual, education, cultural diversity, the world. The work has as a major reference the books of Teresa Vergani; creates a communication channel with thinkers registered in the Science of Complexity; exposes a kaleidoscope of cultural experiences that Vergani gained access to throughout her research; reports testimonies from Vergani’s friends and researchers built under friendship and admiration. Finally, it discusses broadly the precepts of a complex based and transdisciplinary education, driven by ethics, aesthetic, attention to the diverse and universal structures of cultures and respect for the resistance of plural knowledge.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/27074
Appears in Collections:PPGED - Doutorado em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TeresaVerganinomadismo_Souza_2019.pdf11.54 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.