Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/27280
Title: Quando a pele incendeia a memória
Authors: Almeida, Angela
Keywords: José Ezelino da Costa;Negros;Fotografia;Rio Grande do Norte
Issue Date: 10-Jul-2019
Citation: ALMEIDA, Angela. Quando a pele incendeia a memória: nasce um fotógrafo no sertão do século XIX. Natal: EDUFRN, 2019.
Portuguese Abstract: Este livro apresenta o trabalho do potiguar José Ezelino da Costa, pioneiro no registro da identidade social da cultura da região do Seridó. José Ezelino imortalizou imagens de parentes e amigos, além do cotidiano da sociedade da sua época. Foi um homem negro, brasileiro, nascido em 1889, no sertão do Rio Grande do Norte, no sítio Umbuzeiro, nos arredores de Caicó, uma cidade de sociedade predominantemente branca. Fotógrafo e músico, tocava instrumentos de sopro e tinha paixão pelo jazz e pela música sacra. Filho de uma ex-escrava, foi o primeiro fotógrafo negro do sertão do Seridó.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/27280
ISBN: 978-85-425-0912-0
Appears in Collections:EDUFRN - Ciências Humanas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Quando a pele incendeia memória.pdf97,77 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.