Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/30442
Title: Creep strains on reinforced concrete columns
Other Titles: Deformações por fluência em pilares de concreto armado
Authors: Madureira, Edmilson Lira
Siqueira, T. M
Rodrigues, E. C
Keywords: Reinforced concrete;Column;Creep;Simulation;Concreto armado;Pilar;Fluência;Simulação
Issue Date: 2013
Publisher: Revista IBRACON de Estruturas e Materiais
Citation: MADUREIRA, E. L.; SIQUEIRA, T. M.; RODRIGUES, E. C.. Creep strains on reinforced concrete columns. Revista IBRACON de Estruturas e Materiais, v. 6, p. 537-560, 2013. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1983-41952013000400003&lng=en&tlng=en. Acesso em: 06 out. 2020. http://dx.doi.org/10.1590/S1983-41952013000400003
Portuguese Abstract: A concrete element when kept under sustained load presents progressive strain over time, associated to the creep. In reinforced concrete columns, such deformations cause the stress increase in the steel bars of the reinforcement and may induce the material to undergo the yielding phenomenon. The pioneering formulations about the creep effect, developed on the base of creep coefficient, are applicable, especially, when the stress magnitude remains constant. Its application to reinforced concrete members, which exhibits change in stress magnitude, requires simplifications of which result the memory models, which have the disadvantage of requiring the storage of the stress history. To overcome the difficulties related to the excessive demand for computer memory, State models have been developed that dispense such robustness of storage. The subject of this work is the analysis of creep deformations in reinforced concrete columns on the base of a state model fixing its physical parameters from results obtained through the NBR 6118/07 formulation. The results showed that, in the elapse of the phenomenon, occurs stresses transfer from the concrete mass to the reinforcement steel bars which, in turn, have the effect of restrain the creep strains, confirming, in some cases, an imminent material yielding condition
Abstract: Um elemento de concreto quando mantido sob tensão apresenta deformação progressiva no decorrer do tempo, aditiva à deformação imediata ao carregamento. Em pilares de concreto armado, as deformações por fluência promovem o acréscimo de tensões nas barras de aço, podendo induzir o material a experimentar o escoamento. As formulações pioneiras do efeito de fluência, desenvolvidas com base no coeficiente de fluência, são aplicáveis, sobretudo, quando as tensões se mantêm constantes. Sua aplicação a elementos de concreto armado, que apresentam variações de tensões, requer simplificações das quais resultam os modelos de memória, que têm a desvantagem de exigir o armazenamento do histórico de tensões. Para suplantar as dificuldades ligadas à excessiva demanda de memória de computador, foram desenvolvidos os modelos de estado que dispensam tal robustez de armazenamento. O objetivo deste trabalho é a análise das deformações por fluência em pilares de concreto armado, realizada com base em um modelo de estado, com parâmetros fixados a partir da formulação da NBR 6118/07. Os resultados obtidos revelaram que, no decorrer do fenômeno, verifica-se a transferência de esforços do concreto para as barras da armadura de aço, que por sua vez exercem o efeito de contenção das deformações correlatas, confirmando-se, em alguns casos, o estabelecimento de uma condição de iminente escoamento do material
URI: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/30442
ISSN: 1983-4195
Appears in Collections:CT - DCIV - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CreepStrainsOnReinforced_Madureira_2013.pdf1.35 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons