Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/46945
Title: Arboviroses no ensino de ciências em região do semiárido potiguar: relações com os objetivos de desenvolvimento sustentável
Authors: Reis, Juliana Ribeiro dos
Advisor: Araújo, Magnólia Fernandes Florêncio de
Keywords: Ensino de Arboviroses;Sustentabilidade;Formação de professores
Issue Date: 22-Dec-2021
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: REIS, Juliana Ribeiro dos. Arboviroses no ensino de ciências em região do semiárido potiguar: relações com os objetivos de desenvolvimento sustentável. 2021. 87f. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática) - Centro de Ciências Exatas e da Terra, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2021.
Portuguese Abstract: Os mosquitos do gênero Aedes aegypti e Aedes albopictus são os protagonistas na difusão de arbovírus em todo o mundo. Dentre as arboviroses mais frequentes no Brasil, destacam-se Zika, Chikungunya, Febre Amarela e a mais notificada, Dengue. As campanhas desenvolvidas, principalmente por órgãos públicos, são focadas no controle do vetor, centralizando nas questões médicas e excluindo fatores políticos, sociais, econômicos e ambientais que favorecem o desencadeamento de surtos epidemiológicos. O ensino tem um papel fundamental na discussão dessas problemáticas dentro do ambiente escolar. A Educação para a Sustentabilidade possibilita que os discentes visualizem os problemas que rondam a sociedade a partir de uma abordagem holística. Com o intuito de contribuir com o ensino de arboviroses em aulas de ciências e biologia, esta pesquisa se propôs a saber como essa temática é trabalhada nas publicações da área de ensino de ciências. Também buscamos conhecer as abordagens, métodos avaliativos e objetos educacionais utilizados pelos docentes, para desenvolver a temática de arboviroses, em escolas públicas do município de Currais Novos, interior do Rio Grande do Norte. A metodologia da pesquisa é de natureza quali-quantitativa de caráter exploratório. Como resultados, observamos um ensino direcionado às questões médicas da doença e excluindo fatores socioambientais diretamente relacionados com a expansão dos surtos epidemiológicos. Além disso, percebemos uma necessidade de formação continuada dos docentes, tendo em vista o nível de conhecimento insatisfatório, sobretudo para arboviroses recentemente notificadas no Brasil – Zika e Chikungunya. Sugerimos a introdução da Educação para a Sustentabilidade, inserida nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, a fim de trabalhar as arboviroses de maneira mais ampla, contemplando aspectos sociais, econômicos e ambientais, para com isso, desenvolver uma educação crítica e cidadã.
Abstract: Mosquitoes of the genus Aedes aegypti and Aedes albopictus are the protagonists in the spread of arboviruses throughout the world. Among the most frequent arboviruses in Brazil, Zika, Chikungunya, Yellow Fever and the most reported, Dengue, stand out. The campaigns developed, mainly by public bodies, are focused on eradicating the vector, centering on medical issues and excluding political, social, economic and environmental factors that favor the triggering of epidemiological outbreaks. Teaching has a fundamental role in the discussion of these issues within the school environment. Education for Sustainability allows students to visualize the problems that surround society from a holistic approach. In order to contribute to the teaching of arboviruses in science and biology classes, this research aimed to raise how this theme is worked on in publications in the field of science education. We also surveyed the knowledge, approaches, evaluation methods and educational objects used by teachers to develop the theme of arboviruses in public schools in the city of Currais Novos, in the interior of Rio Grande do Norte. The research methodology is qualitative and exploratory in nature. As a result, we observed a teaching directed to the medical issues of the disease and excluding social and environmental factors directly related to the expansion of epidemiological outbreaks. Furthermore, we perceive a need for continuing education for teachers, given the unsatisfactory level of knowledge, especially for arboviruses recently reported in Brazil – Zika and Chikungunya. We suggest the introduction of Education for Sustainability, inserted in the Sustainable Development Goals, in order to work with arboviruses in a broader way, contemplating social, economic and environmental aspects, in order to develop critical and citizen education.
URI: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/46945
Appears in Collections:PPECM - Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática

Files in This Item:
File SizeFormat 
Arbovirosesensinociencias_Reis_2021.pdf1,1 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.