Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/1/11741
Título: Teoria do déficit de autocuidado análise da sua importância e aplicabilidade na prática de enfermagem
Título(s) alternativo(s): Self-care deficit theory: analysis of importance and applicability in the nursing practice
Teoría del déficit del cuidado propio: análisis de su importancia y aplicabilidad en la práctica de la enfermería
Autor(es): Vitor, Allyne Fortes
Lopes, Marcos Venícios de Oliveira
Araújo, Thelma Leite de
Palavras-chave: Enfermagem;Teoria de enfermagem;Autocuidado;Isquemia miocárdica
Data do documento: 2010
Citação: VICTOR, Allyne Fortes ; LOPES, Marcos Venícios de Oliveira ; ARAUJO, Thelma Leite de . Teoria do déficit de autocuidado: análise da sua importância e aplicabilidade na Prática enfermagem. Escola Anna Nery, Rio de Janeiro, v. 14, p. 611-616, jul./Set. , 2010. ISSN: 1414-8145.Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/ean/v14n3/v14n3a25>. Acesso em: 25 out. 2013.
Resumo: submeter a teoria do déficit de autocuidado de Orem a uma reflexão crítica. Metodologia: estudo teórico sobre os aspectos Importância e Aplicabilidade contidos no Modelo de Análise Crítica de Chinn e Kramer para análise crítica da teoria do déficit de autocuidado. Desenvolvido no período de outubro a dezembro de 2008. Resultados: o posicionamento da teoria do déficit de autocuidado está essencialmente relacionado à filosofia da enfermagem e demonstra potencial para influenciar ações de enfermagem, em especial relativas à educação para o autocuidado em pacientes portadores de cardiopatia isquêmica. Conclusões: a enfermagem, mediante a teoria do déficit de autocuidado, pode oferecer condições mais saudáveis e de maior autonomia ao indivíduo portador de cardiopatia isquêmica
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/1/11741
ISSN: 1414-8145
Aparece nas coleções:CCS - DENF - Artigos Publicados em Periódicos



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.