Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13027
Título: Aplicação de técnicas eletroquímicas na determinação do potencial de corrosividade de ligas de alumínio em água produzida
Autor(es): Cunha, Jardel Dantas da
Palavras-chave: Água produzida. Alumínio. Potencial de Pit (Ep). NR-13. Teste hidrostático. corrosão do alumínio;Water produced aluminum Potential Pit (Ep). NR-13. Hydrostatic testing. Aluminum corrosion
Data do documento: 30-Jul-2012
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Referência: CUNHA, Jardel Dantas da. Aplicação de técnicas eletroquímicas na determinação do potencial de corrosividade de ligas de alumínio em água produzida. 2012. 177 f. Tese (Doutorado em Pesquisa e Desenvolvimento em Ciência e Engenharia de Petróleo) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2012.
Abstract: The resistance of aluminum and their alloys, to the corrosion phenomenon, in aqueous solutions, is a result of the oxide layer formed. However, the corrosion process in the aluminum alloy is associated with the presence a second phase of particles or the presence of chloride ions which promote the disruption of the oxide layer located producing the corrosion process. On the other hand, the term water produced is used to describe the water after the separation of the oil and gas in API separators. The volumes of produced water arrive around 5 more times to the volume of oil produced. The greatest feature of the water is the presence of numerous pollutants. Due to the increased volume of waste around the world in the current decade, the outcome and the effect of the discharge of produced water on the environment has recently become an important issue of environmental concern where numerous treatments are aimed at reducing these contaminants before disposal. Then, this study aims to investigate the electrochemical corrosion behavior of aluminum alloy 6060 in presence of water produced and the influence of organic components as well as chloride ions, by using the electrochemical techniques of linear polarization. The modification of the passive layer and the likely breakpoints were observed by atomic force microscopy (AFM). In the pit formation potential around -0.4 to -0.8 V/EAg/AgCl was observed that the diffusion of chloride ions occurs via the layer formed with the probable formation of pits. Whereas, at temperatures above 65 °C, it was observed that the range of potential for thepit formation was -0.4 to -0.5 V/EAg/AgCl. In all reactions, the concentration of Al(OH)3 in the form of a gel was observed
Resumo: A resistencia do aluminio e suas ligas a corrosão em meio aquoso é resultado da camada de oxido formada. Entretanto, o processo corrosivo nas ligas de alumínio esta associado a presença de partículas de segunda fase ou a presença de ions cloreto que promovem a ruptura da camada de óxido produzindo o processo corrosivo localizado. Por outro lado, o termo água produzida é usado para descrever a água após a sua separação do óleo e gás nos separadores API. Os volumes de água produzida chegam em média de 5 vezes o volume do óleo produzido. A maior característica dessa água é a presença de inúmeros contaminantes. Devido ao aumento do volume dos resíduos em todo o mundo na década atual, o desfecho e do efeito da descarga de água produzida sobre o meio ambiente tem recentemente tornar-se uma questão importante de preocupação ambiental onde inúmeros tratamentos são destinados a redução destes contaminantes antes do descarte. Então, o presente estudo visa investigar o comportamento eletroquimico de corrosão da liga de aluminio 6060 em presença de água produzida e a influencia dos componentes organicos assim como dos ions cloreto, através do uso das tecnicas eletroquímicas de polarização linear. A modificação da camada passiva e os prováveis pontos de ruptura foram observados por microscopia de força atomica (AFM). No potencial de formação de pit de -0,4 a -0,8 V/EAg/AgCl observa-se que ocorre a difusão dos íons cloreto pela camada formada com provável formação de pites. Entretanto, em temperaturas superiores a 65ºC observou-se que a faixa de potencial de formação de pit foi de -0,4 a -0,5V/ EAg/AgCl. Em todas as reações observou-se o aumento na concentração de Al(OH)3 sob a forma de um gel
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/13027
Aparece nas coleções:PPGCEP - Doutorado em Ciência e Engenharia do Petróleo

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
JardelDC_TESE_Parcial.pdf1,7 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir    Solictar uma cópia
AplicacaoTécnicasEletroquímicas_Cunha_2012.pdf4,89 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir    Solictar uma cópia


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.