Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13238
Título: Avaliação do desempenho funcional de crianças com paralisia cerebral de acordo com níveis de comprometimento motor
Autor(es): Vasconcelos, Rosângela Lins de Menezes
Palavras-chave: Paralisia Cerebral;Atividades da Vida Diária;Transtornos motores;Cerebral Palsy;Daily Life activities;Motor disturbances
Data do documento: 29-Set-2009
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: VASCONCELOS, Rosângela Lins de Menezes. Avaliação do desempenho funcional de crianças com paralisia cerebral de acordo com níveis de comprometimento motor. 2009. 64 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2009.
Resumo: Contextualization: Several studies have examined the mobility of this group of children, however little is known about the impact of motor function in activities of daily living, considering the seriousness of their neuromotor damage. Objective: Identify the functional differences of children with Cerebral Palsy with different levels of motor dysfunction and correlate these differences with the areas of mobility, self-care and social function in functional ability and caregiver´s assistance of these children. Methods: An l analytical cross-section search was developed, which were part 70 children / families aged from 4 to 7.5 years, in the Rehabilitation Center for Children. As tools were used the Pediatric Evaluation Disability Inventory (PEDI) and the Gross Motor Function Classification System (GMFCS). Data analysis was performed by ANOVA and Pearson's correlation tests. Results: The results show the functional variability of children CP in different severity levels of motor disfunction This variation was observed in the areas of mobility, self-care and social function. The results also showed a strong correlation between the domains mobility and self-care, mobility and social function. Conclusions: The variability shown by the children with CP, suggests the use of PEDI and GMFCS as this association appears to increase the understanding of how the gross motor functions are related to activities of daily living, describing the best commitments and their degree of impact on functional activities. This correlation demonstrates how mobility is crucial to evaluate the performance and guide the therapeutic practice, to develop the children´s potencial, and guide the caregiver in stimulation
metadata.dc.description.resumo: Contextualização: Diversos estudos têm avaliado a função motora de crianças com Paralisia Cerebral (PC), entretanto pouco se sabe sobre as inter-relações entre comprometimentos da mobilidade, autocuidado e função social, relacionadas às habilidades funcionais da criança e à assistência do cuidador. Objetivo: identificar diferenças funcionais de crianças com PC, em diferentes níveis de disfunção motora, e correlacioná-las com os domínios mobilidade, autocuidado e função social, na habilidade funcional e assistência do cuidador. Método: Realizou-se uma pesquisa analítica de corte transversal, com 70 crianças/famílias, idade de 4 a 7,5 anos, atendidas no Centro de Reabilitação Infantil, por meio do Pediatric Evaluation Disability Inventory (PEDI) e do Gross Motor Function Classification System (GMFCS). A análise dos dados foi realizada através da ANOVA e teste de correlação de Pearson. Resultados: Os resultados indicaram importante variabilidade funcional das crianças com PC, em diferentes níveis de severidade da disfunção motora. Esta variação foi observada nos domínios mobilidade, auto-cuidado e função social. Os resultados apresentaram também forte correlação entre os domínios mobilidade e auto-cuidado e mobilidade e função social. Conclusão: Diante da variabilidade apresentada pelas crianças, percebe-se a necessidade de aplicação do PEDI e GMFCS, o que parece aumentar o entendimento sobre a relação entre funções motoras grossas e atividades da vida diária. Esta correlação demonstra o quanto a mobilidade é determinante para avaliar o desempenho funcional e orientar a prática terapêutica, no sentido de desenvolver as potencialidades das crianças, bem como orientar o cuidador na estimulação
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/13238
Aparece nas coleções:PPGCSA - Mestrado em Ciências da Saúde

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
RosangelaLMVpdf.pdf6,36 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.