Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13300
Título: Avaliação dos efeitos da reeducação postural global (rpg) em pacientes com espondilite anquilosante
Autor(es): Silva, Eliane Maria da
Palavras-chave: Espondilite anquilosante;fisioterapia;exercícios de alongamento;mobilidade espinhal;Ankylosing spondylitis;physical therapy;kinesiotherapy;postural reeducation
Data do documento: 20-Abr-2010
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: SILVA, Eliane Maria da. Avaliação dos efeitos da reeducação postural global (rpg) em pacientes com espondilite anquilosante. 2010. 75 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2010.
Resumo: The Ankylosing Spondylitis (AS) is a chronic inflammatory disease that primarily affects the axial skeleton, leading to limitation of spine mobility and functional disability. Physical therapy, especially exercise, is an important part in your treatment. The Global Postural Reeducation(GPR),a method that uses stretching based on evaluation of muscular chains, with significant interference in postural changes may be a complementary alternative for the treatment of this disease. The aim was to evaluate the effects of Global Postural Reeducation (GPR) in patients with Ankylosing Spondylitis (AS) and compare GPR with group conventional segmental self-stretching and breathing exercises. This is a controlled interventional study of 38 patients divided into 2 groups: a GPR group (n = 22) and a control group (n = 16). Both groups were treated over four months. With the GPR group patients, positions that stretched the shortened muscle chains were used. With the control group patients, conventional segmental self-stretching and breathing exercises were performed. The variables analyzed were: pain intensity, morning stiffness, spine mobility, chest expansion, functional capacity (Health Assessment Questionnaire - Spondyloarthropathies - HAQ-S), quality of life (Medical Outcome Study Short Form 36 Healthy Survey-SF-36), and disease activity (Bath Ankylosing Spondylitis Disease Activity Index - BASDAI). Statistical analysis was used with a significance level of p < 0.05. There was a statistically significant difference for all the parameters analyzed between pre and post-treatment in both groups. In the inter-group comparison the GPR group showed a statistically significant improvement in morning stiffness (p = 0.01), spine mobility parameters, except finger-floor distance (p = 0.11), in chest expansion (p = 0.02), and in the physical aspect component of the SF-36 (p = 0.00).Finally, we observed that this sample of patients with AS ,treatment with RPG 60 seems to have a better response in some clinical measures, than the conventional self stretching performed in groups. Further studies are needed to further evaluate this therapeutic alternative in the EA
metadata.dc.description.resumo: A Espondilite Anquilosante (EA) é uma doença inflamatória crônica que acomete principalmente o esqueleto axial, levando à limitação da mobilidade da coluna e incapacidade funcional. A fisioterapia, particularmente a cinesioterapia, é parte importante no seu tratamento. A Reeducação Postural Global (RPG), um método que utiliza alongamento baseado em avaliação de cadeias musculares, com interferência importante nas alterações posturais, poderá ser uma alternativa complementar no tratamento dessa doença. O objetivo deste estudo foi avaliar os efeitos da RPG individual em pacientes com EA e comparar com um programa de auto alongamento convencional e exercícios respiratórios, feitos em grupo. Trata-se de um estudo intervencional controlado, totalizando 38 pacientes com EA, divididos em dois grupos, tratados durante quatro meses: o grupo RPG (n=22) e o grupo controle (n=16). O grupo RPG realizou posturas de alongamento das cadeias musculares e o grupo controle realizou auto- alongamento convencional e exercícios respiratórios em grupo. As variáveis analisadas foram: intensidade da dor, duração da rigidez matinal, mobilidade da coluna, expansibilidade torácica, atividade da doença (Bath Ankylosing Spondylitis Disease Activity Índex-BASDAI), capacidade funcional (Health Assessment Questionnaire- Spondyloarthropathies-HAQ-S) e qualidade de vida (Medical Outcome Study Short Form 36 Healthy Survey-SF-36). Para a análise dos dados foi utilizada um nível de significância de p < 0.05. Os resultados mostraram que houve uma diferença estatisticamente significante, em todos os parâmetros analisados, em ambos os grupos entre o pré e pós- tratamento. xiv Em comparação ao grupo controle, o grupo RPG mostrou melhora estatisticamente significante na rigidez matinal (p=0.01), nos parâmetros da mobilidade da coluna (exceto distância dedo-chão (p=0.11)), na expansibilidade torácica (p=0.02) e no componente Aspecto Físico do SF-36 (p=0.00). Ao final, observamos que, nesta amostra de pacientes com EA, o tratamento com RPG parece ter uma resposta melhor em algumas medidas clínicas, do que o auto- alongamento convencional, realizado em grupo. Outros estudos são necessários para melhor avaliar esta alternativa terapêutica na EA
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/13300
Aparece nas coleções:PPGCSA - Mestrado em Ciências da Saúde

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ElianeMS_DISSERT.pdf1,28 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.