Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13560
Título: Associativismo nos municípios rurais: uma alternativa de desenvolvimento local em Portalegre/RN
Autor(es): Jales, Edilene Fernandes
Palavras-chave: Desenvolvimento;Ação coletiva;Associativismo;Mudança social;Development;Collective action;Associations;Social change
Data do documento: 16-Abr-2009
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: JALES, Edilene Fernandes. Associativismo nos municípios rurais: uma alternativa de desenvolvimento local em Portalegre/RN. 2009. 110 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional; Cultura e Representações) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2009.
Resumo: This work aims to study the associations as mediating the process of social change and its importance for local development. The hypothesis is that associations, but bring dynamism to the smaller cities and improve the living conditions of their members, relegated to the background social sustainability, understood this as a permanent exercise of mobilization and participation in community life. The assumptions of the study are that the practice group has influenced the processes of local development in Brazilian rural municipalities through the mediation of government programs and projects aimed at combating rural poverty require social organization for their achievement. The concept of local development in this work was rescued from studies of political economy and sociology. But the concepts of collective action and partnerships advêem studies of political participation and social development of the theory of alternative or solidarity. The party consisted of an empirical case study conducted with four associations of farmers in the municipality of Portalegre-RN. Why choose qualitative study was used the technique of semi-structured interviews with the chairmen I members of associations and other actors considered essential to understanding the study (religious leaders, local political power and chairman of the union of rural workers), a total of 20 interviews, in addition to the observations of field and documentary research in records of the.ir own organizations. The survey results show that the performance of groups of farmers are key components and determinants for the production I marketing of agricultural products and for boosting the economy, as well as security for minimum levels of citizenship. Yet we are still in a space purpose of social change, which comes to confirm the initial hypothesis of this work
metadata.dc.description.resumo: Este trabalho objetiva estudar as associações enquanto mediadoras de processo de mudança social e sua importância para o desenvolvimento local. A hipótese é que as associações, embora tragam dinamismo para os pequenos municípios e melhorem as condições de vida dos seus associados, relegam a um segundo plano a sustentabilidade social, compreendida esta como um exercício permanente de mobilização e de participação na vida da comunidade. Os pressupostos do estudo são que a prática associativa tem influenciado os processos de desenvolvimento local nos municípios rurais brasileiros por meio da mediação de programas e projetos governamentais voltados para o combate a pobreza rural que requerem a organização social para sua consecução. O conceito de desenvolvimento local neste trabalho foi resgatado dos estudos de economia política e de sociologia. Já os conceitos de ação coletiva e associativismo advêem dos estudos de participação política e social e da teoria do desenvolvimento alternativo ou solidário. A parte empírica constou de um estudo de caso realizado com quatro associações de produtores rurais do município de Portalegre-RN. Por optar por estudo qualitativo, utilizou-se da técnica da entrevista semi-estruturada junto aos presidentes/ sócios das associações, além de outros atores considerados indispensáveis para compreensão do estudo (líderes religiosos, poder político local e presidente do sindicato dos trabalhadores rurais), perfazendo um total de 20 entrevistas, além das observações de campo e da pesquisa documental em registros das próprias organizações. Os resultados da pesquisa revelam que a atuação das associações de produtores rurais são peças fundamentais e determinantes para a produção/escoamento dos produtos agrícolas e para a dinamização da economia, assim como, para segurança de níveis mínimos de cidadania. Porém, não se constituem ainda, em um espaço propositivo de mudança social, o que vem a confirmar a hipótese inicial desse trabalho
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/13560
Aparece nas coleções:PPGCS - Mestrado em Ciências Sociais

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
EdileneFJ.pdf1,55 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.