Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/14182
Título: Padre Miguelinho :o intelectual, o professor, o revolucionário - vozes que se fazem ouvir
Autor(es): Moreira, Keila Cruz
Palavras-chave: Educação;História, Padre Miguelinho;Seminário de Olinda;Sociedades Secretas;Education;History, Priest Miguelinho;Seminar of Olinda;Secret
Data do documento: 3-Out-2005
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: MOREIRA, Keila Cruz. Padre Miguelinho :o intelectual, o professor, o revolucionário - vozes que se fazem ouvir. 2005. 150 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2005.
Resumo: This research work worries in building the history of the natalense priest Miguel Joaquim of Almeida Castro, Miguelinho, I don't just eat one of the heroes and martyrs of the Revolution From Pernambuco of 1817, as bill the traditional history, but also the educated man, the intellectual and the admired teacher. The studied period understands the beginning of the century XIX, when priest Miguelinho comes back to Brazil, coming of Portugal, to assume teacher's occupation in the Seminar of Olinda, and it ends in the year of 1817, marked by the Revolution From Pernambuco, one of the most important movements in the fight for the liberation of Brazil of the Portuguese domain. Miguelinho, one of the leaders of the Revolution, that also reached the provinces of Paraíba and of Rio Grande do Norte, it was executed by the real troops. Like this, he tries to understand the Priest's conflicting relationship, while representative clergyman, of a Church that almost obtained a religious monopoly, and your ideals per centuries more gone back to a social and economical order of Illumines, that even certain point condemned the attitude of the own Church. The objective, then, is to understand through the path of priest's Miguelinho life, not only the intellectual, the teacher and the revolutionary, but the representation of your political and pedagogic-educational ideas in a die historical moment and the creation of the republican myth, looking for the plurality of an universe that seeks, per times, to flee of our theoretical context
metadata.dc.description.resumo: Este trabalho de pesquisa preocupa-se em construir a história do natalense padre Miguel Joaquim de Almeida Castro, o Miguelinho, não apenas como um dos heróis e mártires da Revolução Pernambucana de 1817, como conta a história tradicional, mas também o homem culto, o intelectual e o professor admirado. O período estudado compreende o início do século XIX, quando padre Miguelinho retorna ao Brasil, vindo de Portugal, para assumir a docência no Seminário de Olinda, e conclui no ano de 1817, marcado pela Revolução Pernambucana, um dos mais importantes movimentos na luta pela libertação do Brasil do domínio português. Miguelinho, um dos líderes da Revolução, que também atingiu as províncias da Paraíba e do Rio Grande do Norte, foi executado pelas tropas reais. Assim, procura-se compreender a relação conflituosa do Padre, enquanto representante clérigo, e seus ideais mais voltados para uma ordem social e econômica do Iluminismo, que até certo ponto condenava a atitude da própria Igreja. O objetivo, então, é compreender através da trajetória de vida do padre Miguelinho, não só o intelectual, o professor e o revolucionário, mas a representação de suas idéias políticas e pedagógico-educacionais em um dado momento histórico e a criação do mito republicano, buscando a pluralidade de um universo que procura, por vezes, fugir de nosso arcabouço teórico
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/14182
Aparece nas coleções:PPGED - Mestrado em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
KeilaCM.pdf727,91 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.