Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/15561
Título: Obtenção de placas cerâmico a partir de formulações de massas triaxiais de resíduos de caulim, chamote de telha e cinza vegetal
Autor(es): Cunha, José Eduardo Vilar
Palavras-chave: Resíduo de caulim;Rejeito de telha (Chamote);Cinza vegetal;Cerâmica vermelha;Residue of kaolin;Waste of tile (chamote);Wood ash;Red ceramic
Data do documento: 10-Ago-2009
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: CUNHA, José Eduardo Vilar. Obtenção de placas cerâmico a partir de formulações de massas triaxiais de resíduos de caulim, chamote de telha e cinza vegetal. 2009. 155 f. Tese (Doutorado em Tecnologia de Materiais; Projetos Mecânicos; Termociências) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2009.
Resumo: The production of red ceramic is an industrial activity that causes an intense impact. The manufacture of its products considerably increases the demand for natural resources, mainly with the extraction of raw material. The ceramic material produced generates waste, such as ash firewood and chamote. The residue from the beneficiation of kaolin is deposited in a poor, degrades the environment and contaminate water sources and soil, constituting in this manner, ecological disasters. The main objective of this work is to develop the formulation of a ceramic product consisting solely of industrial solid wastes, from ceramic tiles, (chamote) residue of kaolin and ash firewood. It is assumed that this product made in the laboratory can be used in coatings, wall and floor. The aim is to facilitate the replacement of the raw material of original composition of a ceramic body, for waste, while the process of production equal to the conventionally used, so that the properties of the product are reproduced. This work is characterized waste as its chemical composition, analysis of particle size, X-ray diffraction and thermal behavior. Several formulations were studied. The mass of waste was prepared by dry process, pressed to 25 MPa, and then burned in muffle type oven to 850, 950, 1050 and 1150 °C. The results showed that it is technically possible to produce porous tiles only with waste. It was found that the formulations of bodies play a key role in the properties of the final product, as well as the sintering temperature and heating rates. RN in the waste of kaolin is estimated at 15,000 t/month, about 3,000 gray t/month and chamote with 10 million pieces/month damaged. The presence of carbonates of calcium and magnesium at 1050 ° C results in an appropriate porosity and mechanical strength. The formulation M3JE, composed of 69% waste of kaolin, 7.7% and 23.3% of chamote of gray, became suitable for porous materials with the strength and absorption within the level of national and international standards
metadata.dc.description.resumo: A produção de cerâmica vermelha é uma atividade industrial que provoca um intenso impacto ambiental. A confecção de seus produtos aumenta sobremaneira a demanda por recursos naturais, principalmente com a extração da matéria prima, argila. O material cerâmico produzido gera resíduo, como o chamote e a cinza vegetal. O resíduo proveniente do beneficiamento do caulim que é depositado de forma inadequada degrada o meio ambiente e contamina os mananciais da água e do solo, constituindo dessa maneira, desastres ecológicos. O principal objetivo deste trabalho é desenvolver formulação de um produto cerâmico constituído exclusivamente de resíduos sólidos industriais, oriundos de telhas cerâmicas, (chamote), resíduo de caulim e cinza vegetal. Presume-se que este produto confeccionado em laboratório possa ser aproveitado em revestimentos de parede e piso. Pretende-se assim viabilizar a substituição das matérias-primas da composição original de uma massa cerâmica, por resíduos, mantendo-se o processo de produção igual ao convencionalmente utilizado, a fim de que as propriedades do produto sejam reproduzidas. No presente trabalho caracteriza-se os resíduos quanto a sua composição química, análise de tamanho de partícula, difração de raios X e comportamento térmico. Diversas formulações foram estudadas. A massa de resíduos foi preparada pelo processo via seca com corpos de provas prensados a 25 MPa, posteriormente queimados em forno mufla a 850, 950, 1050 e 1150 ºC. Os resultados obtidos evidenciaram tecnicamente que é possível se produzir placas cerâmicas porosos exclusivamente com resíduos. Verificou-se que as formulações das massas desempenham um papel fundamental nas propriedades do produto final, assim como as temperaturas de sinterização e taxas de aquecimento. No RN os resíduos de caulim são estimados em 15000 t/mês, a cinza com aproximadamente 3000 t/mês e o chamote com 10 milhões peças/mês danificadas. A presença de carbonatos de cálcio e magnésio em 1050 ºC resulta em uma adequada porosidade e resistência mecânica. A formulação M3JE, composta de 69% de resíduo de caulim, 7,7% de chamote e 23,3 % de cinza, se tornou adequado aos materiais porosos, com a resistência mecânica e absorção dentro do patamar das normas nacionais e internacionais
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/15561
Aparece nas coleções:PPGEM - Doutorado em Engenharia Mecânica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
JoseEVC_TESE.pdf2,46 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir    Solictar uma cópia
JoseEVC_TESE_PARCIAL.pdf111,44 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.