Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/15617
Título: Análise de viabilidade técnica de utilização da Fibra de bananeira com resina sintética em Compósitos
Autor(es): Mota, Rui Carlos de Sousa
Palavras-chave: Fibra natural;Fibra vegetal;Fibra de bananeira;Compósito híbrido;Natural fiber;Fiber plant;Banana tree fiber;Hybrid composite
Data do documento: 26-Fev-2010
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: MOTA, Rui Carlos de Sousa. Análise de viabilidade técnica de utilização da Fibra de bananeira com resina sintética em Compósitos. 2010. 108 f. Dissertação (Mestrado em Tecnologia de Materiais; Projetos Mecânicos; Termociências) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2010.
Resumo: This paper aims to present the feasibility of using a composite using discarded material from the cultivation of banana tree (pseudostem), which is fibrillated together with synthetic resin replacing glass fiber to be used in structural elements that do not demand large mechanical stress such as reservoirs, troughs, domes, sewage pipes etc.. For this, there were studies about the mechanical properties of a composite made with polyester resin and fiber of banana tree (Musa sp, musac), in which the splints were removed from the pseudostem, being made fibrillation by hand, with the aid of a brush steel, followed by natural drying. After treatment for cleaning and removal of wax, the fiber was cut into pieces of approximately 60 mm to 100 mm, for, together with synthetic resin, make cards of a features fiber composite with random orientation relative to the weight of the resin. We used three different percentages of fiber (3%, 6% and 9%), in order to make a comparative study between them and what would be the one with the best performance. Were manufactured specimens of each material and then subjected to uniaxial tensile tests, three point bending, moisture absorption and thermal characteristics. The results show that, in general, the use of banana tree fiber is feasible simply by an improvement in the production process (machining of the procedure) and greater care in the manufacture of parts
metadata.dc.description.resumo: Este trabalho tem como objetivo apresentar a viabilidade de um compósito utilizando material descartado da lavoura da bananeira (pseudocaule), o qual é fibrilado juntamente com resina sintética em substituição à fibra de vidro, a ser utilizado em elementos estruturais que não demandem grandes esforços mecânicos, tais como reservatórios, calhas, domos, tubulações de esgotamento etc. Para isso foram efetuados estudos sobre as propriedades mecânicas de um compósito de resina poliéster e fibra de bananeira (musa s.p., musácea), nos quais foram retiradas as talas do pseudocaule, sendo feita a fibrilização de forma manual, com o auxílio de uma escova de aço, seguido de secagem ao natural. Após tratamento para limpeza e retirada de cera, a fibra foi cortada em pedaços de aproximadamente 60 mm a 100 mm para, juntamente com a resina sintética, fabricar placas de um compósito de características fibrosas com orientação aleatória em relação ao peso da resina. Foram utilizadas três percentagens distintas de fibras (3%, 6% e 9%), a fim de se efetuar um estudo comparativo entre elas e determinar qual seria aquela com o melhor desempenho mecânico. Foram fabricados corpos de prova de cada material, sendo então submetida aos ensaios de tração uniaxial, flexão em três pontos, absorção de umidade e características térmicas. Os resultados demonstram que, de forma geral, o uso de fibra de bananeira é viável, bastando uma melhoria no seu processo de obtenção (mecanização do procedimento) e um maior cuidado durante a fabricação das peças
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/15617
Aparece nas coleções:PPGEM - Mestrado em Engenharia Mecânica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
RuiCSM_MESTRE.pdf3 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.