Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/15774
Title: Remoção conjugada de metais e óleo de água produzida
Authors: Nunes, Shirlle Katia da Silva
Keywords: Metais;Tensoativo;Água produzida;Tratamento;Petróleo;Metals;Surfactant;Produced water;Treatment;Petroleum
Issue Date: 6-Mar-2009
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: NUNES, Shirlle Katia da Silva. Remoção conjugada de metais e óleo de água produzida. 2009. 110 f. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento de Tecnologias Regionais) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2009.
Portuguese Abstract: O petróleo pode estar associado ou não com o gás natural, mas, em ambos os casos, a água está presente desde a sua formação. A presença da água ocasiona diversos problemas, tais como a dificuldade de remover o petróleo da rocha e a formação de emulsões do tipo água-em-óleo e óleo-em-água. A água de produção gera problemas ambientais, que devem ser solucionados para que o efeito da indústria do petróleo no meio ambiente seja minimizado. Este trabalho tem por objetivo remover associadamente o petróleo disperso e os metais dissolvidos na água de produção. O processo é viabilizado através da utilização de tensoativos aniônicos, que com suas partes hidrofílicas interagem com os metais ionizados e com suas partes lipofílicas interagem com o óleo. Os metais estudados foram: o cálcio, o magnésio, o bário e o cádmio. Os tensoativos utilizados na pesquisa foram derivados dos óleos de soja, girassol, coco e um sabão oriundo de uma mistura de 5% do óleo de coco e 95% de gordura animal. Utilizou-se uma amostra de água produzida proveniente do Terminal de São Sebastião, em São Paulo. Como a concentração dos metais estudados nesta água apresentavam valores próximos a 300 mg/L, decidiu-se fixar esta concentração como referência para o desenvolvimento da pesquisa. Para determinar as concentrações dos metais e do petróleo na água foram utilizados os espectrofotômetros de absorção atômica e de absorção molecular, respectivamente. Utilizou-se um sistema de filtração a pressão constante para promover a separação das fases sólida e líquida. Para representar o comportamento dos sistemas em estudo desenvolveu-se um modelo de equilíbrio e outro matemático. Os resultados mostraram que todos os tensoativos desenvolvidos apresentavam comportamento similar com relação à extração dos metais, sendo selecionado o tensoativo derivado do óleo de soja para este propósito. Os valores dos coeficientes de partição dos metais entre as fases sólida e líquida D variaram de 0,2 a 1,1, enquanto que os dos coeficientes do modelo de equilíbrio K ficaram entre 0,0002 e 0,0009. O percentual de remoção conjugada do óleo com todos os metais foi praticamente igual a 100 %, o que comprovou a eficiência do processo
Abstract: Petroleum can be associated or not with natural gas, but in both cases water is always present in its formation. The presence of water causes several problems, such as the difficulty of removing the petroleum from the reservoir rock and the formation of waterin-oil and oil-in-water emulsions. The produced water causes environmental problems, which should be solved to reduce the effect of petroleum industry in the environment. The main objective of this work is to remove simultaneously from the produced water the dispersed petroleum and dissolved metals. The process is made possible through the use of anionic surfactants that with its hydrophilic heads interacts with ionized metals and with its lipophilic tails interacts with the oil. The studied metals were: calcium, magnesium, barium, and cadmium. The surfactants used in this research were derived from: soy oil, sunflower oil, coconut oil, and a soap obtained from a mixture of 5wt.% coconut oil and 95wt.% animal fat. It was used a sample of produced water from Terminal de São Sebastião, São Paulo. As the concentration of the studied metals in produced water presented values close to 300 mg/L, it was decided to use this concentration as reference for the development of this research. Molecular absorption and atomic absorption spectroscopy were used to determine petroleum and metals concentrations in the water sample, respectively. A constant pressure filtration system was used to promote the separation of solid and liquid phases. To represent the behavior of the studied systems it was developed an equilibrium model and a mathematical one. The obtained results showed that all used surfactants presented similar behavior with relation to metals extraction, being selected the surfactant derived from soy oil for this purpose. The values of the partition coefficients between the solid and liquid phases " D " for the studied metals varied from 0.2 to 1.1, while the coefficients for equilibrium model " K " varied from 0.0002 and 0.0009. The removal percentile for oil with all metals associated was near 100%, showing the efficiency of the process
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/15774
Appears in Collections:PPGEQ - Mestrado em Engenharia Química

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ShirlleKSN.pdf
Restricted Access
1,23 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy
ShirlleKSN_PARCIAL.pdf839,46 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.