Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/15809
Título: Estudo das características físico-químicas e funcionalidade de bagaços de frutas tropicais desidratados em leito de jorro
Título(s) alternativo(s): Physical-chemical characterization and functionality of dried tropical fruit wastes obtained by using the spouted bed drier
Autor(es): Borges, Kátia Cristina
Palavras-chave: Bagaços de frutas tropicais;Secador de leito de jorro;Extratos fenólicos;Antioxidantes;α-amilase;α-glicosidase;Tropical fruit wastes;Spouted bed drier;Phenolic extracts;Antioxidants;Amylase;glycosidase
Data do documento: 15-Fev-2011
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: BORGES, Kátia Cristina. Physical-chemical characterization and functionality of dried tropical fruit wastes obtained by using the spouted bed drier. 2011. 156 f. Dissertação (Mestrado em Pesquisa e Desenvolvimento de Tecnologias Regionais) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2011.
Resumo: Fruits are rich sources of bioactive compounds, including phenolic compounds. Tropical fruit cultivation is an important productive segment in Brazilian Northeast. Its industrialization generates solid wastes as co-products, with potential environmental impact. Considering the recognized bioactive content of fruit and its derivatives, this research has the objective of investigating acerola (Malpighia glabra L.), cajá-umbu (Spondia ssp), jambolan (Syzygium cumini) and pitanga (Eugenia uniflora) dried wastes obtained by spouted bed drier. It was analyzed the physical-chemical composition, solubility and microphotographic aspect of these dried wastes. Besides this, it was also evaluated the bioactive content, antioxidant activity and inhibitory activity against aamylase and a-glycosidase enzymes of water and ethanol (70%, 80% e 100% v/v) extracts prepared from fruit dried wastes, as well as their possible correlations. The dried fruit wastes showed high phenolic (606.04 to 3074.6 mg GAE eq/100 g sample), anthocyanin (478.7 mg/100 g for jambolan) and ascorbic acid (2748.03 mg/100 g for acerola) contents, as well as high antioxidant DPPH activity (14.27 a 36.30 mg Trolox eq/g sample). The extracts exhibited moderate to high a-amylase inhibition (23.97% a 76.58%) and high α-glycosidase inhibition, which 99.32% peak was reached for ethanol 70% pitanga extracts. It was also observed great positive correlation between phenolic content and DPPH activity (0.97 for acerola), anthocyanin (0.95 for jambolan) and α- glycosidase inhibition (0.98 for acerola). The α-glycosidase inhibition also correlated well with the antioxidant activity for all fruit extracts. The results show that these dried fruit wastes are valuable material for further applications as functional ingredients
metadata.dc.description.resumo: As frutas possuem importantes compostos bioativos, dentre eles os compostos fenólicos. O cultivo de frutas tropicais é um importante segmento produtivo do Nordeste Brasileiro, mas sua industrialização gera resíduos sólidos como có-produtos da atividade, passíveis de gerar impacto ambiental. Tendo em vista o reconhecido conteúdo bioativo de frutas e seus có-produtos, objetivou-se estudar o bagaço desidratado da acerola (Malpighia glabra L.), cajá-umbu (Spondia ssp), jambolão (Syzygium cumini) e pitanga (Eugenia uniflora) obtidos em secador de leito de jorro. A partir disso, foi analisada a composição físico-química, solubilidade e aspecto microfotográfico dos bagaços secos. Além disso, foi avaliada a concentração de compostos bioativos, atividade antioxidante e atividade inibitória contra as enzimas α-amilase e α-glicosidase do extrato aquoso e extratos etanólicos (70%, 80% e 100% v/v) preparados a partir dos bagaços desidratados, bem como suas correlações. Os pós de fruta apresentaram elevado teor de compostos fenólicos (606,04 a 3074,6 mg GAE eq/100 g amostra), antocianinas (478,7 mg/100 g para jambolão) e ácido ascórbico (2748,03 mg/100 g), bem como expressiva atividade antioxidante medida pelo método DPPH (14,27 a 36,30 μg Trolox eq/g amostra). Os extratos foram capazes de expressar inibição da α-amilase de moderada a alta (23,97% a 76,58%) e expressiva inibição da α-glicosidase, cujo máximo de 99,32% foi alcançado pelos extratos etanólicos 70% da pitanga. Foi observada correlação positiva entre o teor fenólico e atividade antioxidante (0,97 para acerola), antocianinas (0,95 para jambolão), inibição da α-amilase (0,99 para jambolão) e inibição da α-glicosidase (0,93 para pitanga) e dessas duas últimas com a atividade antioxidante para todos os frutos estudados. Os dados apresentados demonstram que os resíduos desidratados constituem valioso material de estudo para aplicações como ingredientes funcionais
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/15809
Aparece nas coleções:PPGEQ - Mestrado em Engenharia Química

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
KatiaCB_DISSERT.pdf2,75 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.