Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/16696
Title: Efeitos da eletroestimulação percutânea na incontinência urinária e qualidade de vida pós-prostatectomia: registro de seis casos
Authors: Sousa, Mabel Araujo de
Keywords: Incontinência urinária;Fisioterapia;Prostatectomia;Eletroestimulação;Urinary incontinence;Physical therapy;Prostatectomy;Electrical stimulation
Issue Date: 17-Feb-2011
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SOUSA, Mabel Araujo de. Efeitos da eletroestimulação percutânea na incontinência urinária e qualidade de vida pós-prostatectomia: registro de seis casos. 2011. 57 f. Dissertação (Mestrado em Movimento e Saúde) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2011.
Portuguese Abstract: Introdução: A prostatectomia radical é o tratamento mais adotado atualmente ao se detectar câncer de próstata, sendo a incontinência urinária uma das complicações pósoperatórias mais comun, causando impacto negativo na qualidade de vida do individuo prostatectomizado. A estimulação elétrica nervosa de superfície envolve a transmissão de impulsos elétricos de um estimulador externo para o sistema nervoso periférico, através de eletrodos aderidos a pele sendo uma técnica simples e eficiente, muito utilizada para o alívio da dor, reeducação e fortalecimento muscular. Objetivo: Analisar o efeito da eletroestimulação percutânea em T10-L2, em indivíduos com incontinência urinária, submetidos a prostatectomia radical pela técnica de videolaparoscopia. Métodos: Seis pacientes previamente submetidos a prostatectomia radical realizaram 20 atendimentos de eletroestimulação de superfície a nível de T10-L2, com frequência de 4 Hz, largura de pulso de 1ms durante 20 minutos. Todos os sujeitos preencheram o questionário de avaliação da qualidade de vida - International Consultation on Incontinence Questionnaire- Short FormI ICIQ-SF. Resultados: Os resultados mostraram redução do uso do número de protetores, de perdas urinárias, antes e depois do tratamento, além da diminuição da frequência miccional e consequente melhora da qualidade de vida. Nenhum efeito colateral foi registrado. Conclusão: A eletroestimulação de superfície a nível de T10-L2 pode ser uma técnica eficaz no tratamento da incontinência urinária (IU) pós prostatectomia radical por video laparoscopia
Abstract: Introduction: Radical prostatectomy surgery is the best treatment currently adopted by detecting prostate cancer. The urinary incontinence is one more common and difficult to treat postoperative complications, which causes a negative impact on quality of life of the individual prostatectomy . The surface electrical nerve stimulation involves the transmission of electrical impulses from an external stimulator for peripheral nerve through surface electrodes attached to skin. It is an easy and efficient technique, widely used for pain relief, rehabilitation and muscle strengthening. Objective: To analyze the effect of T10-L2 percutaneous electrical stimulation, in individuals with urinary incontinence who underwent radical prostatectomy by the laparoscopic technique. Methods: Six patients had previously undergone radical prostatectomy were submitted to 20 sections of surface electrical stimulation with frequency of 4 Hz, pulse width of 1ms during 20 minutes. All subjects fillid a quality of life - International Consultation on Incontinence Questionnaire- Short FormI - ICIQ-SF questionnaire evaluating. Results: Results showed reduction in the use of the number of pads, number of leaks before and after treatment, and reduced voiding frequency and consequent improvement in quality of life. No side effects were reported. Conclusion: Percutanous electrical stimulation in T10-L2 may be an effective technique to treat urinary incontinence (UI) after radical prostatectomy video laparoscopy
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/16696
Appears in Collections:PPGFS - Mestrado em Fisioterapia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MabelAS_DISSERT.pdf320.25 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.