Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/16706
Title: Avaliação da cinemática do complexo tóraco-abdominal durante repouso e endurance muscular respiratória em obesos
Authors: Nascimento, Angelo Augusto Paula do
Keywords: Cinemática;Obesidade;Testes de função pulmonar;Ventilação voluntária máxima;Fisioterapia;Kinematics;Obesity;Respiratory function tests;Maximal voluntary ventilations;Physiotherapy
Issue Date: 15-Apr-2011
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: NASCIMENTO, Angelo Augusto Paula do. Avaliação da cinemática do complexo tóraco-abdominal durante repouso e endurance muscular respiratória em obesos. 2011. 79 f. Dissertação (Mestrado em Movimento e Saúde) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2011.
Portuguese Abstract: Contextualização: A obesidade pode afetar o sistema respiratório, causando alterações na mecânica ventilatória, nos volumes e fluxos pulmonares. Objetivos: Avaliar a influência da obesidade no movimento do complexo tóraco-abdominal durante o repouso e durante a ventilação voluntária máxima (VVM), assim como a contribuição entre os diferentes compartimentos desse complexo e as variações de volume da parede torácica e entre obesos e não obesos. Materiais e Métodos: Foram avaliados 16 indivíduos divididos em dois grupos: grupo de obesos (n = 8) e grupo de eutróficos (n = 8). Os dois grupos foram homogêneos quanto às características espirométricas (média de CVF: 4,97 ± 0,6 L 92,91 ± 10,17 % do predito, e 4,52 ± 0,6 L 93,59 ± 8,05 %), idade 25,6 ± 5,0 e 26,8 ± 4,9 anos, em eutróficos e obesos respectivamente. O IMC foi de 24,93 ± 3,0 e 39,18 ± 4,3 kg/m2, nos grupos investigados. Todos os sujeitos realizaram respiração calma e lenta e a manobra de Ventilação voluntária máxima, durante o registro por pletismografia optoeletrônica. Para análise estatística, foram utilizados os testes t não pareado e de Mann-Whitney. Resultados: Os indivíduos obesos apresentaram menor contribuição percentual da caixa torácica abdominal (RCa) durante a respiração em repouso e na VVM. A variação dos volumes pulmonares expiratório (VEE) e inspiratório finais (VEI) foram menores nos sujeitos obesos. Foram constatados maiores assincronia e distorção entre os compartimentos do complexo tóraco-abdominal nos obesos, quando comparados aos eutróficos. Conclusões: A obesidade central interfere negativamente na ventilação pulmonar, reduzindo a adaptação aos esforços e incrementando o trabalho ventilatório
Abstract: Background: Obesity may affect the respiratory system, causing changes in respiratory function and in the pulmonary volumes and flows. Objectives: To evaluate the influence of obesity in the movement of thoracoabdominal complex at rest and during maximal voluntary ventilation (MVV), and the contribution between the different compartments of this complex and the volume changes of chest wall between obese and non-obese patients. Materials and Methods: We studied 16 patients divided into two groups: the obese group (n = 8) and group non-obese (n = 8). The two groups were homogeneous in terms of spirometric characteristics (FVC mean: 4.97 ± 0.6 L - 92.91 ± 10.17% predicted, and 4.52 ± 0.6 L - 93.59 ± 8.05%), age 25.6 ± 5.0 and 26.8 ± 4.9 years, in non-obese and obese respectively. BMI was 24.93 ± 3.0 and 39.18 ± 4.3 kg/m2 in the groups investigated. All subjects performed breathing calm and slow and maneuver MVV, during registration for optoelectronic plethysmography. Statistical analysis: we used the unpaired t test and Mann-Whitney. Results: Obese individuals had a lower percentage contribution of the rib cage abdominal (RCa) during breathing at rest and VVM. The variation of end expiratory (EELV) and end inspiratory (EILV) lung volumes were lower in obese subjects. It has been found asynchrony and higher distortion between compartments of thoracoabdominal complex in obese subjects when compared to non-obese. Conclusions: Central obesity impairs the ventilation lung, reducing to adaptation efforts and increasing the ventilatory work
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/16706
Appears in Collections:PPGFS - Mestrado em Fisioterapia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AngeloAPN_DISSERT.pdf972.01 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.