Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/17157
Title: Estudo da detecção do DNA do papiloma vírus humano (HPV) e da expressão imuno-histoquímica de proteína do ciclo celular no carcinoma epidermóide oral
Authors: Soares, Rosilene Calazans
Keywords: HPV;Carcinoma epidermóide oral;PCR;Hibridização dot blot, p21, pRb;HPV;Oral squamous cell carcinoma;PCR;Dot blot hibridization, p21, pRb
Issue Date: 4-Nov-2005
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SOARES, Rosilene Calazans. Estudo da detecção do DNA do papiloma vírus humano (HPV) e da expressão imuno-histoquímica de proteína do ciclo celular no carcinoma epidermóide oral. 2005. 100 f. Tese (Doutorado em Odontologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2005.
Portuguese Abstract: O carcinoma epidermóide oral é a neoplasia maligna mais freqüente da cavidade oral e o papilomavírus humano (HPV) parece ter um relevante papel na indução desta lesão. Neste trabalho investigou-se o DNA do HPV e tipos virais em 90 casos de carcinoma epidermóide oral (CEO). Realizou-se também uma análise comparativa entre os grupos de CEO com DNA do HPV e sem o DNA do vírus, empregando-se os marcadores do ciclo celular p21 e pRb, a fim de estabelecer possível correlação entre a expressão imuno-histoquímica dessas proteínas e a infecção pelo HPV. O DNA foi extraído de tecido emblocado em parafina e amplificado por PCR (reação em cadeia da polimerase) com um par de primers designados PCO3+ e PCO4+ para um fragmento do gene da β-globina humana. Posteriormente, realizou-se PCR para detecção do DNA de HPV utilizando-se um par de primers genéricos designados GP5+ e GP6+. A tipagem viral foi realizada pela hibridização dot blot. No método imuno-histoquímico utilizou-se a técnica da streptavidina-biotina com um painel de anticorpos monoclonais para as proteínas p21 e pRb. Dos 88 casos positivos para o gene da β-globina humana, em 26 (29,5%) foi detectado o DNA do HPV. Não houve associação significativa entre o HPV e as variáveis idade e sexo dos pacientes e localização anatômica da lesão. O tipo viral prevalente foi o HPV 18 (80,8%). Quanto à análise imuno-histoquímica, foi observada associação estatisticamente significativa entre a presença do HPV e a expressão imunohistoquímica de pRb (p=0,044), entretanto, não houve qualquer diferença estatisticamente significativa entre a expressão da proteína p21 e a presença do vírus (p =0,416). Pôde-se concluir que o baixo percentual de detecção do DNA do HPV no carcinoma epidermóide oral no presente trabalho, sugere uma possível participação do HPV no desenvolvimento e progressão de apenas um subgrupo dessas lesões
Abstract: Oral squamous cell carcinoma (OSCC) is the most common malignancy in oral cavity and human papillomavirus (HPV) may have an important role in its development. The aim of this experiment was to investigate the HPV DNA and viral types in 90 cases of OSCC. Moreover, a comparative analysis between the cases of OSSC with and without HPV DNA was performed by using cell cycle markers p21 and pRb in order to detect a possible correlation of these proteins and HPV infection. DNA was extracted from paraffin embedded tissue and amplified by PCR (polymerase chain reaction) with primers PCO3+ e PCO4+ for a fragment of human β-globin gene. After this procedure, PCR for HPV DNA detection was realized using a pair of generic primers GP5+ e GP6+. Immunohistochemical study was performed by streptoavidin-biotin technique and antibodies against p21 and pRb proteins were employed. Eighty-eight cases were positive for human β-globin gene and HPV DNA was found in 26 (29.5%) of then. It could not be detected significant correlation between HPV and age, sex and anatomical sites of the lesion. The most prevalent viral type was HPV 18 (80.8%). Regarding the immunohistochemical analysis, it was detected significant association between HPV presence and pRb immunoexpression (p=0,044), nevertheless, the same was not observed in relation to p21 protein (p =0,416). It can be concluded that the low detection of HPV DNA in OSCC by the present experiment suggests a possible role of the virus in the development and progression in just a subset of this disease
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/17157
Appears in Collections:PPGPO- Doutorado em Patologia Oral

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
RosileneCS.pdf367.49 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.