Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/20120
Título: Processo de construção do conhecimento a partir do diálogo ensino-serviço na ótica dos profissionais de saúde
Autor(es): Santos, Ana Maria Gomes dos
Palavras-chave: Educação em saúde;Educação permanente;Comunidade;Estudantes;Saúde da família
Data do documento: 29-Abr-2015
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: SANTOS, Ana Maria Gomes dos. Processo de construção do conhecimento a partir do diálogo ensino-serviço na ótica dos profissionais de saúde. 2015. 61f. Dissertação (Mestrado Profissional em Ensino na Saúde) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.
Resumo: INTRODUCTION: In Brazil, the health training policies have been going through deep changes, which are the fruits of the sanitary reform and of the breakage with the biomedical model, still hegemonic. Nevertheless, the paradigm of comprehensiveness is being introduced in health and, in order to consolidate this concept, the training has been gaining new methodological approaches. One can mention the teaching-service interaction (education-health system/citizenship health), whose proposal enables the expansion of the perception of the health-disease process, as well as the warranty of compromises of training in relation to SUS. OBJECTIVE: Understand, from health professionals, the relevance of teaching-service-community interaction, vocational training of students of the Faculty of Health Sciences / UFRN. METHODOLOGICAL PROCEDURES: This study is grounded on qualitative approach. The technique used to obtain research data was the focus group. Two focus groups (FG) were accomplished in two family basic health units of the municipality of Santa Cruz – RN, where there is participation of professionals of the Family Health Strategy. The discussions were performed from a previously elaborated script. The analysis of results was held from the categorical thematic content technique. RESULTS: The study had the participation of 18 health professionals, and 13 (72%) were females. For these professionals, the teaching-service interaction enables the student to understand the model of comprehensive health care, since the contact with the community enhances its perception about the health-disease process, but also enables recognizing the importance of teamwork to comprehensive health care. FINAL CONSIDERATIONS: The results highlight the importance of a policy of reorientation within the context of training so that students have an early contact with the service and therefore develop technical skills within the context in which they are inserted.
metadata.dc.description.resumo: INTRODUÇÃO: As políticas de formação em saúde no Brasil vêm passando por profundas transformações, resultado da reforma sanitária e do rompimento com o modelo biomédico, ainda hegemônico. No entanto, o paradigma da integralidade vem sendo introduzido na saúde e, para a consolidação desse conceito, a formação vem se apropriando de novas abordagens metodológicas. Pode-se mencionar a interação ensino-serviço (ensino-serviço-comunidade), cuja proposta permite a ampliação da percepção acerca do processo saúde-doença, além da garantia dos compromissos da formação para/com o SUS. OBJETIVO: Compreender, a partir dos profissionais de saúde, a relevância da interação ensino-serviço-comunidade, na formação profissional dos estudantes da Faculdade de Ciências da Saúde/UFRN. PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS: Estudo fundamentado na abordagem qualitativa, a técnica utilizada para obtenção dos dados da pesquisa foi o grupo focal (GF). Foram realizados 2 GFs em duas unidades básica de saúde da família do município de Santa Cruz – RN, onde participaram profissionais da equipe da estratégia de saúde da família. As discussões foram conduzidas a partir de um roteiro previamente elaborado. A análise dos resultados foi realizada a partir da técnica de conteúdo temática categorial. RESULTADOS Participaram do estudo, 18 profissionais de saúde, sendo 13 (72%) do sexo feminino. Para esses profissionais, a interação ensino-serviço permite ao estudante compreender o modelo de atenção integral em saúde, visto que o contato com a comunidade amplia a sua percepção acerca do processo saúde-doença, como também permite reconhecer a importância do trabalho em equipe para atenção integral em saúde. CONSIDERAÇÕES FINAIS: Os resultados indicam a importância da política de reorientação no contexto da formação para que os alunos tenham precocemente contato com o serviço e, dessa forma desenvolva habilidades técnicas e relacionais no contexto ao qual for inserido.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/20120
Aparece nas coleções:MPEENSA - Mestrado Profissional em Ensino na Saúde

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
AnaMariaGomesDosSantos_DISSERT.pdf824,99 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.