Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/20210
Título: Análise do perfil de encaminhamento da atenção primária para pré-natal de alto risco: desafios para o ensino de competências em saúde materno-infantil
Autor(es): Araújo, Gizeuda Teixeira de
Palavras-chave: Educação médica;Competência clínica;Competência profissional;Cuidado pré-natal
Data do documento: 30-Abr-2015
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: ARAÚJO, Gizeuda Teixeira de. Análise do perfil de encaminhamento da atenção primária para pré-natal de alto risco: desafios para o ensino de competências em saúde materno-infantil. 2015. 22f. Dissertação (Mestrado Profissional em Ensino na Saúde) - Centro de Ciências Humanas, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.
Resumo: OBJECTIVE: to identify a profile of the main causes of inappropriate referrals from primary care to specialized services, as strategy for the curriculum development of core competencies related to maternal health. METHODS: a cross-sectional study was performed using document analysis of all referrals of pregnant women from primary care to the high-risk pregnancy service, state of Rio Grande do Norte, Brazil. All pregnant women referred from June to December 2014 (n = 771) were included. According to their causes the referrals were categorized as adequate, inadequate or inconclusive. RESULTS: a total of 188 referrals were classified as inadequate (24.4%) and 93 inconclusive (12.1%) totalizing 36.5% of inappropriate referrals. The main causes identified in these inappropriate referrals were: low-risk pregnancy (12.8%), unconfirmed hypertension (12.1%), risk of abortion (8.9%), teenage pregnancy (7.1%) , toxoplasmosis (5.3%), Rh incompatibility (4.6%) and urinary tract infection (4.3%). These data contributed to the formulation of the following products: 1) a continuing education program for health professionals working in primary care, undergraduate students and residents; and 2) development of a virtual platform to support professionals who need to refer patients to high-risk pregnancy service. CONCLUSION: the results of this study are relevant in the current context of education of health professionals, with potential for positively impact not only in the development of skills related to maternal health in undergraduate and graduate education, as well as contributing for improvement of the health care of the population.
metadata.dc.description.resumo: OBJETIVO: descrever perfil das principais causas de encaminhamentos inadequados da atenção primária para o pré-natal de alto risco, como subsídio para o planejamento de ações voltadas para a qualificação do ensino de competências essenciais na área da saúde materna. MÉTODOS: estudo com delineamento transversal, baseado na análise documental de todos os encaminhamentos de gestantes para o serviço de pré-natal de alto risco (PNAR) da Maternidade Escola Januário Cicco (MEJC), serviço de referência obstétrica para o estado do Rio Grande do Norte. Todas as gestantes encaminhadas no período de junho a dezembro de 2014 (n=771) passaram por consulta de triagem, na qual foi preenchido formulário para análise da causa clínica que motivou o encaminhamento para o PNAR. Os encaminhamentos foram classificados como adequados, inadequados ou inconclusivos. RESULTADOS: foram detectados 188 encaminhamentos inadequados (24,4%) e 93 inconclusivos (12,1%), totalizando 36,5% de encaminhamentos inapropriados. As principais causas identificadas nos encaminhamentos inadequados foram: gestação de baixo risco (12,8%), hipertensão arterial não confirmada (12,1%), ameaça de abortamento (8,9%), gravidez na adolescência (7,1%), toxoplasmose (5,3%), incompatibilidade sanguínea RH (4,6%) e infecção do trato urinário (4,3%). Os dados obtidos fornecem subsídios para os seguintes produtos: 1) planejamento de atividades de educação permanente voltadas para os profissionais da saúde da atenção primária, alunos de graduação e residentes; e 2) formulação de uma plataforma virtual para suporte aos profissionais que necessitam encaminhar pacientes ao PNAR, através do programa de Telessaúde. CONCLUSÃO: os resultados do trabalho são de grande relevância no contexto atual da formação profissional em saúde, com potencial para impactar positivamente não apenas no desenvolvimento de competências relacionadas à saúde materna na graduação e pós-graduação mas também na qualificação da atenção à saúde prestada à população.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/20210
Aparece nas coleções:MPEENSA - Mestrado Profissional em Ensino na Saúde

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
GizeudaTeixeiraDeAraujo_DISSERT.pdf516,67 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.