Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/26154
Title: Avaliação do desempenho motor e movimentos generalizados em prematuros de baixo peso submetidos ao Método Canguru
Authors: Fonseca Filho, Gentil Gomes da
Keywords: Desenvolvimento Infantil;Recém-nascido prematuro;Método Canguru
Issue Date: 27-Feb-2018
Citation: FONSECA FILHO, Gentil Gomes da. Avaliação do desempenho motor e movimentos generalizados em prematuros de baixo peso submetidos ao Método Canguru. 2018. 72f. Dissertação (Mestrado em Fisioterapia) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Abstract: Introduction: The Kangaroo Method, implemented by many developing countries, is a strategy for improving neonatal care. This method seeks to organize the immature physiological systems of low weight premature infants through the insertion of parents into the responsibility of the baby and the kangaroo position. Despite the benefits already mentioned since its development, little is known about the motor patterns and the generalized movements of premature infants undergoing this method. Objective: To evaluate the motor performance and the generalized movements of low birth weight preterm infants submitted to the Kangaroo Method. Methods: This was an exploratory cross-sectional study of 33.18 (± 2.19) weeks old babies born with gestational age and 1778.87 (± 300.67), submitted to MC. The infants were followed during hospital stay, mean of 19.30 (± 10.74) days, in order to collect data regarding prenatal, perinatal and postnatal clinical variables and the daily kangaroo position time made by caregivers. After the discharge, they were evaluated at the first visit of the third stage of CM, with a mean age of 38.26 (± 1.87) weeks. The motor performance was evaluated by the Infant Performance Test of Motor Performance and the spontaneous movements by the Prechtl Method. Results: The prevalence of atypical motor performance was 21.7% and of generalized abnormalities was 39.1%. The analysis showed low agreement between the two instruments and a longer hospitalization time for infants with typical motor performance (p = 0.01). Conclusion: In the present study it was observed that despite MC, atypical motorized movement and motor performance rates were found, emphasizing the importance of the use of standardized instruments in the monitoring of preterm infants, such as TIMP and GM.
Portuguese Abstract: Introdução: O Método Canguru, implementado por muitos países em desenvolvimento, é uma estratégia de melhora na assistência neonatal. Este método busca a organização dos sistemas fisiológicos imaturos do prematuro de baixo peso, através da inserção dos pais no cuidado ao bebê e da posição canguru. Apesar dos benefícios já elencados desde do seu desenvolvimento, pouco se sabe sobre os padrões motores e os movimentos generalizados dos prematuros submetidos a este método. Objetivo: Avaliar o desempenho motor e os movimentos generalizados dos prematuros de baixo peso submetidos ao Método Canguru. Métodos: Trata-se de um estudo transversal exploratório, realizado com bebês nascidos com idade gestacional de 33,18 (± 2,19) semanas e peso de 1778,87 (±300,67), submetidos ao MC. Os bebês foram acompanhados durante a internação hospitalar, média de dias 19,30 (±10,74), a fim de coletar dados referentes a variáveis clínicas pré-natais, perinatais e pós-natais e o tempo de posição canguru diário feito pelos cuidadores. Foram avaliados, após a alta, na primeira consulta da terceira etapa do MC, com idade de 38,26 (±1,87) semanas. O desempenho motor foi avaliado pelo Test Infant of Motor Performance e os movimentos espontâneos pelo Método Prechtl. Resultados: A prevalência de desempenho motor atípico foi de 21,7% e de movimentos generalizados alterados foi de 39,1%. A análise mostrou baixa concordância entre os dois instrumentos e um maior tempo de internação para os bebês com desempenho motor típico (p=0,01). Conclusão: No presente estudo foi observado que apesar do MC, foram encontradas taxas de movimentos generalizados e desempenho motor atípicos, ressaltando a importância do uso de instrumentos padronizados no acompanhamento dos prematuros, como o TIMP e GM.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/26154
Appears in Collections:PPGFS - Mestrado em Fisioterapia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Avaliaçãodesempenhomotor_FonsecaFilho_2018.pdf1,08 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.